Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Áreas de atuação do Engenheiro de Produção [Parte 1]

por Jéssica Dias | 19/01/2015
Copiado!

Uma das dúvidas ao escolher um curso de graduação é em quais áreas poderemos atuar depois de formados, por isso discutiremos neste e em um próximo post as 10 áreas de atuação do Engenheiro de Produção segundo a ABEPRO (Associação Brasileira de Engenharia de Produção). Deixaremos também alguns links de textos relacionados a cada uma das áreas para melhorar ainda mais seu entendimento.

Fonte: civengineer.net

Fonte: civengineer.net

Se você ainda não conhece essa profissão, clique aqui e saiba o que o Engenheiro de Produção faz. A Engenharia de Produção está dividida em 10 áreas:

  • Logística
  • Engenharia de Operações e Processos da Produção
  • Pesquisa Operacional
  • Engenharia da Qualidade
  • Engenharia Organizacional
  • Engenharia Econômica
  • Engenharia do Trabalho
  • Engenharia do Produto
  • Engenharia da Sustentabilidade
  • Educação em Engenharia de Produção

Hoje abordaremos as cinco primeiras áreas. Vamos falar um pouco sobre cada uma delas?


  1. Logística: é definida como a estrutura de planejamento de negócios para o gerenciamento de materiais, serviços, informação e fluxo de capital. O objetivo do engenheiro aqui é reduzir os custos logísticos ao mesmo tempo em que satisfaz os pedidos do cliente da melhor maneira possível, o que inclui a entrega no tempo correto e também o gerenciamento de questões como devoluções, reclamações e produtos danificados nos processos logísticos.Textos relacionados: Logística: entregando ao cliente o que ele deseja e Afinal, o que é supply chain?
    logistica-blog-da-engenharia-1024x680

    Licença: Creative Commons. Foto por: InterCityImpress


  2. Engenharia de Operações e Processos da Produção: é a área responsável por planejar, controlar e otimizar o processo produtivo. Aqui o engenheiro cuida dos processos de produção de bens e serviços, minimizando custos, planejando e controlando a produção, fazendo projetos de fábricas, entre outros.

     

    Textos relacionados: Self-balanced lines: uma alternativa às tradicionais linhas de produção e Sistemas de produção puxados x empurrados

    BMW-Production-line-blog-da-engenharia

    Fonte: bmwcoop.com


  3. Pesquisa Operacional: é a aplicação de métodos analíticos avançados para dar suporte à tomada de decisões. Nessa área – que é multidisciplinar – o engenheiro usará da racionalidade para resolver problemas, sem deixar de levar em conta as características que não podem ser matematicamente expressas. Aqui se enquadram as sub-áreas simulação, análise de demanda, inteligência computacional, entre outras.Textos relacionados: Pesquisa Operacional: ciência para resolver problemas reais e Como prever demandas futuras?

    estratégia-blog-da-engenharia-300x190

    Licença: Creative Commons 2.0 / Ken Teegardin


  4. Engenharia da Qualidade: é o gerenciamento, desenvolvimento, operação e manutenção de projetos e sistemas com altos padrões de qualidade. Aqui, ferramentas são utilizadas para aumentar a qualidade dos produtos ou serviços; além disso, padrões e certificações são criados para assegurar a qualidade.Textos relacionados: Conheça as 7 ferramentas da qualidade e Ciclo PDCA de melhoria contínua
    Qualidade-blog-da-engenharia

    Fonte: residenciasaude.com.br


  5. Engenharia Organizacional: Conjunto de conhecimentos relacionados à gestão das organizações, desde a estratégia até os projetos, inovação e informação. Seu foco é aumentar a eficiência, a eficácia, a comunicação e coordenação em grupos de todos os tipos. Estes incluem equipes, departamentos, divisões, comitês e muitas outras formas de organizações que são direcionadas por metas.Textos relacionados: Gerenciamento de Projetos: o que é e como é feito e Design Thinking: pensar como um designer pode impulsionar a inovação

Essas foram as primeiras cinco áreas de atuação do engenheiro de produção. Você já estudou ou trabalha em alguma delas? Compartilhe conosco nos comentários! Até a próxima!

Referências: smallbusiness.chron.com, abepro.org.br, oeinstitute.org

Continue lendo: Áreas de atuação do Engenheiro de Produção [Parte 2]

Copiado!
Engenharia 360

Jéssica Dias

Engenheira de Produção formada pela UENF com mais de dois anos de experiência em cadeia de suprimentos (supply chain), passando por funções nas áreas de logística, processos e planejamento de materiais. Apaixonada por tecnologia, leitura, ensinar o que sei e ajudar a outras pessoas a serem melhores em suas carreiras.

Comentários