Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Devastação na Amazônia poderá desencadear a próxima pandemia

por Samira Gomes | 03/07/2020

Estudos mostram que a próxima pandemia pode ser desencadeada pelo desmatamento da Amazônia

A pandemia da Covid-19 ainda não foi superada, mas especialistas já se atentam aos próximos surtos e apontam que o acelerado desmatamento na Amazônia pode facilitar o surgimento de novas doenças com potencial para gerar pandemias.

Desmatamento na bacia amazônica da cidade de Colniza
Desmatamento na bacia amazônica da cidade de Colniza. Foto: Mato Grosso State Communication Department/AFP

Desmatamento e a eclosão de novos vírus

O alerta de que a próxima pandemia poderá surgir no Brasil foi dado pelo ecologista brasileiro David Lapola. Segundo ele, é a invasão humana no habitat dos animais, que está crescendo em decorrência do desmatamento, que provoca o “pulo” dos vírus – quando o animal infecta o homem –, e pode ter motivado o surto da Covid-19.

É um entendimento que a devastação de uma área florestal provoca o aparecimento de bactérias e vírus desconhecidos pela ciência, cujo o ser humano não tem capacidade de defesa. A destruição do habitat de animais como roedores e morcegos, que comportam agentes infecciosos inéditos para o sistema imunológico humano, os aproxima do homem e, consequentemente, eleva o perigo de contaminação.

Entre 1960 e 2004 surgiram 335 novas doenças, e cerca de 60% dessas são zoonóticas, isto é, originada de animais. Esses dados são encontrados na pesquisa feita pela chefe de Ecologia e Biodiversidade da Universidade de Londres e só tornam evidente que o desequilíbrio ecológico facilita o “salto” de novas doenças para os humanos, a exemplo do Ebola, HIV e o próprio coronavírus, que revelaram-se nos últimos anos.

Devastação da floresta na Terra Indígena Karipuna (RO).
Devastação da floresta na Terra Indígena Karipuna (RO). Foto: Rogério Assis / Greenpeace

Doenças que surgem das cinzas

É também por meio do fogo que o desmatamento leva à aparição de doenças desconhecidas. Especialistas em zoonoses, que estudaram os impactos de queimadas na Amazônia em 2019, afirmam que os incêndios na maior floresta tropical do mundo desencadeiam a mudança de habitat de algumas espécies de animais, os quais podem ser hospedeiros de parasitas zoonóticos, vírus e bactérias.

Um exemplo disso ocorreu em 1998, quando o vírus Nípah – com taxa de mortalidade acima de 40% – surgiu na Indonésia, devido às queimadas de grande extensão e gravidade na região. Pesquisadores indicam que o incêndio provocou a ida de morcegos frugívoros aos pomares em busca de alimento, local em que os porcos também se alimentavam. Dessa forma, o vírus foi facilmente transmitido para os moradores locais, que faleceram com hemorragia no cérebro.

Pandemia não parou o desmatamento: gráfico mostra que 5.666 km² foram desmatados desde agosto de 2019 até o fim de abril de 2020, cerca de 94% a mais nesse intervalo
Pandemia não parou o desmatamento: gráfico mostra que 5.666 km² foram desmatados desde agosto de 2019 até o fim de abril de 2020, cerca de 94% a mais nesse intervalo. Fonte: Deter/Inpe

Florestas podem abrigar a cura para pandemias

Enquanto a Covid-19 abranda o barulho das motosserras, povos indígenas tentam chamar a atenção de toda a América Latina para a crise ambiental que afeta todo o globo e provavelmente tenha causado o surto do novo coronavírus.

Levi Sucre Romero, indígena da Costa Rica, afirmou durante uma entrevista coletiva, realizada pela Covering Climate Now, que a pandemia da Covid-19 é um aviso para que o mundo passe a preservar a natureza, a fim de evitar ameaças ainda piores. Além disso, foi ressaltado pelo também indígena, Dinaman Tuxá, que as terras indígenas podem abrigar a cura para as próximas pandemias, e até mesmo para o novo coronavírus. Por fim, completou: “é por isso que precisamos proteger nossas terras e direitos, porque o futuro da vida depende disso.”

A Amazônia é a maior floresta do mundo. Foto: Veja

Entenda a gravidade e o tamanho do impacto dos incêndios na Amazônia!

Fonte: Mongabay

Você sabia que a devastação florestal pode provocar uma pandemia? Compartilhe sua opinião nos comentários!

Comentários

Engenharia 360

Samira Gomes

Engenheira de Produção em formação no Vale do São Francisco. Nordestina fascinada pela escrita e por tecnologia. Tem como objetivo levar conhecimento sobre engenharia, por meio da leitura, pois acredita no potencial das palavras para o enriquecimento intelectual.