Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia de Minas e Geotecnia: os cursos de pós-graduação procurados em Engenharia Civil

por Redação 360 | 29/03/2022 | Atualizado em 25/04/2022

Depois de, no mínimo, cinco anos de faculdade – com muita teoria e prática -, os estudantes de Ensino Superior podem se formar em Engenharia Civil e conseguir projetar, gerenciar e executar obras de construções. Mesmo assim, é comum que, depois disso, muitos desses profissionais formados busquem por uma especialização por meio de um curso de pós-graduação. Dentre as opções, algumas são focadas na área de Geociências. Saiba mais no texto a seguir!

pós-graduação
Imagem reproduzida de UNIFAP

As melhores opções de pós-graduação para Engenharia Civil

Inicialmente, podemos apresentar uma lista dos cursos de pós-graduação em Engenharia Civil que estão em alta.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na área de projetos

Existem, por exemplo, cursos de pós-graduação para engenheiros civis com o tema ‘Arquitetura Sustentável‘, ensinando como os projetos de Engenharia e Arquitetura podem contribuir para construções mais sustentáveis – sobretudo com baixo impacto ambiental, como ter desempenho energético otimizado. Certos cursos se dedicam a dar instruções sobre sistemas construtivos para edificações. E outros dão noções para estruturas em geral, especialmente ensinando problemas que podem ocorrer e quais as possíveis formas de recuperação quando é utilizado determinado material na obra, como é o caso do concreto para alvenarias, fundações e até contenções.

pós-graduação
Imagem reproduzida de UNIG

Na área de gestão e obras

Engenheiros civis podem, então, se especializar em vários modelos de estruturas. Existem pós-graduações que dão um bom conhecimento sobre elaboração, execução e inclusive avaliação de projetos na área de construção. Aliás, há uma leva nova de opções apresentadas pelas instituições de ensino que faz relação com as tendências e realidades do mercado atual – levando em conta novos perfis de clientes, potenciais de empreendimento, uso racional dos materiais, economia com logística, e além.

Há profissionais que vão querer trabalhar com gestão de empreendimentos imobiliários. Nesse caminho, podem conseguir alcançar altos cargos executivos nas empresas que exigem mais experiência na área de Engenharia Civil. Olhando por outro ângulo, seu empenho garante uma melhoria da qualidade da produtividade e dos resultados obtidos com execução de obras, contribuindo para uma maior competitividade de todo o setor, em geral.

pós-graduação
Imagem reproduzida de Unopar

Na área de pós-construção

Por último, existem cursos de especialização que dão instruções para quem deseja trabalhar em órgãos como, por exemplo, a Justiça Federal e Estadual, auxiliando em bancos de avaliações de imóveis para financiamentos. Ou ainda empresas que executam análises e perícias de construções. E, assim, o aluno depois da devida instrução está apto a fazer laudos técnicos, avaliando os bens de terceiros segundo a legislação e as normas da ABNT.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A tendência dos cursos de especialização EAD

Alguns sites em especial, como o Quero Bolsa – que costumam divulgar quais as melhores opções de cursos disponíveis na atualidade -, relatam que, de acordo com as buscas dos seus usuários, existe uma tendência em crescimento pela busca de instruções oferecidas na modalidade EAD. Na área de Engenharia Civil, um exemplo é o curso de pós-graduação em Engenharia de Minas – dentro da área de Geociências -, voltado ao crescimento da indústria mineral e com o comprometimento no desenvolvimento sustentável dentro dos princípios éticos, legais e morais. No decorrer do aprendizado, o estudante consegue desenvolver seu olhar crítico, respeitando e valorizando a sociedade e o meio ambiente.

pós-graduação
Imagem reproduzida de GoKursos

Veja Também: Confira o ranking das 7 melhores universidades do Brasil em 2022

O trabalho da Engenharia Civil aliado à Geotecnia

É óbvio que a Engenharia Civil exerce um papel importante e complexo dentro das sociedades! Mas, neste momento, precisamos voltar a conversa deste texto para a questão do cuidado com o solo e rochas, materiais considerados heterogêneos, com características físicas e mecânicas variáveis. Digamos que é fundamental entender o mínimo disso disso, pois tudo que construímos tem como base o solo. Qualquer erro ligado à esta questão pode afetar as estruturas e consequentemente todos os projetos civis!

A missão da Geotecnia é estudar o comportamento dos fenômenos geológicos e geotécnicos que podem ser esperados no desenvolvimento de uma obra. Por exemplo, o movimento das rochas em decorrência de ações antrópicas – sobretudo ações humanas, que podem levar a desabamentos, desmoronamentos, deslizamentos, contaminação de lençóis freáticos, problemas de lixo, ocupações irregulares e mais. Sem esta análise nenhum projeto de Engenharia Civil teria sucesso, certamente!

pós-graduação
Imagem reproduzida de APL Engenharia

Para que os projetos sejam elaborados com mais segurança, a Geotecnia ensina métodos científicos e princípios de Engenharia para aquisição, interpretação e uso do conhecimento dos materiais da crosta terrestre para soluções de inúmeros problemas. Por exemplo, estabilidade de taludes, aterros, barragens, diques, contenção, entre outros. E alguns dados podem ser verificados e ter a correta interpretação feita já em laboratórios certificados. Por exemplo, curva granulométrica, limites de liquidez e plasticidade de material, e determinação de coeficiente de permeabilidade à carga constante e variável.

pós-graduação
Imagem reproduzida de FRG Geotecnia

Fontes: Quero Bolsa, WPós, UNASP, GeoScan, Instituto Minere.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.