Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Dentre as gigantes da tecnologia, Apple é a que oferece a melhor remuneração para engenheiros de software

por Kaíque Moura | 10/08/2020
Copiado!

Dentre os gigantes da tecnologia, a Apple possui uma remuneração atrativa para aqueles que atuam como Engenheiros de Software

Que muita gente tem o sonho de trabalhar em uma grande empresa do ramo tecnológico, isso ninguém tem dúvida. E quando se fala em uma marca que traz grande identificação com o consumidor, o desejo de ingressar na empresa se torna ainda maior.

Prédio com uma maçã estampada na cor prateada
Créditos: www.atapple.pt

Agora já imaginou se você trabalhasse na Apple?

Você que é engenheiro e tem especialidade na área de engenharia de software e sonha com uma vaga nessa gigante tecnológica saiba que a marca da “maçã” é a que paga melhor os engenheiros dessa categoria.

A Dice, site de carreiras na área de tecnologia, recentemente fez um levantamento e identificou que entre as cinco empresas do chamado “Big Tech” (AppleGoogleMicrosoftAmazon e Facebook), a Apple é a que melhor remunera engenheiros de software estrangeiros com vistos de trabalho H-1B. E o salário médio para esse tipo de profissional fica na casa de US$168 mil por ano — ou cerca de R$72 mil mensais.

Gráficos contendo salários de grandes empresas do Big Tech
Média salarial das empresas do chamado Big Tech. Imagem: www.dice.com

Logo atrás da Apple vem o Facebook, com salário médio de US$167 mil por ano, enquanto as outras três já caem para um patamar abaixo, com valores em torno dos US$145 mil anuais.

Mesmo assim, os salários médios para estrangeiros tiveram um aumento significativo em relação ao ano passado: na média de 2019, a Apple pagava cerca de US$120 mil anuais aos engenheiros de software estrangeiros, valor abaixo do Google e da Microsoft.

Os valores levantados estão próximo dos salários pagos para engenheiros de software dos EUA. Um exemplo é a Apple, que paga uma média de US$167.770 para os profissionais de nacionalidade estadunidense. A categoria tem uma média salarial bem maior que o da indústria tecnológica em geral, que ficou em US$94 mil anuais em 2020.

Tela com dados de programação de computadores
Créditos: www.unifor.br

A dúvida que permanece no ar é de como ficará o atual cenário com a suspensão da emissão de vistos H-1B por Donald Trump. A expectativa é de que a medida tenha validade até o final deste ano, mas poderá ser estendida caso o Trump seja reeleito ou a pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) continue.

Leia também:

Referências: Macmagazine.

E você? Sonha em trabalhar em uma grande empresa do ramo tecnológico? Conta pra gente!

Copiado!
Engenharia 360

Kaíque Moura

Graduando em Engenharia de Produção no Centro Universitário Santo Agostinho (UNIFSA) e Técnico em Mecânica pelo Instituto Federal do Piauí (IFPI).

Comentários