Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Sonha em trabalhar no exterior? Conheça o 'Engenheiros Talks'

por Júlia Sott | 31/05/2021

O projeto Engenheiros Talks tem como objetivo ajudar engenheiros brasileiros a conquistarem um emprego fora do Brasil!

Hoje, eu trago para o Engenharia 360 o Herick Conceição, ele é engenheiro eletricista e trabalha na Irlanda há mais de 5 anos! Incrível né? Mas mais do que isso, o Herick tem um projeto chamado Engenheiros Talks, que tem como objetivo ajudar engenheiros brasileiros a conquistarem um emprego fora do Brasil!

Herick nasceu em Rio Grande da Serra, em São Paulo, e se formou em Engenharia Elétrica pelas Faculdades Integradas de São Paulo, em 2013. Atualmente ele está cursando a pós-graduação em Power Systems – Sistemas Elétricos de Potência – pela Universidade da Cidade de Dublin, na Irlanda. E, por fim, também é pós-graduando em Wind Energy – ou Energia Eólica – pela Universidade de Dundalk, localizada entre Dublin e Belfast.

Eu não sei vocês, mas eu estou muito empolgada para saber detalhes da carreira do Herick e de seu projeto! Vamos nessa?!

herick-em-seu-trabalho-de-engenheiro-eletricista-na-irlanda
Foto: Herick Conceição (Arquivo Pessoal)

Herick, conta pra gente um resumão da sua história, da sua formação e da sua caminhada profissional até chegar na Irlanda!

“Sou formado em Engenharia Elétrica desde 2013. Todos nós sabemos que para conseguir uma vaga como engenheiro no Brasil, a grande maioria das empresas exige o inglês. Foi então que, em 2015, decidi fazer um intercâmbio para aprimorar o meu inglês, e escolhi a Irlanda pois poderia estudar e trabalhar também.”

A princípio, meus planos eram: vou para o intercâmbio, melhorei meu inglês e volto para o Brasil para atuar na área. As coisas não saíram muito bem como tinha planejado, mas saíram melhores do que eu imaginava!”

No finalzinho do meu intercâmbio, por meio de networking, consegui uma oportunidade de emprego que me daria visto de trabalho e a possibilidade de permanecer na Irlanda.”

Em abril de 2016, comecei nesta empresa (ONG – Organização Não Governamental) fazendo absolutamente de tudo, não tinha tempo ruim. O que eles precisavam eu estava lá para ajudar. Mas eu não estava 100% realizado, pois não estava atuando na área de engenharia. Foi aí que as minhas buscas começaram! Arrumei meu currículo, meu LinkedIn e comecei a aplicar para as vagas de engenharia. Então, em junho de 2017, consegui meu primeiro emprego como engenheiro aqui na Irlanda.”

De lá pra cá já, trabalhei em algumas empresas – dentre elas, a única distribuidora de energia da Irlanda (ESB). Fui o primeiro engenheiro brasileiro a trabalhar na sala de controle, no qual eu tinha a responsabilidade de comandar e controlar toda a energia de todo o país.”

Atualmente, trabalho para uma consultoria de Engenharia Elétrica, realizando projetos do segmento de transmissão, incluindo Wind farm connection na Europa, UK e USA“.

herick-em-seu-trabalho-como-engenheiro-eletricista-na-irlanda
Foto: Herick Conceição (Arquivo Pessoal)

Como é trabalhar no exterior? Quais as diferenças que você percebeu entre trabalhar no Brasil e na Irlanda?

“Olha, trabalhar em outro país é bem desafiador. A primeira barreira a ser superada é a barreira do idioma, mas, com o passar do tempo, você vai ficando mais confiante e isso se torna normal e fluido.”

“No Brasil, eu tive a oportunidade de trabalhar apenas como técnico. Mas acredito que uma das principais diferenças seja o entendimento das normas locais, e isso você acaba adquirindo apenas com o dia a dia. Também há o desafio de entender a cultura de trabalho que, muitas vezes, é diferente da nossa. É preciso estar sempre aberto a aprender e ser resiliente – estes são itens fundamentais.”

herick-em-um-lugar-a-beira-do-mar-na-irlanda
Herick visitando Dingle, um dos cartões postais da Irlanda (Foto: Arquivo Pessoal)

Nos conte tudo sobre o Engenheiros Talks e seu objetivo com esse projeto!

“Em 2017, após ter conseguido o meu primeiro emprego na área de Engenharia na Irlanda, eu percebi que, sim, é possível conseguir um emprego como engenheiro fora do Brasil.”

“Nesta época, eu encontrava pouquíssimas coisas sobre o assunto na internet e por isso, no final de 2017, nasceu o primeiro Engenheiros Talks evento. Foi um evento presencial e online para todos os engenheiros que estavam na Irlanda e também para quem estava no Brasil com intenção de migrar para a Irlanda. Neste primeiro momento, eu queria apenas motivar outros engenheiros dizendo que era possível e eu era uma prova disso, mas também mostrar o “caminho das pedras”, uma vez que pouco se achava informações na internet.”

“Ao longo destes anos, eu descobri que meu proposito de vida era ajudar as pessoas, e de lá pra cá, o Engenheiros Talks cresceu, tem um canal no Youtube, Instagram, grupo no Telegram e no LinkedIn, e tem ajudado outros brasileiros a migrarem do Brasil para Irlanda, mas fazendo essa mudança com segurança.”

“Hoje, contamos com um time que ajuda outros engenheiros com treinos de entrevistas em inglês e mentorias. Tudo para o engenheiro sai do Brasil com segurança e emprego garantido.”

Confira aqui o vídeo do Engenheiros Talks sobre vistos de trabalho:

Herick, deixe um conselho para nossos leitores que sonham com uma carreira no exterior!

Meu primeiro conselho para quem sonha com uma carreira internacional, é dizer: SIM, é possível. Não desista! Você só precisa estar bem preparado para a oportunidade. Por isso, foque em fazer networking, ter um bom currículo que conte sua história profissional, um Linkedin campeão e uma dose especial de cara de pau. Com essa receitinha, há grandes chances de conseguir um emprego fora do Brasil!”


O que acharam da trajetória e do projeto do Herick? A redatora aqui achou demais e já vai ficar de olho em todos os conteúdos nesta linha que virão em seguida!

Se você tem esse objetivo de trabalhar fora, não deixe de seguir esse projeto nas redes sociais! Estude se informe e vá adiante a seu sonho! E, como diz no primeiro post do Instagram do Engenheiros Talks, citando Carl Sandburge, “Nada acontece ao menos que sonhemos antes”!

Veja Também: 10 palestras do TED Talks que todo engenheiro deveria ver

Comentários

Engenharia 360

Júlia Sott

Após a formatura em engenharia civil embarquei para os EUA para trabalhar, estudar e explorar o Vale do Silício por 1 ano, e foi quando surgiu a oportunidade de escrever aqui! Também amo ler, viajar e sou cantora nas horas vagas. Sempre em busca de evolução, conhecimento, novas conexões e habilidades.