Engenharia 360

A beleza e a engenhosidade das carruagens da coroação de Charles III

Engenharia 360
por Redação 360
| 05/05/2023 4 min
Imagem reprodução digital, Royal UK , Portal EdiCase, via Terra

A beleza e a engenhosidade das carruagens da coroação de Charles III

por Redação 360 | 05/05/2023
Imagem reprodução digital, Royal UK , Portal EdiCase, via Terra
Engenharia 360

No próximo dia 6 de maio, está prevista a realização de um evento de grande magnitude e simbolismo: a coroação do rei britânico Charles III. A cerimônia ocorrerá na Abadia de Westminster, em Londres, e contará com a presença ilustre do rei e da rainha consorte, Camilla Parker-Bowles. Durante o evento, o casal real fará uso de duas carruagens reais para chegar e sair do local. Não é segredo que as carruagens reais britânicas são verdadeiras obras de arte, cheias de história e significado. E é sobre a beleza e engenhosidade desses dois veículos de transporte que o texto do Engenharia 360 a seguir trará mais informações.

https://www.instagram.com/p/CrmC5bstTCe/

Veja Também: A história da humanidade contada pelas diferentes fases da Arquitetura do passado

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O esplendor das carruagens reais na coroação de Charles III

Para fazer os trajetos entre a Abadia e o Palácio de Buckingham, serão utilizadas duas carruagens reais, que além de serem verdadeiras obras de arte, possuem um significado histórico muito importante. Uma delas é utilizada em coroações desde os anos 1830, o que mostra como a tradição e a história são valorizadas pelos britânicos. Neste contexto, podemos perceber a importância que as carruagens da coroação de Charles III têm para a cultura e identidade britânicas.

Carruagem 1

Para o trajeto do Palácio de Buckingham até a Abadia, o rei e a rainha consorte escolheram a carruagem do Jubileu de Diamante da rainha Elizabeth II, uma opção moderna e confortável. O veículo foi projetado pelo australiano Jim Frecklington. Ele possui ar-condicionado, vidros elétricos e suspensão hidráulica, o que garante um percurso mais fresco e suave para o casal real.

Com cinco metros e três toneladas, a carruagem é puxada por seis cavalos Windsor Grey, designados para a função. A construção da carruagem atrasou por quase oito anos e só foi usada pela primeira vez em 2014, na abertura do Parlamento. A coroa dourada no topo do veículo foi esculpida em carvalho do HMS Victory, navio de guerra comandado pelo almirante Horatio Nelson na famosa Batalha de Trafalgar, em 1805, e a carruagem possui diversas simbologias ligadas à própria monarquia britânica.

carruagens rei charles III
Imagem reprodução Royal UK via R7

O interior do veículo é feito de amostras de madeiras, metais e outros materiais de edifícios e lugares com conexões específicas com a Grã-Bretanha, como o Palácio de Buckingham, o Palácio de Kensington e o Castelo de Windsor; a Catedral de St. Paul e a Abadia de Westminster; e outros navios históricos, como o Mary Rose e o Brittania, o iate onde Charles e a princesa Diana passaram a lua de mel. A carruagem foi feita em alumínio e possui estofado de seda amarela, lâmpadas de cristal escocês, maçanetas das portas banhadas a ouro e incrustadas com 24 diamantes e 130 safiras australianas. Até os parafusos que fixam os apoios de mão foram esmaltados para combinar com o estilo do veículo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja Também: Veja como a Arquitetura Romana influenciou a criação de edificações e monumentos mundo afora

Carruagem 2

Após a coroação, o novo soberano precisará trocar de carruagem, passando para a Carruagem de Ouro de Estado, que é considerada antiquada e desconfortável. Ela foi construída em 1760, é puxada por oito Widsor Grey e pesa cerca de quatro toneladas. Embora seja encantadora por fora, com pinturas de deuses e deusas romanas e esculturas douradas, por dentro é forrada com veludo e cetim, mas ainda considerada desconfortável para os monarcas que já a utilizaram.

carruagens rei charles III
Imagem reprodução Royal UK via R7

Até mesmo a rainha Elizabeth II, que andou nesse veículo durante sua própria coroação, em 1953, reclamou da carruagem, descrevendo-a como "horrível" e "não muito confortável". Sean Coughlan, correspondente real da rede de notícias BBC, afirmou que os passeios na Carruagem de Ouro podem ser estressantes para os ocupantes, e isso incluirá certamente o novo rei e sua esposa.

https://www.instagram.com/p/Cq2X94ILjTq/

Apesar das críticas, a Carruagem de Ouro ainda é considerada uma peça histórica importante. E parece que a escolha de Charles em utilizá-la, respeitando a tradição, foi acertada, mesmo que isso signifique enfrentar alguns momentos de desconforto durante o trajeto de volta ao Palácio de Buckingham.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja mais sobre as carruagens utilizadas pela realeza britânica no vídeo a seguir:

https://www.instagram.com/p/Crxy0WAv9YW/

Deixe sua opinião na seção de comentários sobre a engenharia das carruagens que serão usadas pelo novo rei Charles e sua esposa Camilla!

Veja Também:


Fontes: Globo, R7, Terra.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo