Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Trabalhar em indústria não é para os fracos

por Lucie Ferreira | 30/09/2016
Copiado!

Uma rotina puxada que muitas pessoas vivem no nosso país.

Créditos: www.industriahoje.com.br


Sono, correria, estresse, limite, satisfação… Essas são algumas das palavras que definem a rotina de muitas pessoas que trabalham em indústrias.
Logo bem cedo o despertador toca para iniciar mais um dia de trabalho. Na indústria, os turnos são geralmente bem cedo. Ou seja, antes do sol nascer, já deve estar tudo pronto.
Começa a surgir aquele estresse. Aquele motor que deixou de funcionar, aquela engrenagem que quebrou. E então começa aquela correria. O conserto e a solução do equipamento deve ocorrer o mais rápido possível. Afinal, os gestores de produção querem a linha performando a todo vapor.
Às vezes não dá tempo nem de fazer aquela refeição básica. Às vezes tem que fazer hora extra para que tudo seja resolvido. E assim são superados todos os limites do seu corpo e de sua mente.
Mas quando tudo volta ao normal, vem a sensação de dever cumprido! Nada mais satisfatório do que ver a linha de produção, depois de um forte trabalho, voltar a produzir como antes!
E assim são todos os dias. O mais interessante é que isso se torna desafiador, a ponto de despertar o prazer de fazer parte… Em casa e na roda de amigos, essa rotina sempre será lembrada e todos acharão o máximo.
Com isso surge a pergunta: você está preparado para viver tudo isso? A resposta cada um tem dentro de si. Mas de uma coisa eu tenho certeza: quem encarar esse desafio, não irá se arrepender.

Copiado!

Comentários