Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

"Cidade de 10 minutos": conheça o conceito do Projeto H1, um novo bairro para Seul

por Simone Tagliani | 16/11/2021

A Coreia ganha uma novidade, um bairro novo - com conectividade e sustentabilidade - para Seul, Coreia. Confira detalhes do seu projeto de Urbanismo!

A pandemia do Covid-19 acende alerta para o mundo. Por exemplo, a grande vulnerabilidade da maior parte das cidades. Falta resiliência! Ou seja, falta um plano concreto para esclarecer à população sobre como lidar e continuar com suas atividades básicas em meio ao caos, garantindo que principalmente as áreas essenciais de sobrevivência permaneçam habitáveis a curto e longo prazo. Aliás, uma das questões mais complexas para o planejamento urbano é o transporte público. Em casos muito raros, os arquitetos têm conseguido transformar mais faixas para carros em vias para pedestres, transformando selvas de concreto em locais mais agradáveis para habitação. Inclusive, foi neste contexto que surgiu a ideia das “cidades de 15 minutos” ou “cidades de 10 minutos”. Conheça o Projeto H1, no texto a seguir!

Project H1
Imagem reproduzida de e-Architect

Um novo bairro para Seul

Seul, na Coreia, ganhou recentemente uma novidade. Trata-se do Projeto H1, dos arquitetos Kunwon Architects, apresentado pelo UNStudio, com apoio da empresa imobiliária Hyundai Development Company. É da reurbanização da antiga zona industrial próxima do centro da cidade, a capital do país. Então, recentemente, foi compartilhado conosco, na internet, o plano diretor ambicioso para esta área e leva o conceito das “cidades de 10 minuto”. Inclusive, em comunicado especial, o co-fundador do UNStudio, Ben van Berkel, disse que a “experiência da vida diária” dos residentes é a “prioridade máxima” do projeto.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O empreendimento H1 deverá transformar o antigo local industrial – terreno com 78 mil m² – em uma cidade “inteligente”, interconectada e sustentável – com área construída de 504 mil m². Será um bairro diversificado e acessível, com uma ampla infraestrutura digital, sinônimo de alta tecnologia e eficiência energética, contando ainda com espaços para a produção local de alimentos e áreas comuns de uso compartilhado.

Project H1
Imagem reproduzida de e-Architect

“Fazemos isso por meio da inclusão de uma rica densidade de experiências no local edificantes e com curadoria que fornecem uma ampla gama de opções de como eles podem passar suas vidas, trabalho e lazer, economizando assim o tempo necessário para viajar para outros lugares em a cidade – porque com o tempo que é economizado, mais tempo é criado.”

– co-fundador do UNStudio, Ben van Berkel, em reportagem de CNN.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Detalhes de Arquitetura e Urbanismo de H1

Por que o conceito “cidade 10 minutos”? Pois o foco principal é a importância da acessibilidade e da conexão entre os bairros vizinhos. Serão criadas pontes e passarelas, além de novos eixos de circulação e articulação dos espaços urbanos do centro de Seul. Neste caso, zonas de densidades diferentes serão conectadas por três espaços públicos principais e uma rede de pequenas praças e áreas de vizinhança. 

“Nossa abordagem para o plano diretor do Project H1 faz uso do conceito de ‘densidade urbana flexível’. Isso permite que o espaço público seja multifuncional, além de empregar diferentes modelos de organização da cidade e edifícios de uso misto com espaços de encontro e socialização. Cada um dos componentes delineados no plano diretor não apenas encorajam a criação de uma comunidade extremamente engajada, eles fazem uso de um pacote de serviços digitais propostos também para aproximar as pessoas que ali vivem.”

– Ben van Berkel, em reportagem de Archdaily.

Project H1
Imagem reproduzida de 88designbox

Diferencial do Projeto H1

O Projeto H1 mostra que o novo bairro de Seul será composto prioritariamente por usos comerciais e edifícios de escritórios. Também haverá hotéis, apartamentos de co-living e áreas de co-working. Apartamentos residenciais com unidades grandes, para acomodar famílias de várias gerações, apresentando layouts flexíveis e uma série de espaços comuns. Por fim, uma rede de jardins, parques, coberturas verdes e jardins. Ou seja, um novo ambiente urbano denso e de uso misto, repleto de diferentes atividades e comodidades para a vida contemporânea.

Project H1
Imagem reproduzida de
De51gn
Project H1
Imagem reproduzida de 88designbox

No mais, os arquitetos do projeto revelaram que a luz utilizada em tudo isso virá de um sistema de energia limpa. Além disso, haverá para o bairro captação e armazenamento de águas de chuva, para reduzir o uso de água. E, por fim, um polo de ideias com biblioteca e uma incubadora para pequenas empresas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Project H1
Imagem reproduzida de 88designbox

Quer saber mais sobre o Projeto H1, então leia a publicação a seguir, da CNN Brasil:

Veja Também: Conheça Songdo, a ‘cidade do futuro’ recém-criada na Coreia do Sul


Fontes: ArchDaily, CNN.

Comentários

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; especialista em Artes Visuais; estudante de Jornalismo Digital e proprietária da empresa Visual Ideias - Redação, Edição e Produção de Conteúdos.