Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Para que serve a Norma de Desempenho ABNT NBR 15.575 na Engenharia? | Entrevista 360 com Fábio Guedes

Engenharia 360

3 min

POR Eduardo Mikail 16/01/2020

Quando o assunto é ABNT, muita gente já faz uma careta e afirma não gostar de normas. Porém, é difícil imaginar a Engenharia sem normas e padrões de qualidade. Para sanar dúvidas, nós conversamos com o advogado Fábio Guedes, que contou sobre a Norma de Desempenho ABNT NBR 15.575. Saiba um pouco mais no texto abaixo e confira a entrevista logo na sequência.

Norma de Desempenho ABNT NBR 15.575

Há registros da ABNT NBR 15.575 desde 2008. No entanto, sua versão mais recente é de 2013. De modo geral, tal norma diz respeito ao desempenho de edificações habitacionais, estabelecendo exigências de conforto e segurança em imóveis residenciais. Ela subdivide-se em:

  • ABNT NBR 15575-1:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 1: Requisitos gerais
  • ABNT NBR 15575-2:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 2: Requisitos para os sistemas estruturais
  • ABNT NBR 15575-3:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 3: Requisitos para os sistemas de pisos
  • ABNT NBR 15575-4:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 4: Requisitos para os sistemas de vedações verticais internas e externas — SVVIE
  • ABNT NBR 15575-5:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 5: Requisitos para os sistemas de coberturas
  • ABNT NBR 15575-6:2013 Edificações habitacionais — Desempenho – Parte 6: Requisitos para os sistemas hidrossanitários

Segundo o CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo), a Norma de Desempenho insere o fator qualidade às edificações. Ela foi organizada a partir dos elementos de um edifício, considerando-se as condições de implantação e as exigências dos usuários definindo os requisitos, os quais pretende-se atender.

Construção ABNT NBR 15.575
Imagem: ceramicacity.com.br

É por isso que a ABNT NBR 15.575 é tão importante para a Engenharia. Basicamente, tal normal diz quais níveis de segurança, conforto e resistência deve, ser proporcionados pelos diferentes constituintes de um imóvel (como estrutura, instalações, coberturas, pisos, vedações e outros). Nesse sentido, é preciso olhar para o edifício como um todo, e não apenas para as partes isoladas.

Assim, a ABNT NBR 15.575 serve como um documento de orientação para construtores, projetistas e fabricantes e incentiva a inovação do setor, visto que é preciso desenvolver técnicas e materiais que melhor atendam à demanda da norma. Ainda, as diretrizes estabelecidas dão um respaldo maior e envolvem até uma questão de responsabilidade profissional (que nós já comentamos por aqui).

Entrevista 360

Para falar um pouco mais sobre a Norma de Desempenho ABNT NBR 15.575, nós conversamos com o advogado Fábio Guedes, da área de direito imobiliário. Ele conta para a gente um pouco mais sobre o que é ABNT, como é a criação das normas e sobre a Norma de Desempenho (desde o histórico, os benefícios, as divisões de sistemas, como ela é aplicada na prática, as consequências para quem não cumpre e muito mais). Confira a entrevista no vídeo abaixo.

Para saber mais: como a ABNT faz as normas?

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o pesadelo de muita gente, principalmente para quem está escrevendo o TCC. Porém, ela vai muito além de normas de escrita acadêmica. Fundada em 1940, ela é o órgão responsável pela normalização técnica no Brasil, ou seja, pela criação de um conjunto de normas para uma determinada atividade.

O processo não é simples: a partir de uma demanda analisada (que pode ser apresentada por qualquer um, seja pessoa física ou jurídica), o assunto é levado ao seu respectivo Comitê Técnico para ser inserido no Programa de Normalização Setorial. Segundo a própria ABNT, a questão é discutida pelas Comissões de Estudo, com a participação aberta a qualquer interessado.

O Projeto de Norma é editorado antes de ser submetido à Consulta Nacional e recebe a sigla ABNT NBR e um número. Essa consulta é feita pela internet e qualquer pessoa ou entidade pode enviar comentários, que são avaliados. Por fim, é deliberado se o Projeto de Norma segue como Documento Técnico ou não. Se sim, as sugestões aceitas são consolidadas e a Norma final é aprovada e entra para o catálogo.

Processo de criação de norma pela ABNT
Processo de criação de uma norma pela ABNT. Imagem: adaptado de abnt.br

Fontes: ABNT; CAU.

ABNT
ABNT NBR 15.575
entrevista
entrevista 360
Norma de desempenho
normas
normas da ABNT

Eduardo Mikail

Engenheiro Civil, empresário e empreendedor digital. É fundador do Engenharia 360 e sócio-fundador da Bronks content., produtora de conteúdo e projetos digitais. Formado em Engenharia Civil e Administração com especialização em Marketing pela ESPM, já trabalhou em uma das maiores construtoras do país e hoje está à frente da Mikail Arquitetura e Engenharia. Interessado por tecnologia, iGadgets e nas horas vagas curte viagens, música e fotografia. Segue lá no Instagram @eduardomikail

mais
Engenharia 360 Engenharia 360

VEJA TAMBÉM

6 Resultados
CEO e COO: entenda a diferença entre esses grandes cargos
MUSA: robô auxilia cirurgia de ultra-precisão em pacientes humanos
Pesquisadores do MIT desenvolvem sistema de dessalinização da água com eficiência de até 385%
Golden Gate Bridge: conheça o cartão postal de San Francisco
Enquanto Musk admite que duvidava do Cybertruck, Nikola Motors lança sua picape elétrica
Conheça os fatores que influenciam na produção de energia eólica
Podcast 360
Ouça ou baixe podcasts
exclusivos da engenharia
Ver Todos

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