Engenharia 360

Fotos inéditas do Titanic, naufragado em 1912, são reveladas em altíssima resolução

Engenharia 360
por Redação 360
| 03/09/2022 | Atualizado em 05/09/2022 3 min

Fotos inéditas do Titanic, naufragado em 1912, são reveladas em altíssima resolução

por Redação 360 | 03/09/2022 | Atualizado em 05/09/2022
Engenharia 360

Já conhece a história do RMS Titanic, não é? Sim, trata-se do transatlântico que inspirou o romance vivido no cinema por Leonardo DiCaprio e Kate Winslet. O mesmo foi projetado no início do século passado por Thomas Andrews, e construído por Harland & Wolff, em 1909, na região de Belfast, no Reino Unido. O navio tinha 269 metros e pesava 52.310 toneladas. Na noite de 15 de abril de 1912, era operado pela empresa White Star Line. Mas antes de chegar ao seu destino, Nova York, bateu num iceberg e naufragou, levando consigo 1.517 almas.

Estudando os destroços do Titanic

Essa história ficou famosa por ser um possível caso de erro de leis e engenharia. Você tem a chance de saber mais sobre isso, além de conhecer detalhes especiais da arquitetura dessa embarcação, em um texto anterior que publicamos aqui, no Engenhara 360.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desejamos focar hoje nas imagens que a ciência já captou dos destroços do Titanic, que se encontram há 3843 metros de profundidade e a 650 quilômetros a sudeste de Terra Nova, no Canadá. O cineasta James Cameron mostrou bastante disso em seu filme e, posteriormente, em um documentário especial gravado com especialistas, o OceanGate Expeditions, os primeiros vídeos da embarcação na alta qualidade 8K, mostrando detalhes nunca vistos desta lenda dos mares.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Titanic
Imagem reproduzida de F5 – UOL
Titanic
Imagem reproduzida de CNN Brasil

Uma das grandes revelações foi o nome do fabricante Noah Hingley & Sons Ltd. gravado na âncora a bombordo. É claro que os estudiosos já tinham conhecimento dessa informação, mas não tinham visto a comprovação em nenhuma imagem de projeto do Titanic. Também é possível ver nos vídeos a proa – onde o personagem de DiCaprio teria dado seu famoso grito “eu sou o rei do mundo” -, o casco número um, a âncora de bombordo, uma enorme corrente de âncora e mais.

Titanic
Imagem reproduzida de G1
Titanic
Imagem reproduzida de G1
Titanic
Imagem reproduzida de G1

Agora, sabe para que os especialistas usarão essas imagens de alta resolução? Bem, para aprimorar ainda mais suas análises sobre o avanço da deterioração da embarcação, identificação de espécies que hoje habitam dentro e ao redor do Titanic, e aumento do mapeamento do campo de destroços estudado por arqueólogos.


Fontes: Revista Monet.

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo