Engenharia 360

"Água da Terra veio do espaço", afirmam cientistas

Engenharia 360
por Redação 360
| 23/11/2022 | Atualizado em 28/11/2022 3 min

"Água da Terra veio do espaço", afirmam cientistas

por Redação 360 | 23/11/2022 | Atualizado em 28/11/2022
Engenharia 360

Durante muitos séculos, o homem se recusou a aceitar a ideia de que talvez não sejamos um milagre isolado. Talvez exista, sim, vida fora da Terra; aliás, tipos de vidas em formas que nem imaginamos. O simples fato de encontrarmos certos elementos em outros planetas, satélites e meteoritos já poderia ser considerado vida, ou o começo dela, não é mesmo? Neste texto, vamos focar na questão da água, elemento essencial para a nossa vida. Pode ser que ela tenha sido um “presente vindo dos céus”. Melhor dizendo, os cientistas acreditam que ela veio do espaço!

água na Terra
Imagem reproduzida de Olhar Digital

O surgimento da teoria sobre a água na Terra

Essa ideia partiu de um evento. No ano passado, uma rocha espacial atingiu a cidade de Winchcombe, na Inglaterra, espalhando mais de 500g de detritos escuros por jardins residenciais, calçadas e campos depois que uma bola de fogo gigante iluminou o céu noturno. Seus pedaços foram recolhidos, cuidadosamente catalogados no Museu de História Natural de Londres; em seguida, emprestados a equipes em toda a Europa para serem investigados; e foi aí que veio a revelação.

água na Terra
Imagem reproduzida de BBC

Parece que a rocha continha água em sua composição – cerca de 11% do seu peso – bastante semelhante ao que é encontrado nos oceanos do nosso planeta. Por isso, os cientistas começaram a pensar que talvez rochas do espaço tenham, bilhões de anos atrás, trazido componentes químicos importantes para a Terra, incluindo água. Até se cogitou que poderíamos ter mais água em nosso planeta, mas que, durante o evento, por conta do calor da superfície, parte do líquido foi expelido, restando os 70% que há hoje.

água na Terra
Imagem reproduzida de TecMundo

Quer dizer que o fato de a Terra ter tanta água agora é que, no passado, ela foi verdadeiramente bombardeada por cometas gelados? Bem, tem cientista que diz que não, pois a composição química entre a água do meteorito e dos nossos oceanos coincide, sobretudo pelos condritos carbonáceos, mas não é igual. E ainda deve ser considerado quantos contaminantes a rocha absorveu depois que caiu por aqui, no ambiente terrestre. Contudo, o mínimo de informação que os cientistas possam resgatar das amostras deve ajudar a revelar como foi o início do Sistema Solar, há 4,6 bilhões de anos. Impressionante, não?

Os segredos escondidos no meteorito

É preciso destacar o quanto esta oportunidade é especial para a ciência. É porque nenhuma amostra mais intocada do que esta, uma rocha de um asteroide, poderia ser encontrada. E através dela, os pesquisadores poderão examinar compostos orgânicos contendo carbono e nitrogênio, incluindo aminoácidos. Este é o tipo de química que poderia ter sido matéria-prima para a biologia começar nos primórdios da Terra.

água na Terra
Imagem reproduzida de Terra

Tem mais, os próprios registros de imagens da queda do meteorito também fornecem informações. Por exemplo, sobre sua trajetória, como base de cálculo retroativo, indicando que o mesmo veio de parte externa do cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter. Outras pesquisas, sobre átomos e irradiação, revelaram que ele se desprendeu da parte superior de um asteroide maior, possivelmente devido a uma colisão.

Acredite ou não, sabe-se agora que levou 200 mil a 300 mil anos para isso chegar à Terra! Parece muito tempo para você? Na real, do ponto de vista geológico, é realmente muito rápido! Todavia, pense na beleza dessa viagem, que pode ter trazido para nós informações suficientes para entendermos de onde viemos. Se gostou dessa história, compartilhe ela com quem possa interessar!

Veja Também: Japoneses afirmam que água da Terra veio de asteroides


O Engenharia 360 tem muito mais a compartilhar com você! Confira ao webstories a seguir!


Fontes: G1 – Globo.

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo