Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia 360

Engenharia Estrutural: o que é e o que faz o profissional? | Entrevista 360 com TQS

Engenharia 360
por Eduardo Mikail
| 20/02/2020 2 min

Engenharia Estrutural: o que é e o que faz o profissional? | Entrevista 360 com TQS

por Eduardo Mikail | 20/02/2020
Copiado!

A Engenharia Estrutural é um ramo da Engenharia Civil voltado para o uso de cálculo estrutural (como o próprio nome já diz). Apesar de ser um profissional bem conhecido, não é todo mundo que sabe exatamente o que ele faz ou como é a formação.

Antes de passar para o texto, nós entrevistamos Abram Belk, engenheiro civil e sócio-diretor da TQS, uma empresa de softwares para engenharia de estruturas e geotecnia. Belk nos conta qual o papel do engenheiro que trabalha com projeto estrutural, como foi a evolução do mercado da engenharia estrutural, como é feito o cálculo estrutural e a relação dos softwares com o BIM. Ele também comenta sobre como os softwares podem ajudar os estudantes, explica sobre a versão gratuita do TQS e dá dicas para quem quer se especializar na área de estruturas. Vem conferir no vídeo abaixo:

Confira também a entrevista em versão podcast:

O que é Engenharia Estrutural?

A Engenharia Estrutural diz respeito ao uso do cálculo estrutural para a construção de projetos como edifícios, pontes e outros semelhantes. Para quem quer se especializar na área, há cursos de pós-graduação (nas modalidades de especialização, mestrado e doutorado).

O objetivo desse profissional é fazer um projeto no qual a estrutura consiga cumprir sua função sem entrar em colapso, sem vibrar de forma excessiva ou sem sofrer deformação. Essa estrutura não pode romper, ela deve ser segura e, ao mesmo tempo, econômica (ou seja, um projeto economicamente viável).

O que faz o profissional?

Cabe ao engenheiro estrutural planejar, executar e fiscalizar a parte estrutural das obras. Há quem diga que, se a estrutura fosse o corpo humano, o arquiteto seria o responsável pela forma e pela aparência desse corpo, enquanto o engenheiro estrutural ficaria por conta do esqueleto e dos tendões.

estrutura BIM em software visualização 3D
Imagem: medium.com/@structuraldesigndrafting

Só por isso já é possível perceber o tamanho da responsabilidade do profissional de Engenharia Estrutural, certo? O problema é que muita gente acredita que um software vai conseguir fazer todo o trabalho, que basta saber usá-lo, colocar os dados e a mágica acontece, mas a história não é bem assim.

É preciso saber o que você está fazendo, saber o que está calculando, a importância de cada elemento da estrutura e estar em sintonia com os demais participantes do projeto: arquitetos, construtores, outros engenheiros (eletricistas e de instalações hidráulicas, por exemplo), etc. Com relação ao software, ele é uma ferramenta para auxiliar o profissional e é preciso saber escolher a ferramenta e ter boa base para usar.

Um profissional de Engenharia de Estruturas também deve conhecer o local no qual o projeto está. Se ele for projetar um edifício em uma área com muitos terremotos no Japão, é diferente de fazer um projeto para São Paulo. No caso de pontes, por exemplo, é preciso considerar elementos como condições do terreno, vento, água, tráfego local e outros.

estrutura BIM em software visualização 3D
Imagem: donaldmcintyredesign.com

Referências: SEAOC; ISTRUCTE; Live Science.

Copiado!
Engenharia 360

Eduardo Mikail

Engenheiro Civil, empresário e empreendedor digital. É fundador do Engenharia 360 e sócio-fundador da Bronks content., produtora de conteúdo e projetos digitais. Formado em Engenharia Civil e Administração com especialização em Marketing pela ESPM, já trabalhou em uma das maiores construtoras do país e hoje está à frente da Mikail Arquitetura e Engenharia. Interessado por tecnologia, iGadgets e nas horas vagas curte viagens, música e fotografia. Segue lá no Instagram @eduardomikail

Comentários