Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Entenda como funcionará o sistema de abastecimento orbital dos foguetes Starship, da SpaceX

por Rafael Panteri | 30/08/2021

O grande intuito da empresa SpaceX é, futuramente, conseguir levar pessoas à Lua e à Marte. O sistema encarregado para tal missão é conhecido como Starship, formado por um foguete de mesmo nome e pelo poderoso propulsor Super Heavy.

A proposta da empresa de Elon Musk sempre foi tornar as viagens espaciais algo mais “acessível”. Foguetes, utilizados mais de uma vez, podem baixar, e muito, o valor das missões para a Lua ou outros planetas. A saber, hoje, o custo com o lançamento de um foguete, em sua maior parte, está ligado à quantidade de combustível utilizado para superar a gravidade terrestre. Por isso é que o abastecimento orbital parece uma ideia interessante para os desenvolvedores.

SpaceX
Imagem reproduzida de Canaltech

O sistema de transferência de fluidos da Starship

Ainda não há detalhes de como esse sistema irá funcionar. Mas um funcionário da SpaceX pode já ter adiantado o que está por vir. Em sua conta no Twitter, o usuário Erc X publicou uma representação com dois foguetes Starship acoplados, em órbita, para “transferir fluidos”. De acordo com o autor da imagem, ela foi feita a partir da descrição que o próprio Elon Musk fez sobre o novo sistema de abastecimento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Esse sistema de abastecimento orbital é parte intrínseca para o avanço da exploração espacial. No ano de 2020, a NASA fechou acordos com 15 empresas para financiar pesquisas e desenvolvimento de projetos relacionados à gestão de propelente criogênico no espaço, principalmente na superfície lunar. Aliás, um desses acordos foi com a SpaceX!

Com um contrato de US$ 53,2 milhões, a empresa deve realizar uma demonstração em larga escala para transferir 10 toneladas métricas de oxigênio líquido entre os tanques de um veículo Starship. Na época em que o contrato foi divulgado, ficou dito que “combinar a rápida reusabilidade do Starship com o abastecimento orbital é algo crítico para o transporte de um grande número de pessoas e cargas à Lua e Marte”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

SpaceX
Imagem reproduzida de Canaltech

Detalhe que, em simulações anteriores, a proposta era realizar o abastecimento conectando as naves ponta a ponta, diferente da imagem publicada. Ainda não há data marcada para o teste de abastecimento orbital acontecer. E, antes disso, é provável que a SpaceX deve tentar provar que o seu sistema Starship está mesmo preparado para ir ao espaço.

Para não perder nenhuma novidade da exploração espacial, siga o Engenharia 360 no Instagram!

Veja Também: Retorno dos astronautas da primeira missão espacial da SpaceX


Fontes: CanalTech

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários

Engenharia 360

Rafael Panteri

Estudante de Engenharia Elétrica no Instituto Mauá de Tecnologia. Parte da graduação em Shibaura Institute of Technology - Japão.