Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

4 Especializações em Engenharia de Energia para fazer na Europa

por Beatriz Zanut Barros | 17/09/2019
Copiado!

Já pensou em se especializar em Engenharia de Energia na Europa? É o impulso que todo currículo precisa! Por isto, trouxemos neste post, quatro opções que ainda não chegaram ao Brasil para se especializar em Engenharia de Energia.

Mestrado em Energia Renovável

Sou extremamente suspeita para falar do assunto! Sou engenheira de energia e escolhi este curso para mim com base na evolução das matrizes energéticas pelo mundo.

Encontramos cada vez mais países visando trocar a utilização de fontes não renováveis de energia, para fontes renováveis de energia. Um exemplo disto é a Alemanha, um país desenvolvido, que já tem data marcada para desligar toda as usinas nucleares. Investindo cada vez mais em energia gerada através de recursos naturais.

Por outro lado, no Brasil temos uma riqueza em recursos naturais; Fontes emissoras de gás carbônico, como usinas térmicas, são pouco utilizadas em relação ao resto do mundo. E apesar de já possuir esta riqueza em recursos, o nosso país investe bastante em produção de energia renovável. Um exemplo disto é que hoje, a Energia Eólica se tornou a segunda maior fonte de geração de energia no Brasil. Perdendo apenas para as Hidroelétricas.

Onde cursar:

IST: Instituto Superior Técnico – Lisboa

KTH: Royal Institute of Technology – Suécia

IP Paris: Ecole Polytechnique – Paris

UPC – Universitat Politécnica de Catalunya – Barcelona

Mestrado em Energia para Cidades Inteligentes

Uma das especializações em Engenharia de Energia, que tem se falado muito sobre é em cidades inteligentes. Cidades Inteligentes fazem parte de um conceito dentro da Smart Grid, em que se une planejamento urbano a gerenciamento de energia.

Com o crescimento populacional, um dos desafios da engenharia é o de unir o desenvolvimento inteligente, a segurança, e a energia sustentável para resultar em melhorias para a população, para os negócios e para a cidade.

Onde cursar:

KTH: Royal Institute of Technology – Suécia

UPC – Universitat Politécnica de Catalunya – Barcelona

KU Leuven – Bélgica

Grenoble Institute Of Engineering – França

Mestrado em Armazenamento de Energia

Hoje, armazenamento de energia é um dos maiores desafios da Engenharia de Energia. Os mestrados em armazenamento de energia são focados em pesquisas sobre diversas formas de baterias, e sobre como melhorar a capacidade de armazenamento dentre as tecnologias existentes.

Assim como a capacidade de pesquisar o novo, muitos destes cursos também estimulam a capacidade de empreendedorismo dos alunos. Afinal, com o desenvolvimento de novas tecnologias, novas empresas serão criadas.

Onde cursar:

Instituto Superior Técnico – Lisboa

Aalto University – Finlândia

Tu/e Eindhoven University of Technology – Países Baixos

Mestrado em Smart Grid

Mas, espera? Em que uma especialização em Smart Grid pode ser diferente de uma especialização em cidades inteligentes? Provavelmente é o que você, engenheiro de energia, deve estar pensando. A principal diferença é que: enquanto o mestrado em cidades inteligentes foca em energia voltada ao planejamento urbano, o mestrado em Smart Grid foca no planejamento, na implementação e no gerenciamento do sistema como um todo. Além disto, o objetivo é estimular o aluno a ter novas ideias para colocar em prática as energias renováveis e tornar hábitos de consumo mais eficientes.

Onde Cursar:

KTH: Royal Institute of Technology – Suécia

UPC – Universitat Politécnica de Catalunya – Barcelona

KU Leuven – Bélgica

Tu/e Eindhoven University of Technology – Países Baixos

Leia também:

5 fatos sobre geração de energia que todo engenheiro deveria saber

5 fatos sobre transmissão de energia que todo engenheiro deveria saber

5 fatos sobre distribuição de energia que todo engenheiro deveria saber

Copiado!
Engenharia 360

Beatriz Zanut Barros

Engenheira de Energia formada em 2018 pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Mestranda em Energia Renovável pela Universitat Politècnica de Catalunya em Barcelona. Acredito que o conhecimento é tudo que possuímos, e sou apaixonada pelas novas tecnologias que além de melhorar a qualidade de vida da população, não prejudicam o meio ambiente.

Comentários