Engenharia 360

Entenda de vez quais as diferenças entre BIM 4D e BIM 5D

Engenharia 360
por Cristiano Oliveira da Silva
| 21/06/2022 | Atualizado em 23/01/2023 3 min

Entenda de vez quais as diferenças entre BIM 4D e BIM 5D

por Cristiano Oliveira da Silva | 21/06/2022 | Atualizado em 23/01/2023
Engenharia 360

Muitas vezes já citamos aqui, no Engenharia 360, sobre o conceito relacionado à metodologia BIM, que já faz parte do exercício diário de muitas engenharias. Mas sabia que existem níveis diferentes de Modelagem/Modelação da Informação da Construção ou Modelo da Informação da Construção? Vamos, neste texto, conversar sobre como funciona esse processo na quarta e quinta dimensão, ou seja, BIM 4D e 5D. Acompanhe!

BIM 4D e BIM 5D
Imagem reproduzida de SYSTEC

BIM 4D – PLANEJAMENTO

A quarta dimensão está relacionada ao planejamento da execução, desde o canteiro de obras até as etapas construtivas, adicionando a variável “tempo”. É possível “linkar” a EAP (Estrutura Analítica de Projeto, muito comumente desenvolvida em softwares de planejamento, como o Primavera e o Project) com elementos do modelo. Uma vez sincronizados, são possíveis atualizações automatizadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

BIM 4D e BIM 5D
Imagem reproduzida de OrçaFascio

Nesta dimensão, todos os elementos modelados são, portanto, interligados à variável “tempo”, obtendo-se uma visualização 3D do avanço físico da construção de forma digital no contexto espaço-tempo. Desta forma, é possível comparar, simultaneamente, a evolução da execução da obra com o que foi proposto pelo seu cronograma físico.

Importante destacar também a possibilidade de manter ativo o Modelo desenvolvido na fase de projeto, utilizando-o para prever interferências durante a fase construtiva, resolver questões logísticas de canteiro, simular etapas construtivas (construtibilidade), dentre outros usos. No geral, incorporar a metodologia BIM garante uma melhor eficiência durante a fase de construção, de tal sorte geradas economias, evitando-se desperdícios e improvisos.

BIM 4D e BIM 5D
Integração Modelo – Cronograma (Fonte: Utilizando BIM)

BIM 5D – ORÇAMENTAÇÃO

Aproveitar os componentes do modelo paramétrico para extrair informações precisas de quantitativos e associando a uma tabela de custos é o ponto fulcral da quinta dimensão. Partindo-se da 4D (onde foi adicionada a variável “tempo”), adiciona-se a variável “custo” aos elementos. É possível, portanto, a parametrização de uma lista de materiais com custos associados, fornecendo uma estimativa tão precisa quanto se deseje.

As principais vantagens advindas do emprego da dimensão 5D são:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

  • contagem automática de componentes associados a um projeto;
  • análise simplificada de custos e análise orçamentária com gastos previstos e reais ao longo do tempo;
  • minimização de inconsistências orçamentárias devido a relatórios e orçamentos regulares de custos;
  • e principalmente auxiliar na construção de um cronograma físico-financeiro com grau de confiabilidade elevado.
BIM 4D e BIM 5D
BIM 3D, 4D e 5D – Orçamentação (Fonte: Utilizando BIM)

Informação Final: invista em um dos cursos do Projete Fácil BIM, realizado pelo Engenharia 360 em parceria com o site AArquiteta! Aproveite para aprender BIM e faça projetos de Engenharia até 70% mais rápido! São 15 aulas distribuídas em 2 módulos. Confira!


Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Engenharia 360

Cristiano Oliveira da Silva

- Engenheiro Civil (Poli-USP/2003) - Palestras com foco em Capacitação e Disseminação de BIM / Soft Skills - Sócio Diretor Aplicativa Engenharia LTDA - Serviços em Engenharia Digital - INEXH - Instituto Nacional de Excelência Humana - MasterPractitioner e Coach Sistêmico - Músico, pai e curioso por natureza

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo