Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Revelamos à você quais as 5 etapas para o tratamento de água

por Redação 360 | 22/03/2022

Água é vida!“, assim dizem os livros e os professores, e é a mais pura verdade! Sem água não haveria nada neste planeta; simplesmente não seria possível manter a nossa sobrevivência, dos outros animais e das plantas. Por isso é que precisamos de profissionais, como os engenheiros hídricos, para analisar como explorar de forma consciente esse recurso precioso presente em nosso planeta. E contamos também com os serviços públicos de abastecimento para que justamente levem o fornecimento de água adequado às nossas casas, sempre de forma saudável e de boa qualidade. Saiba mais sobre isso no texto a seguir!

etapas de tratamento água
Imagem reproduzida de Jornal NH

Como saber se é preciso tratar água para consumo?

Responder a essa questão é algo bastante complexo – nada simples até mesmo para um profissional experiente no assunto. Em resumo, o tratamento só deve ser realizado depois de uma análise bem apurada. Primeiro das necessidades. Depois, da qualidade da água; dos processos essenciais para captação e tratamentos; além de todos os processos exigidos e futuras inspeções sanitárias, incluindo análises físico-químicas e bacteriológicas. E é claro que, dependendo do cenário, da potabilização da água a ser distribuída, poderá ser preciso cumprir uma série de etapas de trabalhos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

etapas de tratamento água
Imagem reproduzida de Sienge

Veja Também:

Conheça a história do agricultor suíço que ensina os brasileiros a “plantar água”

Como funciona o hidrômetro que mede o consumo de água do imóvel? | 360 Explica

Engenheiro de 82 anos cria máquina capaz de “tirar” água do deserto

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quais as etapas de tratamento geralmente cumpridas nas Estações de Tratamento?

etapas de tratamento água
Imagem reproduzida de ALFACOMP

ETAs, assim são chamadas as Estações de Tratamento de Água. De modo geral, todas elas cumprem certas fases para tratar o líquido e, assim, oferecê-lo nas melhores condições pensando na saúde das pessoas. Veja quais são:

Fase 1

A fase 1 engloba Coagulação e Floculação. Isso significa que é realizado um processo com reagentes – como Sulfato de Alumínio e Cloreto Férrico – para agrupar as partículas de impurezas na água para que possam ser coletadas. Depois é utilizado um alcalinizante para a correção de pH, o que ajuda na atuação efetiva do coagulante.

Fase 2

Na fase 2, a água vai para tanques retangulares e os flocos de impurezas são finalmente separados por meio da gravidade – processo chamado de decantação.

Fase 3

A terceira fase do tratamento envolve a filtração da água, encaminhada para novas unidades, por onde passa por um filtro constituído de um meio poroso granular, como areia, mais um sistema de drenagem poderoso.

Fase 4

Para fazer a desinfecção da água, na fase 4, é usado um agente físico ou químico, como um desinfetante – tipo cloro, ozônio, luz ultravioleta e íons de prata -, para a destruição dos microrganismos patogênicos que poderiam transmitir doenças.

Fase 5

Na última etapa, tem-se a fluoretação da água por base de flúor – íon fluoreto – para a redução da incidência, por exemplo, de cárie dentária.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

etapas de tratamento água
Imagem reproduzida de CORSAN

Então, o que achou das etapas de tratamento de água para abastecimento pela rede pública? Mas ainda convidamos você para continuar esta leitura em “Alerta máximo! Período extremo de seca indica crise hídrica para o Brasil em 2022“!

Veja Também: Bioágua – entenda quais as perspectivas que a ciência dá para a agricultura em tempos de crise hídrica

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.