Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia 360

4 Programas de Educação Executiva a curto prazo que valem a pena conhecer

Engenharia 360
por Beatriz Zanut Barros
| 16/09/2019 3 min

4 Programas de Educação Executiva a curto prazo que valem a pena conhecer

por Beatriz Zanut Barros | 16/09/2019
Copiado!

Você sabia que é possível fazer um curso sobre educação executiva, em um programa integral e a curto prazo? Os cursos de educação executiva são voltados para pessoas que desejam melhorar o currículo, porém não possuem tempo para um programa de MBA fora do Brasil.

Além de possuir a vantagem de ser um programa intensivo, os programas de educação executiva podem ser uma opção mais fácil para entrar em uma universidade fora do país. Afinal, o processo para entrar em um programa de ensino a curto prazo é menos rigoroso.

Stanford Executive Program

Pensa que sonho um programa de seis semanas de imersão na Universidade de Stanford? Stanford é uma das Universidades que possui participação no Vale do Silício, o maior berço de tecnologia do mundo.

O objetivo do programa, é o de trazer novas perspectivas aos estudantes em termos de liderança e empreendedorismo.

Lembrando que para ser empreendedor você não precisa ter uma empresa, ok? Este curso promete formar líderes capazes de exercer o intra-empreendedorismo, ou seja, capazes de exercer inovação, e capazes de ajudar no crescimento da empresa; Dentro dos limites da organização existente.

Universidade de Stanford

Para entrar no curso será feito uma análise de currículo, e é exigido um certificado de proficiência no nível C1 em Inglês.

Sabe o que eu achei melhor neste programa todo? A taxa de admissão para o programa inclui acomodação privada, todas as refeições, material do curso e um ano de coaching de carreira. E este serviço de coaching ainda é individual, o que torna o serviço ainda mais personalizado.

Já imaginou um programa de mentoria com um profissional de Stanford? Este sem dúvidas é o curso que eu quero fazer daqui alguns anos, afinal, ele é voltado para profissionais mais experientes. Gostou? Saiba mais no site da universidade.

Harvard Summer School

Você sabia que Harvard conta com cursos de verão, com duração de 3 a 6 semanas, sobre diversos temas?

E claro, não poderia faltar educação executiva no portfólio de Harvard. Diferente de Stanford, que é voltado para profissionais experientes, Harvard conta com cursos de verão para todos os níveis profissionais.

Até mesmo para você, que ainda não formou, sabia? Pode ser uma opção perfeita para aliar um intercâmbio de curta duração ao desenvolvimento profissional.

Assim como Stanford, a exigência de Harvard é um certificado de proficiência em Inglês, no nível C1. Saiba mais no site da universidade.

MIT Professional Education

Falamos em MIT e o coração do engenheiro chega até a disparar, não é mesmo? Que estudante de engenharia não gostaria de estudar na melhor do mundo? Como estratégia e liderança são características cada vez mais requeridas pelas empresas na procura de um funcionário, o MIT não poderia deixar de ter um programa de educação executiva na sua lista.

MIT – Massachusetts Institute of Technology

Outra vantagem é a dos cursos no MIT possuírem menor duração, e voltados para alguns temas específicos. Por exemplo, um curso de tecnologia, estratégia e inovação tem duração de quatro dias. Enquanto outro curso sobre desenvolvimento de habilidades em liderança para engenharia e ciência possui apenas 2 dias de duração. O MIT conta com variadas opções com o tema educação executiva, confira mais no site da universidade.

Católica de Lisboa – Escola de Economia e Negócios

A Universidade Católica de Lisboa, conhecida por sua excelência de ensino em educação executiva em Portugal, conta com um curso de pós graduação em gestão de empresas com duração de três semanas.

Universidade Católica de Lisboa

No curso serão abordados temas como: Economia, estratégia, marketing, finanças, liderança e comportamento organizacional. Saiba mais no site da universidade.

Leia também:

Curso de especialização na Europa pode ser mais barato que MBA no Brasil

Copiado!
Engenharia 360

Beatriz Zanut Barros

Engenheira de Energia formada em 2018 pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Mestranda em Energia Renovável pela Universitat Politècnica de Catalunya em Barcelona. Acredito que o conhecimento é tudo que possuímos, e sou apaixonada pelas novas tecnologias que além de melhorar a qualidade de vida da população, não prejudicam o meio ambiente.

Comentários