Engenharia 360

Arquitetura e História: 100 Anos do Copacabana Palace e a Contribuição de Joseph Gire

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 11/08/2023 6 min
Imagem reproduzida de Belmond – Copacabana Palace

Arquitetura e História: 100 Anos do Copacabana Palace e a Contribuição de Joseph Gire

por Simone Tagliani | 11/08/2023
Imagem reproduzida de Belmond – Copacabana Palace
Engenharia 360

O Copacabana Palace é um icônico hotel histórico localizado em frente à Praia de Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro. Com quase um século de existência, a edificação continua sendo um dos mais importantes estabelecimentos hoteleiros do país, com 239 apartamentos e suítes distribuídos entre o prédio principal e o anexo, em uma área de 11.000 metros quadrados. Sua fama no Brasil deve-se ao fato de hospedar celebridades internacionais que visitam a cidade, além de sediar alguns dos mais badalados eventos sociais do país.

Para quem não sabe, Joseph Gire, o arquiteto francês responsável por sua construção, foi uma personagem importante na história da Arquitetura Brasileira, deixando um legado significativo na paisagem urbana do Rio, onde projetou diversas outras obras notáveis. Sua contribuição incluiu a introdução de padrões de elegância e conforto inéditos na cidade, bem como a adoção do concreto armado como elemento essencial na arquitetura brasileira do século XX. Saiba mais neste texto especial do Engenharia 360 em homenagem aos 100 anos do Copacabana Palace!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

copacabana palace
Imagem reproduzida de Donatas Dabravolskas, via Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Copacabana_Palace#/media/Ficheiro:The_Most_Expensive.jpg

Como o arquiteto Joseph Gire contribuiu para o desenvolvimento do Rio de Janeiro?

Joseph Gire contribuiu para o desenvolvimento da indústria da construção no Rio de Janeiro ao estabelecer novos parâmetros construtivos, introduzindo, como dito antes, o uso do concreto armado, uma inovação francesa aprimorada por engenheiros da Alemanha e dos Estados Unidos. Ele expandiu as possibilidades do uso do material, tornando-o um elemento indispensável do vocabulário arquitetônico do século XX na cidade.

O arquiteto agiu para ajudar a cidade do Rio de Janeiro a se voltar para o mar, impulsionando a cultura praiana dos cariocas. Alguns de seus projetos que refletiram essa influência incluem o Edifício Praia do Flamengo, que apresentava uma decoração Luís XVI e cobertura em mansardas renascentistas, e o Hotel Copacabana Palace, inspirado em dois famosos hotéis da Riviera Francesa, o Negresco em Nice e o Carlton em Cannes, que se tornou um marco icônico na praia de Copacabana e influenciou a cultura hoteleira e turística do Rio.

copacabana palace
Imagem reproduzida de G1

São as principais construções de Joseph Gire no Rio de Janeiro:

  • Hotel Glória (1922)
  • Edifício A Noite (primeiro arranha-céu do Brasil, 1930)
  • Edifício da seguradora Sul América (Rua da Quitanda, 86, projeto de 1925)
  • Hotel Copacabana Palace (1923)
  • Palácio Laranjeiras (1913, em parceria com Armando Silva Telles)
  • Edifício Praia do Flamengo (1923, na Praia do Flamengo, 116)
  • Palácio de Brocoió (1930)

Além das construções no Rio de Janeiro, Joseph Gire também realizou obras notáveis em outras cidades brasileiras, como o Hotel das Cataratas em Foz do Iguaçu. No exterior, suas obras se estenderam para países como Argentina, França, Alemanha, Espanha, e incluem diversos prédios e projetos monumentais, contribuindo para a arquitetura e a paisagem urbana de várias localidades.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quem fundou o Copacabana Palace e em que ano foi construído?

O Copacabana Palace foi fundado pelos empresários Octávio Guinle e Francisco Castro Silva. E sua construção ocorreu entre 1919 e 1923.

Vale destacar que o motivo da inauguração considerada tardia do Copacabana Palace deveu-se a algumas dificuldades enfrentadas durante a construção. Entre elas estavam a demora na importação de mármores e cristais, a complexidade das fundações (com catorze metros de profundidade), a falta de tecnologia e experiência no país para tais obras e uma violenta ressaca que destruiu a Avenida Atlântica, causando danos aos pavimentos inferiores do hotel em 1922.

