Engenharia 360

Descubra qual é a média salarial de um engenheiro neste início de 2022

Engenharia 360
por Redação 360
| 01/12/2021 | Atualizado em 15/04/2022 3 min

Quer ser engenheiro no Brasil? Descubra quanto poderia ganhar, em média, em cada área desta profissão - como civil, sanitária ou petróleo.

Descubra qual é a média salarial de um engenheiro neste início de 2022

por Redação 360 | 01/12/2021 | Atualizado em 15/04/2022

Quer ser engenheiro no Brasil? Descubra quanto poderia ganhar, em média, em cada área desta profissão - como civil, sanitária ou petróleo.

Engenharia 360

No Brasil, a profissão de Engenharia é regulamentada desde 1933. Claro que para que alguém receba o título de ‘engenheiro’ em nosso país é necessário realizar um curso superior de Engenharia em uma instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Depois disso, é preciso fazer o registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA). Aliás, de acordo com o próprio conselho, a cada ano, cerca de 40 mil pessoas se formam nos cursos de Engenharia dentro do nosso território nacional.

Também conforme o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (CONFEA), há atualmente cerca de 600 mil engenheiros no Brasil. E, mesmo com a Pandemia, mesmo com escassez de mão de obra qualificada para atender todas as necessidades do mercado, cada vez surgem mais boas oportunidades no setor. Ou seja, Engenharia ainda é uma carreira em alta no país!

Mas ainda sabendo que esta é uma profissão que só cresce no país, muitos têm dúvidas se vale mesmo ou não a pena ingressar em uma de suas áreas. Afinal, quanto ganha um engenheiro formado, em média? É o que o texto a seguir irá lhe responder!

salários de engenheiros
Imagem reproduzida de Seleção e Engenharia

Legislação e o salário dos engenheiros no Brasil

Dentro do Brasil, segundo a Nota Técnica nº 11, de 2006, do Ministério do Trabalho, os engenheiros são classificados como ‘profissionais liberais’. Isso quer dizer que eles podem exercer atividades de forma autônoma – ou seja, de maneira independente – ou celetista (CLT), com carteira assinada em empresa privada ou no setor público, em todos os níveis da União, Estado ou Município – sendo concursado.

Também de acordo com a Lei 4.950-A, de 1966, engenheiros e agrônomos têm – junto dos químicos, arquitetos e médicos veterinários – seus salários determinados por uma TABELA FIXA – que é vinculada ao salário mínimo vigente no país e relacionada à jornada de trabalho diária do profissional. Eis como são calculados os salários – conforme a jornada diária:

  • 6 horas = 6 salários mínimos;
  • 7 horas = 7,25 salários mínimos;
  • 8 horas = 8,5 salários mínimos.

A saber, recentemente, quase que os engenheiros e agrônomos perderam o direito a este formato de cálculo de salário. Se quiser saber mais sobre isso, recomendamos que leia as seguintes matérias:

salários de engenheiros
Imagem reproduzida de Euro Dicas

Engenheiros mais bem pagos no Brasil

Geralmente, os brasileiros têm a impressão de que o engenheiro com maior salário é aquele que atua na área da construção civil. Bem, analisando valores de 2019, um engenheiro civil que completa uma jornada de 8 horas de trabalho por dia ganha, em média, R$ 8.483. Claro que isso varia de acordo com a sua experiência profissional. Aliás, se você tem dúvidas do seu nível, recomendamos que leia a matéria que escrevemos recentemente que fala sobre a diferença entre ‘Engenheiro Jr’, ‘Engenheiro Pleno’ e ‘Engenheiro Sênior’.

Agora, vamos comparar esse dado com o de outras áreas de Engenharia. Por exemplo, de acordo com levantamento do site Love Mondays, um engenheiro sanitarista teria, atualmente, uma média salarial de R$ 4.628, um pouco mais da metade do que ganha um engenheiro civil. Em contrapartida, um engenheiro de petróleo é bem mais requisitado atualmente pelo mercado. Vagas nesta área pagam, em média, de acordo com o mesmo site, R$ 15.126.

salários de engenheiros
Imagem reproduzida de Estacio

Média salarial de um engenheiro no Brasil

Esta é uma lista de profissões e suas médias de salário no Brasil divulgada pelo site Contabilizei. Confira!

  • Petróleo: R$ 15.126
  • Segurança no Trabalho: R$ 8.024
  • Minas: R$ 7.768
  • Naval: R$ 7.559
  • Mecânico: R$ 7.546
  • Civil: R$ 7.325
  • Produção: R$ 7.312
  • Telecomunicações: R$ 7.080
  • Eletricista: R$ 7.043
  • Químico: R$ 7.009
  • Agrícola: R$ 6.897
  • Software: R$ 6.648
  • Industrial: R$ 6.571
  • Mecatrônico: R$ 6.310
  • Ambiental: R$ 6.234
  • Controle e Automação: R$ 5.992
  • Florestal: R$ 5.966
  • Aeronáutica: R$ 5.526
  • Alimentos: R$ 4.878
  • Sanitarista: R$ 4.628
  • Desenvolvimento de Produtos: de R$ 6.780 a R$ 9.109
  • Eletrônico: de R$ 6.417 a R$ 8.301
  • Instalações: de R$ 6.929 a R$ 9.333
  • Manutenção: de R$ 6.630 a R$ 8.696
  • Projetos: de R$ 6.279 a R$ 8.691
  • Processos: de R$ 6.532 a R$ 8.485
  • Qualidade: de R$ 6.411 a R$ 8.170
  • Segurança do Trabalho: de R$ 6.265 a R$ 8.216
  • Vendas: de R$ 6.802 a R$ 8.888

Fontes: Contabilizei.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo