Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenheiros criam tecnologia para automatizar estação na Antártica

Engenharia 360

2 min

POR Larissa Fereguetti 22/07/2019

Por mais inóspita que a Antártica (ou Antártida, se você preferir) pareça, ela é um importante centro de estudo de pesquisas no mundo todo. Um exemplo é de uma estação de pesquisa remota e desocupada que fez medições importantes referentes ao clima. Tudo isso só foi possível graças a uma tecnologia inovadora desenvolvida por alguns engenheiros.

Os pesquisadores responsáveis pela tecnologia são da British Antartic Survey (BAS). Ela foi desenvolvida para que a estação pudesse continuar sua operação durante os meses de inverno.

O problema que motivou a solução foi que algumas rachaduras na plataforma de gelo tornaram a permanência dos pesquisadores durante o inverno perigosa. Com isso, a equipe que deixou o local no verão, em fevereiro, instalou um sistema de energia autônomo capaz de gerar até 30kW de potência e executar os instrumentos de medição. Alguns exemplos das medições que ela faz são relacionadas ao clima e ao ozônio.

Antártica
Imagem: phys.org

Para isso, foi usada uma micro-turbina Capstone C30 parecida com um motor a jato. Tal turbina fica em um contêiner de temperatura que foi especialmente projetado para a engenhoca. Há alimentação contínua de combustível. Todo o sistema pode ser controlado da sede da  British Antartic Survey (que fica em Cambridge).

Tal obra de engenharia permitiu que a coleta de dados fosse realizada durante os meses frios e escuros. O maior desafio é manter o fornecimento contínuo de combustível e garantir a estabilidade da temperatura. O fato de ter continuado sem falhas até o inverno é uma grande conquista para a ciência e para a engenharia.

A perspectiva é de que, agora, locais mais remotos possam ser controlados da mesma maneira. Além disso, outras medições podem ser feitas em diferentes locais. É quase uma situação semelhante ao controle de satélites no espaço, porém no gelo (e sem sair da terra firme – ou melhor, gelo firme).

E mais uma vez, o dia foi salvo pelos(as) engenheiros(as).

Referências: Phys.org

Antártica
Antártida
estação antartida
expedição
medições climáticas

Larissa Fereguetti

Doutoranda, mestre e engenheira. Fascinada por tecnologia, curiosidades sem sentido e cultura (in)útil. Viciada em livros, filmes, séries e chocolate. Acredita que o conhecimento é precioso e que o bom humor é uma ferramenta indispensável para a sobrevivência.

mais
Engenharia 360 Engenharia 360

VEJA TAMBÉM

6 Resultados
Engenharia, empreendedorismo e financiamento coletivo: o caso MOLA | Entrevista 360
Satélites Starlink menos brilhantes: SpaceX tenta tranquilizar profissionais da astronomia
Pesquisa sugere que crianças não confiam em assistentes de voz
22 coisas que só engenheiros ou estudantes de engenharia sabem
Será que vale a pena ser um(a) engenheiro(a)?
Diploma de Engenharia do Brasil vale em outros países?
Podcast 360
Ouça ou baixe podcasts
exclusivos da engenharia
Ver Todos

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

6 Resultados