Engenharia 360

Conheça o programa da Google para incentivar startups de mulheres na América Latina

Engenharia 360
por Redação 360
| 16/09/2021 3 min

Startups criadas por mulheres ou com a maior participação de mulheres na América Latina poderão expor suas ideias a investidores. Saiba+!

Conheça o programa da Google para incentivar startups de mulheres na América Latina

por Redação 360 | 16/09/2021

Startups criadas por mulheres ou com a maior participação de mulheres na América Latina poderão expor suas ideias a investidores. Saiba+!

Engenharia 360

A empresa Google, em parceria com o laboratório de inovação do Banco Interamericano de Desenvolvimento e com o Centraal, hub de empreendedorismo mexicano, está lançando inscrições para o LAC Women Founders Accelerator. Essa é uma grande oportunidade para mulheres empreendedoras na região da América Latina e Caribe expandirem sua rede de contatos. Em síntese, o processo, chamado WeXchange, já envolveu até agora 500 pessoas mentoras e investidores internacionais, considerado o maior ponto de encontro entre empresários STEM e investidores.

Qual é o objetivo do programa WeXchange?

wexchange
Imagem reproduzida de Noticias Concursos

A ideia da Google e suas parceiras é incentivar a criação de ecossistemas de inovação, por meio do desenvolvimento de programas próprios que forneceram ferramentas. Além disso, conhecimento técnico e habilidades sociais para milhares de empresários, que hoje lideram as startups mais representativas e de maior potencial da região. Primeiro, serão promovidas startups lideradas por mulheres nas áreas de STEM – que são a ciência, tecnologia, engenharia e matemática.

“Programas de incentivo como esse são essenciais para promover e fortalecer startups latino-americanas lideradas por mulheres, em um ambiente tecnológico ainda desigual em termos de gênero, e é um dos grandes pilares de atuação do Google for Startups na região.”

– diz Fernanda Caloi, gerente de programas do Google for Startups Brasil, em reportagem de Startupi.

A saber, no ecossistema brasileiro, apenas 4,7% das startups foram criadas somente por mulheres e 90% foram fundadas exclusivamente por homens, segundo o Relatório Female Founders, realizado pelo Distrito em parceria com a Endeavor e B2Mamy, em 2021.

Veja Também: Entenda os detalhes que regem o novo Marco Legal das Startups, sancionado pelo Governo Federal em 2021

Quem pode participar do processo da Google?

wexchange
Imagem reproduzida de Mulheres Empreendedoras

Existem certos requisitos básicos para a participação de startups no processo lançado pela Google e suas parceiras. Antes de tudo, as empresas precisam estar em estágio avançado de desenvolvimento, com produto ou serviço já disponíveis no mercado e com tração nos negócios, considerando faturamento comprovado ou rodada de investimentos realizada. Depois, ter pelo menos, uma mulher como fundadora ou em cargo de liderança. Por fim, sua sede e operação precisam estar localizadas em países na América Latina ou Caribe.

Quando começará o evento e o que ele irá oferecer para as startups?

wexchange
Imagem reproduzida de wexchange

Especialistas do Google, WeXchange/ BID Lab e Centraal vão dar início à agenda do fórum WeXchange em breve. Em datas marcadas, serão apresentadas as startups já selecionadas para os investidores cadastrados. O Demo Day (Dia de Demonstração) será em 1 e 2 de dezembro de 2021. E todos vão se encontrar em um programa virtual personalizado de dez encontros, incluindo, dessa forma:

  • workshops sobre tecnologia, marketing digital, liderança, cultura corporativa e captação de recursos, além de sessões de mentoria individuais.

Para mais informações visite o site da WeXchange.

wexchange
Imagem reproduzida de Valor Investe – Globo

Fontes: Globo.

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo