Engenharia 360

TUDO o que você precisa saber para realizar um Estudo de Impacto Ambiental

Engenharia 360
por Redação 360
| 06/04/2023 5 min
Imagem de Freepik

TUDO o que você precisa saber para realizar um Estudo de Impacto Ambiental

por Redação 360 | 06/04/2023
Imagem de Freepik
Engenharia 360

A Engenharia pode ter um impacto positivo sobre à natureza, através da criação de tecnologias limpas e gestão sustentável de recursos naturais. Por outro lado, se faz necessários o Estudo de Impacto Ambiental porque a Engenharia também pode afetar negativamente o meio ambiente através da poluição do ar, água e solo, uso excessivo de recursos naturais, contribuição para as mudanças climáticas e má gestão de resíduos.

estudo de impacto ambiental
Imagem de ChadoNihi em Pixabay

É importante que os engenheiros considerem cuidadosamente o impacto ambiental de suas atividades e trabalhem para minimizar quaisquer efeitos negativos!

O que é e qual a diferença de EIA e RIMA na Engenharia?

EIA (Estudo de Impacto Ambiental) e RIMA (Relatório de Impacto Ambiental) são instrumentos utilizados na Engenharia Ambiental para avaliar e gerenciar o impacto ambiental de projetos de engenharia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

EIA

O Estudo de Impacto Ambiental é um estudo técnico-científico que avalia os impactos ambientais de um projeto ou atividade prevista, com o objetivo de subsidiar a tomada de decisão e a gestão ambiental. Ele analisa os efeitos diretos e indiretos do projeto sobre o meio ambiente, levando em conta a natureza, intensidade, duração, reversibilidade e magnitude desses impactos. A saber, o EIA é uma etapa obrigatória em projetos que possam causar impactos significativos ao meio ambiente.

RIMA

Já o Relatório de Impacto Ambiental é um documento que sintetiza os resultados do Estudo de Impacto Ambiental em uma linguagem acessível ao público em geral, de forma a permitir a participação da sociedade no processo de tomada de decisão. Ele deve conter informações sobre os impactos ambientais do projeto, as medidas de mitigação e compensação propostas, bem como as alternativas estudadas e as justificativas para a escolha do projeto.

estudo de impacto ambiental
Imagem de Freepik

Veja Também:

Qual a diferença entre Auditoria Ambiental e Perícia Ambiental?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Por que se faz necessário Estudo de Impacto Ambiental na Engenharia?

O Estudo de Impacto Ambiental é uma ferramenta utilizada na Engenharia para avaliar os impactos que determinado empreendimento pode causar ao meio ambiente. Ele é exigido por lei em muitos países, incluindo o Brasil, e sua finalidade é garantir que os projetos sejam desenvolvidos de forma mais sustentável possível e que atenda às necessidades da sociedade como um todo.

estudo de impacto ambiental
Imagem de mosswoodconnections em Pixabay

O EIA é importante porque a construção de empreendimentos, como estradas, usinas hidrelétricas, aeroportos, entre outros, pode ter efeitos significativos no meio ambiente, como a degradação de ecossistemas, a poluição de rios e mares, a perda de biodiversidade, entre outros. E o documento permite a identificação desses impactos antes da implementação do projeto, possibilitando a adoção de medidas para minimizá-los ou mitigá-los.

Veja Também: Engenharia Ambiental: ESG e as novas oportunidades no mercado brasileiro

Como fazer um Estudo de Impacto Ambiental na Engenharia?

O Estudo de Impacto Ambiental é um processo complexo que envolve diversas etapas. A seguir, confira algumas das principais etapas envolvidas na elaboração de um EIA:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fase 1

Identificação dos impactos ambientais

Primeiro, deve-se identificar quais são os possíveis impactos ambientais que o empreendimento pode causar. Para isso, é necessário conhecer bem o local onde o projeto será desenvolvido e suas características ambientais.

Avaliação dos impactos

Após a identificação dos impactos, é necessário avaliar a magnitude, a extensão, a duração e a reversibilidade desses impactos, bem como a sua importância em relação ao meio ambiente e aos interesses da sociedade.

Estudo de alternativas

Na sequência, avalia-se as diferentes alternativas para o empreendimento, a fim de identificar qual delas causaria menos impactos ambientais.

estudo de impacto ambiental
Imagem de Freepik

Fase 2

Proposição de medidas mitigadoras

Com base na avaliação dos impactos e na escolha da melhor alternativa, é necessário propor medidas que minimizem ou mitigem os impactos ambientais. Essas medidas podem incluir, por exemplo, a construção de sistemas de tratamento de efluentes, a preservação de áreas de vegetação nativa, a adoção de tecnologias menos poluentes, entre outras.

Elaboração do relatório

Nesta fase, todas as informações coletadas e as medidas propostas devem ser registradas em um relatório de EIA. O relatório deve ser claro e objetivo, e deve apresentar todas as informações necessárias para a compreensão dos impactos ambientais do empreendimento.

Consulta pública

Enfim, o EIA é submetido à consulta pública, a fim de permitir que a sociedade se manifeste sobre o projeto e as medidas propostas.

Análise e aprovação

O relatório finalmente é analisado por um órgão ambiental competente, que irá avaliar se todas as informações necessárias foram apresentadas e se as medidas propostas são adequadas para minimizar ou mitigar os impactos ambientais. Se o relatório for aprovado, o empreendimento poderá ser autorizado a prosseguir.

estudo de impacto ambiental
Imagem de Camera-man em Pixabay

Fase 3

Monitoramento

Após a autorização para o empreendimento, é importante que seja feito um monitoramento constante dos impactos ambientais causados, a fim de verificar se as medidas mitigadoras estão sendo efetivas e se novos impactos surgiram. O monitoramento também é importante para avaliar se é necessário adotar novas medidas para minimizar ou mitigar os impactos.

Revisão do EIA

Caso sejam identificados novos impactos ou se as medidas mitigadoras não forem efetivas, pode ser necessário revisar o EIA e propor novas medidas para minimizar ou mitigar os impactos.

Cumprimento das obrigações ambientais

Para completar, o empreendedor de engenharia deve cumprir todas as obrigações ambientais estabelecidas pelo órgão ambiental competente, como o monitoramento dos impactos ambientais, a adoção de medidas mitigadoras, o pagamento de compensações ambientais, entre outras. Vale lembrar que o descumprimento das obrigações pode acarretar em sanções e multas!

Veja Também:


Fontes: Verton, Eu Reciclo, Ohub,

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo