Engenharia 360

TUDO sobre a Engenharia do Titan, o submersível desaparecido em expedição ao Titanic

Engenharia 360
por Redação 360
| 20/06/2023 | Atualizado em 03/07/2023 4 min
Imagem reproduzida de OceanGate, via TechCrunch

TUDO sobre a Engenharia do Titan, o submersível desaparecido em expedição ao Titanic

por Redação 360 | 20/06/2023 | Atualizado em 03/07/2023
Imagem reproduzida de OceanGate, via TechCrunch
Engenharia 360

Um modelo de engenharia de submersível chamado "Titan", pertencente à operadora de turismo OceanGate Expeditions, desapareceu em junho de 2023, durante uma expedição aos destroços do Titanic no Oceano Atlântico, perto do Canadá. A embarcação tem poucas horas de oxigênio restantes. Cinco pessoas estavam a bordo, incluindo o famoso empreendedor bilionário britânico Hamish Harding. Saiba mais neste texto do Engenharia 360!

titan - exploração titanic
Imagem divulgação via O Globo

Veja Também: Explorando as Profundezas: A Tecnologia de Mapeamento de Águas Profundas para Estudo do Titanic

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Como é a expedição realização pelo Titan ao local do naufrágio do Titanic?

Antes de tudo, precisamos contar que a localização aproximada dos destroços do Titanic é cerca de 600 km da costa de St John's, Newfoundland, no Canadá, a uma profundidade de aproximadamente 3.800 metros no Oceano Atlântico.

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de CNN
titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Extra Globo

A expedição realizada até os destroços do Titanic geralmente dura oito dias. É a empresa OceanGate Expeditions que oferece uma expedição ao ponto do naufrágio, com um custo a partir de US$ 250.000 (equivalente à cerca de R$ 1,194 milhão). O pacote inclui um mergulho de oito horas até os destroços do navio.

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Extra Globo
titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de OceanGate, via TechCrunch

Como é a engenharia do submersível Titan?

O Titan foi concebido para apoiar missões de pesquisa, estudos geológicos, exploração de naufrágios e outras atividades relacionadas ao oceano profundo. A saber, a embarcação pertence à operadora de turismo OceanGate Expeditions pesa cerca de 10 toneladas, é feito de fibra de carbono e titânio - ligas conhecidas por sua resistência e baixo peso -, e possui autonomia de até 96 horas (com cinco pessoas a bordo).

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Ocean News and Technology
titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Wikipedia - https://en.wikipedia.org/wiki/File:Cyclops_1_Submersible.jpg

Veja Também: Fotos inéditas do Titanic, naufragado em 1912, são reveladas em altíssima resolução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O submarino desaparecido, chamado "Titan", possui as seguintes especificações técnicas:

  • Comprimento: 6,7 metros
  • Largura: 2,5 metros
  • Altura: 2,8 metros
  • Profundidade máxima: 4.000 metros (13.123 pés)
  • Velocidade: 5,5 km/h (3 nós)
  • Capacidade de carga útil: 685 kg

O submersível Titan foi construído com uma estrutura resistente para suportar a pressão extrema das profundezas oceânicas. Ele possui um compartimento de observação com amplas janelas para proporcionar vistas panorâmicas do ambiente submarino. E está equipado com um sistema avançado de iluminação e câmeras de alta resolução para capturar imagens e vídeos do fundo do oceano. Essas câmeras são essenciais para documentar as descobertas científicas e a vida marinha durante as expedições.

No interior do submarino, existem três telas, uma para informações de navegação, outra para o sonar e uma tela maior para exibir imagens aos passageiros. O veículo é controlado por um dispositivo semelhante a um joystick de videogame. E, além disso, o Titan possui um sistema integrado de monitoramento de saúde em tempo real, que utiliza sensores acústicos e medidores de tensão para avaliar a integridade do casco durante cada mergulho.

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Editoria de Arte O Globo

Veja Também: Titanic: saiba como fazer HOJE MESMO uma visita virtual a este majestoso dos mares

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que está sendo feito para encontrar o submersível Titan desaparecido?

Como dito antes, cinco pessoas estavam a bordo do submersível desaparecido, incluindo o empresário Hamish Harding. As autoridades se esforçaram esforços na operação de busca e resgate, utilizando aeronaves, boias de sonar e tecnologia de radar para localizar a embarcação. A Guarda Costeira dos Estados Unidos e as Forças Armadas do Canadá estão envolvidas nas buscas, com recursos aéreos e navais. Mas na quinta-feira, 22 de junho de 2023, o ar interna da capsula chegou ao fim!

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Mapbox via CNN
titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de Guarda Costeira Canadense, ARQUIVO, via CNN

Claro que a prioridade das autoridades ainda é encontrar a embarcação. Independente do submarino ser encontrado, planos estratégicos para futuros resgates subaquáticos serão implementados em cooperação com a Marinha dos Estados Unidos, as Forças Armadas do Canadá e parceiros da indústria privada para avaliar as capacidades. Os esforços de busca estiveram sobretudo em uma área remota do Atlântico Norte, próximo a Cape Cod, Massachusetts.

titan - exploração titanic
Imagem reproduzida de OceanGate via UOL

Veja Também:


Fontes: G1, G1 - 2, O Globo, O Globo - 2, CNN.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo