Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Entendendo o cérebro através da Engenharia reversa

por Luciana Reis | 16/03/2016
Copiado!

Durante cinco anos um grupo de pesquisadores do Departamento de Ciências da Computação da Carnegie Mellon University, na Pensilvânia, EUA, e do Centro para Bases Neurais de Cognição (CNBC) vem buscando desvendar os segredos do circuito neural e das formas de estruturação de nossos pensamentos através da Engenharia reversa.

engenharia-reversa-blog-da-engenharia

Imagem: Gerry Shaw / Wikimedia Commons



O projeto é conduzido pelo professor Tai Sing Lee, da área de Neurociência, e tem o objetivo de tornar mais eficientes os modelos baseados em sistemas com o uso de Inteligência Artificial. A ideia é fazer com que os computadores “pensem” como os seres humanos, e para isso será utilizada a Engenharia reversa, o processo em que é feito um estudo aprofundado sobre o funcionamento de algo, o que possibilita o entendimento sobre estrutura de dispositivos e muitas vezes leva a uma melhoria do que é estudado.
O investimento no projeto é alto, 12 milhões de dólares. De acordo com Tai Sing Lee os algoritmos utilizados atualmente foram desenvolvidos na década de 80, o que leva à necessidade de um estudo mais aprofundado e recente, que os aproximem das redes neurais utilizadas pelo cérebro humano.
cerebro-blog-da-engenharia

Imagem: Verken


O projeto prevê a elaboração de diversas bases de dados através da geração de novos algoritmos. O procedimento envolve a observação e gravação dos sinais emitidos por milhares de neurônios de ratos para a análise sobre como é processada a informação visual. De acordo com o professor Lee, o resultado final esperado é de que estes novos algoritmos permitirão às máquinas de inteligência artificial a aprenderem a partir de exemplos, como ocorre com a inteligência humana.
inteligencia-artificial-blog-da-engenharia

Imagem: Tecmundo


Referências: IDG Now, Tec Mundo
 

Copiado!

Comentários