Engenharia 360

Será que você usa o celular corretamente? Confira dicas para um carregamento mais rápido e seguro

Engenharia 360
por Redação 360
| 18/04/2022 | Atualizado em 22/05/2022 4 min

Será que você usa o celular corretamente? Confira dicas para um carregamento mais rápido e seguro

por Redação 360 | 18/04/2022 | Atualizado em 22/05/2022

É impressionante como podemos aproveitar tantas tecnologias graças às baterias. Aliás, versões mais primitivas delas já eram fabricadas desde o tempo dos romanos e egípcios – é verdade. Passados alguns séculos, começamos a utilizar as pilhas e tantos outros modelos afins. Alguns tiveram seus sistemas adaptados para a telefonia. Mas, hoje, parece que quanto mais funcionalidades os celulares ganham, mais sentimos que precisamos de baterias que duram além do tempo estimado, o que tem sido um desafio para os cientistas.

bateria celular
Imagem reproduzida de Showmetech

Veja Também: Como funciona a tecnologia dos telefones celulares?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Novas baterias trazem boas perspectivas para a Engenharia

Recentemente, os pesquisadores anunciaram algumas novidades interessantes sobre a tecnologia de baterias. Primeiro, a descoberta de um sistema para bateria de íon de lítio, que, quase bem perto de descarregar, tenta puxar uma corrente constante e opera em baixa voltagem, o que pode ser algo benéfico para os aparelhos. Depois, quanto mais carga é adquirida, mais cresce a tensão. Então, se mantida sempre entre 30 e 80 por cento, vai precisar de menos tensão, tendo sua vida útil prolongada. Isso representa o que tem de melhor hoje em densidade, capacidade energética e custo de produção em grande escala!

Já outra novidade são as baterias de sódio, que podem ser bem menores, baratas, mais estáveis e até eficientes que as baterias de lítio – que já começam a ser usadas nas maiorias dos equipamentos eletrônicos. Essa descoberta é atribuída a cientistas da Universidade de Washington, nos Estados Unidos. Eles conseguiram eliminar o ânodo dessas células de energia. No caso o lítio é substituído pelo sódio e o ânodo deixa de ser necessário – um modelo de química antiga.

bateria celular
Imagem reproduzida de TecMundo

Cuidados que se deve ter com as baterias de celular

Agora, não adianta as tecnologias evoluírem, lançando novos produtos com capacidade de aumentar a carga das baterias, se as nossas práticas equivocadas permanecerem. Sabia que alguns aparelhos conseguem, com apenas uma carga, funcionar no modo econômico por vários dias? Mas você coloca o seu celular na tomada a toda hora, não é mesmo? Claro que o que é feito com ele entre os intervalos pode lhe convencer de que precisa disso. Contudo, muitas vezes, o que está fazendo é apenas viciando ainda mais a bateria.

Para carregar o celular mais rápido, você deve:

  • Evitar deixar ligado em segundo plano recursos desnecessários do aparelho;
  • Quando a região apresentar problemas de sinal e você não precisar disso no momento, coloque-o no ‘modo avião’;
bateria celular
Imagem reproduzida de Olhar Digital
  • Pode-se ainda ativar o ‘modo de economia de bateria’, para garantir um tempo de uso bem maior sem precisar recorrer à tomada;
  • Vale a pena diminuir o brilho da tela até o nível mínimo, mas ainda confortável, que você consiga enxergar o display – que é um dos componentes que mais “drena’ energia do celular;
  • Também reduzir o tempo limite da tela acesa enquanto você não utiliza o celular;
  • Desligar ou reduzir ‘modo vibração’ e desmarcar outros sistemas de notificações – como de aplicativos de jogos ou e-mail – não tão necessários para você, além da busca por conexões de rede adicionais, bluetooth, NFC e localização, mais assistentes como Siri e afins;
  • Usar o papel de parede mais simples para o celular – modelos dinâmicos são legais, mas consomem muita energia;
  • Por fim, manter aplicativos e sistemas, em geral, atualizados, pois alguns updates propostos pelos fabricantes podem ajudar a economizar bateria e gastar menos dados móveis.

E o que você NÃO pode fazer:

  • Para baterias tipo íon de lítio, por exemplo, não é recomendado 100% de carregamento – inclusive deixar o celular por horas na tomada, como ir dormir e só tirá-lo da rede pela manhã -, que pode comprometer a sua longevidade;
  • Também não presta deixar zerar a bateria antes de carregar, sendo melhor, portanto, mantê-la sempre na faixa entre 20 e 80 por cento;
  • Ou ainda expor o telefone constantemente ao calor excessivo, como é o caso de alguns motoristas que deixam seus aparelhos no painel do carro, pegando sol.
bateria celular
Imagem reproduzida de Canaltech

Sim, é provável que todo eletrônico apresente certo desgaste natural com o tempo, por mais cuidadoso que você seja com ele. Só mantenha os bons hábitos, com ensinamos, para preservar seu “amigo e companheiro” funcionando pelo máximo de tempo possível e desejado!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja Também: Digitação no celular é tão rápida quanto em teclado convencional


Fontes: USA Today, Canal Tech, Canal Tech 2.

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.