Já a piscina do Copacabana Palace só foi inaugurada em 1934, com um projeto do engenheiro César Melo e Cunha. Posteriormente, em 1949, a piscina foi ampliada.

copacabana palace
Imagem reproduzida de Archtrends
copacabana palace
Imagem reproduzida de Archtrends
copacabana palace
Imagem reproduzida de desconhecido, coleção Marcelo Almirante, via Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:CopacabanaPalaceAnos30.jpg

Veja Também: O futuro do Brasil através dos olhos do Rio de Janeiro: visões artísticas e previsões da IA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quais as principais características arquitetônicas do Copacana Palace?

A construção do Copacabana Palace possui uma estrutura sóbria e imponente, com destaque para o uso de mármore de Carrara e cristais da Boêmia em sua edificação. O hotel ainda apresenta elementos arquitetônicos que remetem ao estilo Luís XVI, com detalhes ornamentados e elegantes. De quebra, possui uma vista deslumbrante para o mar. Na área comum, há uma grande piscina, além do "Golden Room", que é um espaço de eventos e espetáculos inaugurado em 1938. Enfim, seu complexo é um exemplo significativo da arquitetura luxuosa e sofisticada desde a época em que foi construído!

copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace
copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace
copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace
copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace
copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace
copacabana palace
Imagem reproduzida de Belmond - Copacabana Palace

Por que o Copacabana Palace tornou-se patrimônio histórico?

O hotel e cassino Copacabana Palace foram essenciais para a fama e o glamour do bairro de Copacabana nas décadas seguintes. Para começar, por sua importância arquitetônica, histórica e cultural, tanto para a cidade do Rio de Janeiro quanto para o Brasil. Depois, porque ele hospedou celebridades de renome mundial que visitavam a cidade do Rio de Janeiro, o que trouxe prestígio e notoriedade ao local. E também, por fim, porque sediou eventos sociais badalados, atraindo a atenção da sociedade e da mídia.

Mas antes de tudo isso, houve no hotel um curioso episódio envolvendo o presidente Washington Luís, em 23 de maio de 1928. Na ocasião, o presidente foi baleado no Copacabana Palace por sua amante, a marquesa italiana Elvira Vishi Maurich. O presidente foi internado, alegando-se que teve uma crise de apendicite, e a marquesa foi encontrada morta quatro dias depois, com a versão oficial sendo de que teria sido suicídio.

Atualmente, o hotel Belmond Copacabana Palace é considerado um marco da paisagem urbana carioca e é tombado nas esferas federais, estaduais e municipais como patrimônio histórico, devido à sua importância cultural e arquitetônica para o Brasil.

copacabana palace
Imagem reproduzida de Rtietz, via Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Hotel_copacabana_palace.jpg

Em 2009, o Belmond Copacabana Palace recebeu o prêmio World Travel Award, um dos mais importantes prêmios mundiais de turismo. Ele foi eleito como o melhor hotel da América do Sul naquele ano, reforçando sua reputação como um dos principais estabelecimentos hoteleiros da região.

E, em 2018, o grupo LVMH comprou o Belmond Copacabana Palace e demais hotéis da rede Belmond em uma transação no valor de US$ 3,2 bilhões (cerca de R$ 12 bilhões). O grupo LVMH é uma empresa multinacional francesa que atua nos setores de luxo, moda, perfumes, joias, entre outros.

Nota: O Copacabana Palace, desde sua inauguração, em 1923, já contou com a presença da artista francesa Mistinguett. Além disso, o hotel recebeu outras inúmeras personalidades, incluindo Albert Einstein, U2, Ava Gardner, Orson Welles, Rolling Stones e Elizabeth II. A realeza também marcou presença, com visitas de reis, rainhas e príncipes. Ademais, o local foi cenário de filmes famosos e palco de shows históricos, como o dos Rolling Stones em 2006. Jorginho Guinle, figura central, foi testemunha da história do hotel até seu falecimento.

Veja Também:


Fontes: Wikipedia, Wikipedia 2, Archtrends, G1, Belmond.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada nos cursos de Arquitetura & Urbanismo e Letras Português; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais, Jornalismo Digital, Marketing Digital, Gestão de Projetos, Transformação Digital e Negócios; e proprietária da empresa Visual Ideias.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo