Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Como funciona a gravidade?

Engenharia 360

2 min

POR Eduardo Mikail 19/03/2013

Você sabe como funciona a gravidade? Existem duas forças da natureza que estão presentes em nossas vidas: a gravidade e o magnetismo. Provavelmente você já deve ter tido ímãs em sua geladeira e sabe que um ímã atrai o metal da geladeira com uma certa quantidade de força. Esta força de atração depende da intensidade do ímã e da distância entre ele e o metal. Você também deve saber que os ímãs possuem dois pólos, o norte e o sul. Ambos os pólos atraem aço ou ferro, o norte atrai o sul e pólos semelhantes se repelem.

Em relação à gravidade, Newton foi o primeiro cientista a estudá-la com seriedade e, assim, desenvolveu a Lei da Gravitação Universal.

Cada partícula de matéria atrai a outra partícula com uma força, que é diretamente proporcional ao produto das suas massas e, inversamente proporcional ao quadrado da distância entre elas.

A fórmula padrão da gravidade é:

Força gravitacional = (G * m1 * m2) / (d2)

Onde G é a constante de gravitação, m1 e m2 são as massas dos dois objetos para os quais você calcula a força e d é a distância entre os centros de gravidade das duas massas.

O valor de G é 6,67 x 10-8 dinas * cm2/gm(ou 6,67 x 10-11 m3/kg*s2 no Sistema Internacional de Unidades). Isso significa que se você colocar dois objetos de 1 grama a 1 centímetro de distância, eles vão se atrair com uma força de 6,67 x 10-8 dinas. Um dina é igual a cerca de 0,001 grama-força. Isso significa que se você tem 1 dina de força disponível, ela pode levantar 0,001 grama no campo gravitacional da Terra. Então, 6,67 x 10-8 dinas é uma força minúscula, mas que quando se lida com corpos gigantesco como a Terra, tem uma massa de 6 x 10 +24 quilogramas, e assim, a força se torna bastante poderosa. Também é interessante saber que cada átomo atrai todos os outros átomos do universo de forma tênue.

Einstein veio depois e redefiniu a gravidade. Então, existem dois modelos: o de Newton e o de Einstein. A teoria gravitacional de Einstein tem características que permitem prever o movimento da luz em torno de objetos de massa muito grande, além de prever outros fenômenos interessantes. De acordo com a Enciclopédia Britânica (em inglês):

A teoria geral da relatividade aponta o problema da gravidade e do movimento não-uniforme (ou acelerado). Em um dos seus experimentos, Einstein mostrou que não é possível distinguir um referencial inercial em um campo gravitacional de um referencial acelerado. Isto quer dizer que um observador, dentro de uma cápsula espacial fechada, que empurra o seu próprio corpo em direção ao assento, não saberia dizer se ele e a cápsula estavam em repouso em relação ao campo gravitacional ou se ele e a cápsula estavam em um movimento acelerado. De acordo com este princípio de equivalência, Einstein mudou para uma interpretação geométrica da gravitação. A presença de massa ou energia concentrada gera uma curvatura local no continuo do espaço-tempo. A curvatura é tão acentuada que as trajetórias inerciais dos corpos não são mais linhas retas, e sim, um tipo de trajetória curva (orbital). Esta aceleração é chamada de gravitação.

Enquanto algumas suposições e simplificações são feitas, as equações de Einstein lidam com a teoria de gravidade de Newton como um subconjunto.

Espaço-tempo-gravidade-blog-da-engenharia

 

Via

 

Albert Einstein
blog da engenharia
Blog de Engenharia
Blog Engenharia
blogs sobre engenharia
Como funciona a gravidade
dicas de engenharia
Dicas do curso de Engenharia
Engenharia
Engenharia no Brasil
ENGENHEIRO
Estudantes de Engenharia
força da gravidade
gravidade
Newton
Qual Engenharia Escolher?
site da engenharia
site de engenharia
Site Engenharia

Eduardo Mikail

Engenheiro Civil, empresário e empreendedor digital, é sócio-fundador da Digital Bronks, grupo de plataformas digitais que assina os principais canais de engenharia e arquitetura do país: Engenharia 360, Blog da Engenharia, Engenharia Depressão, Blog da Arquitetura e A Arquiteta. Formado em Engenharia Civil e Administração com especialização em Marketing pela ESPM, já trabalhou em uma das maiores construtoras do país e hoje está à frente da Mikail Arquitetura e Engenharia. Interessado por tecnologia, iGadgets e nas horas vagas curte viagens, música e fotografia. Segue lá no Instagram @eduardomikail

mais
Engenharia 360 Engenharia 360

VEJA TAMBÉM

20 Resultados
Será que vale a pena ser um(a) engenheiro(a)?
A gravidade é real? Entenda uma das forças fundamentais da natureza e na Engenharia
5 tendências que mostram o futuro da eficiência energética
The Ocean Clean Up System 001: um sistema de limpeza oceânica
5 maneiras como a IA mudará a construção civil
Missão MarCO: entenda como dois pequenos satélites foram essenciais para a NASA
O que leva uma mulher a desistir da carreira na Engenharia?
Confira a lista de Aplicativos para Engenharia de Abril de 2019
Como conseguir uma bolsa para fazer Engenharia Civil?
IA pode detectar doenças antes da manifestação dos sintomas
10 dicas e recursos gratuitos para quem quer programar em C e C++
11 situações que só quem é ou já foi calouro de engenharia entende
Honda CR-V 2019: confira as novidades da nova versão e nossas impressões ao dirigir
Afinal, Engenharia é Ciência?
A era do reconhecimento facial: estamos sendo escaneados?
O nome da faculdade pesa no currículo? Mito ou verdade?
5 motivos para você (e a sua empresa) conhecer Design Thinking
O desafio dos 10 anos é mesmo só uma brincadeira? Entenda a polêmica!
Sinal de internet para todos: já ouviu falar no Project Loon, da Google?
Como ganhar dinheiro durante a faculdade?

Podcast 360
Ouça ou baixe podcasts
exclusivos da engenharia
Ver Todos

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

20 Resultados
Titulo do Post
Titulo do Post
Titulo do Post
Titulo do Post
Titulo do Post
Titulo do Post