Engenharia 360

MIT cria modelo para personalizar tênis de corrida e otimizar desempenho

Engenharia 360
por Redação 360
| 07/02/2024 4 min
Imagem de wayhomestudio em Freepik

MIT cria modelo para personalizar tênis de corrida e otimizar desempenho

por Redação 360 | 07/02/2024
Imagem de wayhomestudio em Freepik
Engenharia 360

Quem é praticante de esportes, seja profissional ou não profissional, sabe da importância do uso de bons calçados. Com a ergonomia certa, seu design pode melhorar o desempenho do atleta. Pensando nisso, uma equipe de engenheiros do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) desenvolveu um modelo de tênis com as propriedades ideais para atividades físicas. A ideia é se chegar a um modelo de interação perfeita entre corpo humano e calçado. Continue lendo este texto do Engenharia 360 para saber!

A inovação no design de tênis pelo modelo do MIT

Os pesquisadores do MIT tiveram a intenção de transformar o design de calçados em uma ferramenta ainda mais valiosa para os esportistas. Eles visavam encontrar o tênis perfeito, capaz de se adaptar ao estilo de atividades físicas do usuário. Claro que esta tarefa é desafiadora!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi necessário focar nas propriedades desses calçados, porque isso tende a afetar demais o desempenho nos exercícios. Nesse processo de estudo, foram consideradas diversas variáveis, como altura, peso e dimensões de uma pessoa na média. Com estes dados, foram simulados o modelo de marcha de um indivíduo. Assim, pôde-se trazer um tipo específico de calçado, com determinada rigidez e elasticidade da entressola. O modelo final tem um desempenho otimizado, minimizando a energia gasta pelo usuário.

tênnis MIT
Imagem reproduzida de Melanie Gonick, MIT, via Portal N10

Inspiração na biomecânica

A inspiração dos engenheiros do MIT para o desenvolvimento desse modelo de tênis foi o conceito de biomecânica, ou seja, estudo da mecânica dos organismos vivos. Especialmente o trabalho de Thomas McMahon, realizado nos anos de 1970.

Na ocasião, o cientista usou um modelo simples de “mola e amortecedor” para prever a velocidade de corrida em diferentes tipos de pistas. O MIT adaptou justamente essa abordagem para criar um modelo que considera o centro de massa, o quadril giratório, a perna esticada e o calçado com propriedades ajustáveis.

Limitações e futuras perspectivas

Vale destacar que mesmo com as vantagens apresentadas por conta do seu design avançado, esse modelo de tênis deve encontrar dificuldade de ser vendido no mercado. Isso porque ele precisará lutar contra designs de tênis de corrida semelhantes e altamente divulgados em comerciais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ademais, o modelo de tênis do MIT, apesar de demonstrar como ponto positivo a precisão ao simular mudanças na marcha, ainda apresenta limitações em seu design. Por hora, deve servir de referência para pesquisas de outros designers que visam desenvolver produtos que ultrapassem os limites do convencional de mercado. Por este exemplo, pevemos nos atentar em como a engenharia está contribuindo para a evolução desse segmento do mundo do esporte, especialmente com a impressão 3D.

tênnis MIT
Imagem reproduzida de Melanie Gonick, MIT, via Portal N10

O potencial da impressão 3D em prova

Os designs de calçados modernos, como o tênis desenvolvido pelo MIT, são hoje desenvolvidos graças às novas tecnologias. A exemplo da impressão 3D, que permite a fabricação em larga escala de unidades com uma ampla variedade de propriedades, talvez a partir de uma placa normal de espuma. Esses testes mais recentes põem à prova o método, provando o potencial para produção real de novos modenos e modelos de alto desempenho.

Nos planos do MIT está refinar ainda mais esse modelo de tênis. O objetivo é que, no futuro, os consumidores possam usar uma versão semelhante para escolher calçados adaptados aos seus estilos de atividades físicas individuais. Por exemplo, você enviaria para a fabricante um vídeo seu, mostrando sua rotina de treinos, e receberia de volta, depois do pagamentode uma taxa, um calçado personalizado impresso em 3D. Esse seria o futuro da venda de calçados esportivos, cuja flexibilidade dos projetos permite a projeção de personalizações.

Veja Também: Como as novas tecnologias devem mudar o design de produtos?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Considerações finais

Resumindo, este modelo de tênis do Instituto de Tecnologia de Massachusetts promete revolucionar a indústria de calçados esportivos, oferecendo não apenas conforto, mas também desempenho otimizado para esportistas de todos os níveis.

Veja Também:


Fontes: Interesting Engineering.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo