Engenharia 360

Cabos de rede: O que são e quais os tipos?

Engenharia 360
por Redação 360
| 02/11/2023 3 min
Imagem de Jorge Guillen por Pixabay

Cabos de rede: O que são e quais os tipos?

por Redação 360 | 02/11/2023
Imagem de Jorge Guillen por Pixabay
Engenharia 360

Já ouviu falar em Ethernet? Esse é um padrão de conexão para interligar dispositivos por meio de cabos de redes - compostos de fios trançados - e conectores tipo RJ-45. O conjunto é usado para formar redes locais de Internet, podendo oferecer várias velocidades de transferências de dados, desde 10 Mb/s do Ethernet original até o Terabit Ethernet (TbE) de 1 Tb/s, com variações como Fast Ethernet, Gigabit Ethernet e além. Veja no texto a seguir, do Engenharia 360, quais são os diferentes tipos de categorias de cabos de redes utilizados para suportar essas variações!

ethernet - cabos de rede
Imagem de Adrian Malec por Pixabay

Quais são as principais características do Ethernet?

Antes de tudo, precisamos enfatizar que a conexão Ethernet é reconhecida como estável, segura e de altas taxas de transferência. Como dito anteriormente, ela usa cabos, mais precisamente fios de par trançado, que servem para transmitir dados entre dispositivos conectados em uma rede. Por isso, nesse caso, um cabeamento bem estruturado acaba sendo fundamental para a organização e padronização da infraestrutura em rede, permitindo toda e qualquer conexão confiável e eficiente entre dispositivos. Inclusive, com menos interferências em comparação ao Wi-fi, por exemplo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Observação: A conexão Ethernet é usada hoje tanto em ambientes domésticos quanto corporativos. E quanto às velocidades, elas podem variar de acordo com o tipo de cabo e de Ethernet.

Veja Também: Descubra para que serve Nobreak no dia a dia das pessoas

Quais são os tipos de cabos de rede?

Existem várias categorias de cabos de rede diferentes. As mais conhecidas são CAT5 e CAT6. E a diferença entre elas é o quanto cada uma suporta variações de velocidade. Vamos conhecer um pouco mais das especificações técnicas de cada uma:

  • CAT5: Até 100Mbps, suporta distâncias de até 100 metros.
  • CAT5e: Até 1Gbps, com menos interferência, também até 100 metros.
  • CAT6: Até 10Gbps, com melhor blindagem, 50-100 metros.
  • CAT6a: Até 10Gbps, frequência de 500MHz, 100 metros.
  • CAT7: Até 10Gbps, cabos mais espessos, 100 metros.
  • CAT8: Até 40Gbps, distâncias até 30 metros.

Podemos falar mais sobre esses cabos de rede. Por exemplo, alguns apresentam um trançado mais comum, para redes locais; enquanto outros, os coaxiais, são usados para Internet em residências. E por que eles são usados trançados? Bem, a explicação é que, assim, consegue-se uma melhor imunidade contra interferências e suporte para maiores taxas de transmissão.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ademais, existe uma sequência de cores usadas para diferenciar cabos de rede. Especialmente os cabos EJ45 seguem a seguinte sequência: TIA/EIA 568A (verde, laranja, azul, marrom) e TIA/EIA 568B (laranja, verde, azul, marrom). E para diferenciar cabos diretor de crossover, as pontas seguem sequências de cores diferentes no RJ45, dependendo do padrão, para conexão direta (hub/switch) ou ponto a ponto sem hub/switch.

ethernet - cabos de rede
Imagem de Bruno por Pixabay

Quais são as diferenças entre Ethernet e Wi-Fi?

Citamos antes o Wi-fi, então vamos comentar melhor qual a diferença entre essa tecnologia e Ethernet. Bem, o Wi-fi pode ser mais rápido com os seus roteadores e mais - e ainda tem os padrões modernos, como o Wi-fi7; porém, é mais suscetível a interferências. Já o Ethernet é geralmente mais estável justamente devido à conexão por cabo, sem contar a segurança de conexão física.

Por fim, vale destacar que a Ethernet apresenta mais limitações de infraestrutura e velocidade compartilhada se muitos dispositivos estiverem na mesma rede. Mas se a rede é bem planejada, dimensionada, levando em conta os pontos de conexão, servidores, aplicações e mais - que devem demandar alta taxa de transferência de dados - deve funcionar corretamente.

ethernet
Imagem de Andreas Lischka por Pixabay

Resumindo, a Ethernet oferece uma ampla gama de velocidades, cobrindo desde necessidades básicas até altas demandas, sendo mais estável em comparação ao Wi-Fi, especialmente em ambientes onde a confiabilidade e a segurança da conexão são fundamentais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja Também:


Fontes: TecnoBlog.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo