Engenharia 360

Networking: 7 dicas de como se dar bem em eventos profissionais sem conhecer ninguém

Engenharia 360
por Redação 360
| 09/12/2022 | Atualizado em 27/01/2023 4 min

Networking: 7 dicas de como se dar bem em eventos profissionais sem conhecer ninguém

por Redação 360 | 09/12/2022 | Atualizado em 27/01/2023
Engenharia 360

Por certo, você já deve ter ouvido dizer que o fator “QI” ou “quem indique” pode fazer toda a diferença no mercado de trabalho. E, por isso, sobretudo no início de carreira, é fundamental tentar fazer networking. Aliás, sabe o que é isso? É o compartilhamento de informações entre pessoas ou empresas, como uma troca de arroba, para melhorar seus relacionamentos e aumentar suas oportunidades de negócios. Mas será que não seria indelicado chegar num evento, sem conhecer ninguém, e já ir se apresentando?

Bem, isso depende muito! Por certo, as chances de criar conexões num cenário como este são menores. Mas ainda, mesmo assim, de acordo com especialistas, ainda é possível se dar bem se a pessoa criar as “jogadas” certas. Até porque, de alguma forma, você precisa começar a criar esses contatos, essas conversas significativas, mesmo que seja algo difícil, não é mesmo? Acompanhe as dicas a seguir! Te ensinamos como dar esse passo importante, estender sua rede de conhecidos e abrir seus horizontes profissionais!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

1. Crie um plano de networking

Assim como um ator ensaia suas falas antes de entrar em cena, você também deve se estudar, ter autoconhecimento de suas capacidades e planejar suas ações. Afinal, o que vai oferecer aos outros em suas apresentações?

Lembrando que o tempo desses contatos para networking é muito curto e, assim como num romance, a primeira impressão é a que fica. Prepare um texto curto, que demonstre sua riqueza de conhecimentos, os pontos fortes da sua carreira e suas melhores habilidades, mas sem ser esnobe, pomposo. Dizem que o tempo de discurso deve ser praticamente, mais ou menos, uma viagem de elevador!

2. Estude o ambiente, físico ou virtual

Antes de começar suas tentativas de criação de networking, estude bem o mapa do evento, identifique as pessoas presentes e as empresas que mais lhe interessam. Cuidado, pois grupos com muitas pessoas conversando não vão abrir espaço para interrupções! Aguarde o momento certo para a sua abordagem!

networking
Imagem reproduzida de Digipaper

Veja Também: Saiba como criar um networking consolidado

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

3. Guarde o celular no bolso

A coisa mais mal-educada é alguém estar falando com você, especialmente numa situação de networking, e você ficar mexendo no celular, com o aparelho tocando mensagens a toda hora. Insuportável isto! Mas… Por outro lado, o celular pode ser um ponto de apoio, mas apenas quando o motivo de usá-lo para apresentar um exemplo visual às questões feitas a você. Porém, nessas horas, o discurso ainda valerá bem mais, pode apostar!

networking
Imagem reproduzida de BLOG – Experience Lounge

4. Sente para tomar um café

Num evento presencial, tire um tempo para ir à lancheria. Uma conversa trivial na fila do café ou dos petiscos pode render mais do que imagina. De repente, pinta um sorriso, uma conversa fiada – talvez sobre como algo está saboroso -, um aperto de mão e pronto, um contato.

networking
Imagem reproduzida de
Oskar Tours

Veja Também: Estudante: descubra qual a importância de participar de atividades extracurriculares

5. Deixe a vergonha de lado

Se você chegar nas pessoas com medo, inibido pelas hierarquias, com receio de se aproximar de outros executivos e empresários, infelizmente, não vai longe. Lembre-se que a outra pessoa à sua frente é também um ser humano. Se ela for estúpida e mal-educada com você, será mais problema dela, do que seu. Certo? É só manter o respeito!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

6. Seja inovador nos assuntos abordados

Por favor, começar networking com a conversa “como está o tempo hoje” não dá, né? E você também não deve ficar no local embromando demais. Fale o que você deseja, talvez somente um ponto que lhe chamou atenção nas palestras ou feira em que está, e caia fora! O diálogo só rende mais em tópicos como livros, filmes… Mas este território precisa de muito domínio e fôlego. Não esqueça que tempo para a criação de networking é curto!

Quer saber, ouça mais e fale menos! Mostre interesse; atitude aberta. Realize só comentários positivos, nada de vir com histórias tristes, dramas de carreira. E só faça perguntas que geram conversas. Aliás, a melhor abordagem para um networking de valor é focar no que você perguntará, como pôde incentivar a outra pessoa e, assim, desenrolar o bate-papo.

networking
Imagem reproduzida de Tec Mobile

7. Termine a conversa com uma troca

Como uma troca de arroba nas redes sociais, sua conversa para criação de networking precisa terminar oferecendo algo de valor para o outro; isso ajudará a aumentar suas conexões profissionais. Ofereça dicas da sua especialidade ou faça um convite para outro evento de interesse da pessoa. E ainda, numa alternativa mais simples, um convite para a pessoa conhecer o seu trabalho ou a sua empresa quando possível.

networking
Imagem reproduzida de Grupo de Eventos

Fontes: Forbes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo