Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

CANAIS ESPECIAIS


Vestibular de Engenharia: saiba TUDO sobre os principais desafios enfrentados pelos estudantes

por Simone Tagliani | 19/01/2021

Dependendo da faculdade, as provas para Engenharia podem focar em áreas específicas que fazem relação com as competências da profissão

O curso superior de maior concorrência no Brasil certamente é o de Medicina. Porém, muitos outros também o são, pois abordam assuntos relacionados às atividades essenciais para o funcionamento de um país. É o caso, por exemplo, das Engenharias. Mas será que existe alguma diferença no processo seletivo para quem deseja trabalhar nestas áreas? O Engenharia 360 esclarece esta questão no texto a seguir!

estudantes graduando
Imagem: unifebe.edu.br

O que todos os estudantes precisam fazer antes do vestibular?

Independente se a pessoa escolheu estudar Engenharia ou Arquitetura no futuro, sendo um aluno comum, deve prestar a atenção do mesmo jeito a uma série de questões básicas antes do vestibular. Primeiro, considerar quais as são as ofertas de cursos em instituições públicas e particulares mais próximas do seu endereço em que pode participar do processo seletivo (confira nosso Guia das Engenharias). E também quais as opções de provas que elas oferecem – vestibular de verão e inverno; e vestibular presencial, online ou agendado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja também: Por que é importante visitar a faculdade antes do vestibular?

Se você estiver justamente nesta situação, anote as dicas a seguir:

  • Crie um bom cronograma de estudos e estabeleça uma rotina para fazer a leitura do material, mais exercícios e simulados.
  • O ideal é dividir os assuntos por matérias e separar mais horas para os temas que sentir que tem dificuldade de entender e memorizar informações.
  • Geralmente, tudo com que temos mais familiaridade nós conseguimos aprender mais rápido. Inclusive, isto já dá uma pista sobre quais os tipos de cursos que podemos gostar de realizar no futuro!
Mesa com cadernos, óculos, calculadoras e anotações ao lado de uma xícara de café
Créditos: guiadoestudante.abril.com.br

Mantenha o foco! Leia bem os editais com antecedência e se prepare o ano todo para as provas!

Para ter um bom desempenho no vestibular, é preciso dominar completamente o sistema de aplicação das avaliações. Bem antes do prazo, é preciso dar uma conferida nos modelos anteriores de provas que foram aplicados para os candidatos. Inclusive os simulados servem bem para isto! Estas são as melhores oportunidades que você terá para já ir se familiarizando com as estruturas destas provas!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

mão segurando lápis para preencher gabarito de vestibular

O que é ‘nota de corte’?

Em todos os vestibulares, você irá se deparar com questões relacionadas a vários temas do conhecimento. Porém, como muitos cursos possuem uma concorrência muito alta, foi preciso criar um sistema maior de seleção dos candidatos. Estamos falando da ‘nota de corte’! Explicando melhor, quanto mais concorrido for um curso, mais alta será a sua nota de corte. Quer dizer que, neste caso, o candidato deverá alcançar uma pontuação mais alta em determinadas áreas do conhecimento.

grupo de estudantes em biblioteca

Qual o diferencial do vestibular de Engenharia?

Seja no Enem – o Exame Nacional do Ensino Médio – ou nos vestibulares, os candidatos deverão comprovar, por meio de suas respostas, o domínio de várias disciplinas. Porém, especificamente as notas de corte das Engenharias deverão focas em áreas específicas do conhecimento, que fazem relação com as competências destas profissões. Já que se estes seriam cursos de Ciências Exatas, o foco cai principalmente nas questões de Biologia, Geografia, Química, Física e Matemática. E, atenção: nada de calculadora! Acostume-se a utilizar o seu raciocínio lógico!

Estudando matérias de engenharia
Imagem: unifebe.edu.br

Neste momento, você pode estar se perguntando sobre a disciplina de Português! Claro, ela também será muito cobrada no vestibular de Engenharia, afinal, nada nestas provas pode ser solucionado sem a devida interpretação das questões. Não adianta dominar unidades de medida, saber fórmulas complexas e fazer conversões e cálculos de cabeça se não colocar em teste a sua capacidade de compressão do que está escrito. Ou mais, se não conseguir identificar pontos-chave dos enunciados, identificar ideias implícitas e entender gráficos e tabelas. E é aí que entra o nosso conhecimento linguístico!

Agora você já sabe como funciona o vestibular nas áreas de Engenharia. Então, pode se preparar melhor para as suas provas de vestibular. Mas, antes disso, sugerimos mais algumas leituras para você! Confira a seguir:


Fontes: Dicas Vestibulares, UnigranRio, UCL.

Conhece mais alguma dica? Conte para a gente nos comentários!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; especialista em Artes Visuais; estudante de Jornalismo Digital e proprietária da empresa Visual Ideias - Redação, Edição e Produção de Conteúdos.