Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

O que faz um Engenheiro de Produção?

por Jéssica Dias | 22/10/2014
Copiado!

Se você está escolhendo sua profissão ou mesmo tem curiosidade pra saber o que um engenheiro de produção faz, este post é pra você! Vamos falar um pouco, de forma geral, quais são as responsabilidades deste profissional ao atuar no mercado. Se você quer saber como seria esse trabalho na prática, veja como é o trabalho de um Engenheiro de Produção na Disney.

A Engenharia de Produção é o ramo da engenharia que lida com a otimização de processos e sistemas complexos. Nela os engenheiros procuram formas de eliminar desperdícios nos processos de produção, além de inventar/aplicar maneiras mais eficientes de usar os trabalhadores, máquinas, materiais, informações e energia para fazer um produto ou prover um serviço.

grupo de pessoas trabalhando em torno de mesa

Tipicamente, os engenheiros de produção:

  • Revisam programas de produção, especificações de engenharia, fluxos de processo e outras informações para entender os métodos e atividades nas manufaturas e serviços;
  • Descobrem como produzir partes ou produtos, ou prestar serviços, com máxima eficiência;
  • Desenvolvem sistemas de controle para fazer planejamentos financeiros e análises de custos mais eficientes;
  • Promulgam procedimentos de controle de qualidade para resolver problemas de produção ou minimizar custos;
  • Trabalham com os consumidores e com a gerencia para desenvolver padrões para projetos e produção;
  • Projetam sistemas de controle para coordenar atividades e planejamento de produção para certificar que os produtos atenderão os padrões de qualidade;
  • Comunica-se com os clientes sobre as especificações do produto, com os fornecedores sobre compras, com os gerentes sobre capacidade de produção, e com os times sobre o status do projeto.
  • Os engenheiros de produção aplicam suas habilidades para diferentes situações desde manufatura até administração de negócios. Por exemplo, eles projetam sistemas para:
  • Mover partes pesadas dentro das fábricas;
  • Fazer os produtos da empresa chegarem aos consumidores, inclusive encontrando a forma mais rentável de localizar as fábricas;
  • Avaliar o quão bem as pessoas desempenham seu trabalho;
  • Fazer pagamentos.

Estes profissionais focam em como fazer o trabalho de forma mais eficiente, balanceando fatores como tempo, número de trabalhadores necessário, tecnologias disponíveis, ações que os funcionários precisam tomar, minimização de erros na fabricação, segurança dos trabalhadores, fatores ambientais e custo. Para encontrar formas de melhorar a performance, os engenheiros primeiro estudam as especificações do produto cuidadosamente, então eles usam métodos matemáticos e modelos para projetar sistemas de produção e informações para então preencher todos os requerimentos e especificações o mais eficientemente possível.

Sua versatilidade permite ao engenheiro de produção se engajar em atividades que são úteis para uma variedade de negócios, governos ou ONGs. Por exemplo, eles podem se empenhar na gerência da cadeia de suprimentos para ajudar as empresas a minimizar custos de estoque, conduzir atividades de garantia de qualidade para ajudar as empresas a manterem seus consumidores satisfeitos, e trabalhar no crescente ramo de gerenciamento de projetos já que as indústrias estão procurando controlar custos e maximizar a eficiência.

engenheiro de produção em fábrica

Fontes: Bureau of Labor Statistics, U.S. Department of Labor, Occupational Outlook Handbook, 2014-15 Edition, Industrial Engineers,
on the Internet at //www.bls.gov/ooh/architecture-and-engineering/industrial-engineers.htm (visited October 12, 2014).

Copiado!
Engenharia 360

Jéssica Dias

Engenheira de Produção formada pela UENF com mais de dois anos de experiência em cadeia de suprimentos (supply chain), passando por funções nas áreas de logística, processos e planejamento de materiais. Apaixonada por tecnologia, leitura, ensinar o que sei e ajudar a outras pessoas a serem melhores em suas carreiras.

Comentários