Engenharia 360

Como funciona a entrevista de emprego por competências?

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 29/12/2020 | Atualizado em 24/11/2021 4 min

Entrevista de emprego por competências é um modelo de sistema de avaliação de candidatos para preenchimento de vagas em grandes empresas e que agora também tem sido utilizado por departamentos de recursos humanos de algumas médias e pequenas empresas também.

Como funciona a entrevista de emprego por competências?

por Simone Tagliani | 29/12/2020 | Atualizado em 24/11/2021

Entrevista de emprego por competências é um modelo de sistema de avaliação de candidatos para preenchimento de vagas em grandes empresas e que agora também tem sido utilizado por departamentos de recursos humanos de algumas médias e pequenas empresas também.

Engenharia 360

2021 será o momento de retomada da economia mundial e esse pode também ser o ano que você dará uma guinada na sua vida, conseguindo realizar novas atividades empresariais. Acha que estará preparado para enfrentar uma nova entrevista de emprego? O que esperar dos novos processos de recrutamento? Será que é possível deixar algumas respostas pré-prontas a partir de agora? Claro que sim!

Neste texto, o Engenharia 360 faz uma análise sobre o que são as “entrevistas por competência” ou “competency-based interview”. Sabe do que se trata? De início, podemos dizer que é um modelo de entrevista de emprego que está sendo adotado por grandes empresas e que tem inspirado também os processos seletivos das menores. Inclusive ,os especialistas dizem que esta tendência pode aumentar nos próximos anos. Portanto, prepare-se!

mulher sentada ao centro de mesa de entrevista de emprego, de costas para a imagem e de frente para quatro recrutadores

O que é Entrevista por Competência?

Este tipo de entrevista de emprego baseia-se em conhecer os candidatos em níveis de senioridade. Neste caso, o entrevistador está completamente no comando da conversa, pedindo que o candidato lhe conte situações reais vivenciadas que possam demonstrar que ele realmente pode fazer certas coisas ou responder bem a certas questões. Durante esse processo, não há espaço para abordagens subjetivas, apenas um embasamento claro em dados concretos que ajudam na seleção profissional.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Continue Lendo

Por que investir no método de Competency-Based Interview?

Como você já deve imaginar, entrevistas mal conduzidas por departamentos de RH podem levar as empresas a contratações insatisfatórias, gerando despesas desnecessárias. Porém, as entrevistas por competências podem ajudar as organizações a evitar tudo isto através de critérios mais rigorosos de seleção de candidatos. No mais, esta também pode ser a solução perfeita para que os entrevistados, de cara, percebam se realmente querem se comprometer com o cargo ou função que lhe está sendo oferecido. No fim das contas, aceitar um emprego é o mesmo que assinar um contrato a longo prazo; portanto, erros cometidos nesta fase devem levar a sérias dores de cabeça.

três mulheres conversando em entrevista de emprego
Imagem: unsplash.com

Qual o objetivo das empresas em usar este método de entrevista?

Então, qual o real diferencial de uma entrevista de emprego comum e uma entrevista por competência? Pois bem, é que, neste caso, primeiro é avaliado o comportamento dos candidatos! Através de um passo-a-passo especial, criado com base nos critérios da empresa, o entrevistador faz um mapeamento das habilidades do entrevistado. Geralmente, o que mais acontece é o entrevistador pedir ao candidato que lhe conte exemplos de casos. O que ele deseja saber é o quanto o entrevistado tem de experiência desenvolvida, habilidades, conhecimentos em uma determinada área, fora as atitudes certas que leva para trabalhar numa função específica!

três homens e uma mulher em entrevista de emprego

Como funciona a Entrevista de Emprego por Competências?

Claro que participar de uma entrevista por competências não é nenhum bicho de sete cabeças. Porém, do entrevistador será exigida uma percepção mais apurada do comportamento do entrevistado. Mas preparar de antemão um modelo de perguntas deve lhe ajudar a simplificar o processo de avaliação de potenciais funcionários.

Todas as etapas devem transcorrer de modo transparente, com critérios bem claros, justos e conscientes. As perguntas devem ser direcionadas a uma habilidade ou competência específica de acordo com o que é relevante para a empresa. Isto deverá ser determinado em um briefing criado pelos gestores da própria vaga – onde será ainda colocada uma descrição do cargo a ser preenchido.

Durante a entrevista, serão realizadas diversas perguntas ao candidato visando explorar o seu comportamento em circunstâncias específicas. Por exemplo: “Já passou por uma situação assim? Como foi? O que você fez? Como reagiu, resolveu o problema ou solucionou o conflito? Em quanto tempo? O que te fez decidir por isto? Contou com a sua equipe? Qual o resultado de suas ações? E o seu cliente, como ficou? Faria tudo novamente do mesmo modo?”. Enfim, as reações dos candidatos serão analisadas!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

São exemplos de habilidades e competências admiradas em uma entrevista de emprego: boa comunicação, criatividade, inovação, educação, respeito, delegação, adaptação, flexibilidade, integridade, resiliência, liderança, e poder de influencia.

Veja Também: Entrevista de emprego: confira as razões para fazer perguntas ao recrutador

Você pode até treinar diferentes respostas para perguntas como estas antes de realizar a sua entrevista de emprego, pensando em evitar qualquer esquecimento. Porém, nada melhor do que ser verdadeiro durante a conversa! Não relate situações hipotéticas e genéricas. Seja sincero e foque o papo naquilo que melhor pode dizer sobre si mesmo e sua carreira profissional. Tenha calma e tudo dará certo!

Perguntas em entrevistas de emprego

Fontes: VAGAS, Guia da Carreira, Resultados Digitais, Self Treinamentos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já fez uma entrevista de emprego por competências? Comente sua experiência!

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais e Jornalismo Digital; estudante de Marketing; e proprietária da empresa Visual Ideias.

Comentários



Assine nossa newsletter
e receba
uma curadoria exclusiva de conteúdos:

Continue lendo