Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia de Produção: profissão em alta durante a crise

por Juliana Tancler | 07/03/2016
Copiado!

O mercado profissional de Engenharia de Produção não está sofrendo com a crise. Pelo contrário, a profissão está em alta. Segundo pesquisa realizada pela consultoria Robert Half, em 2015, publicada no portal da revista Exame, a demanda por engenheiros deve aumentar ligeiramente em 2016, com destaque para o Engenheiro de Produção, que pode atuar em 13 dos 21 cargos citados no estudo, com salários variando entre R$ 6,7 mil e R$ 50 mil. Quer saber o motivo? Então vamos lá.

engenharia-producao_blog-da-enganharia
Com a crise econômica, as empresas lutam para se manter competitivas no mercado, diminuindo seus custos e buscando inovações em seus produtos e processos. Diante desse cenário, o Engenheiro de Produção é uma peça fundamental, pois é responsável pela gestão dos processos produtivos, podendo atuar no controle e redução de custos, eliminando desperdícios como produção excessiva ou desnecessária e usar máquinas de layout ineficiente. Além de ser capacitado para realizar processos inovadores.

Esse profissional determina a melhor forma de conciliar a mão de obra com os equipamentos e a matéria-prima, para, dessa forma, aumentar a qualidade e a produtividade.

+ Mercado de Trabalho

engenharia-producao-planejamento_blog da engenharia
 

O perfil do Engenheiro de Produção é multidisciplinar, pois é treinado para lidar com os problemas de maneira global. Isso amplia as opções de trabalho e torna o mercado amplo e variado.

Este profissional entende do processo produtivo como um todo e, por esse motivo, é procurado não apenas por indústrias, mas também por empresas prestadoras de serviço, lojas de varejo, setor de turismo, finanças, telecomunicação e saúde.

+ Principais áreas de atuação  

As principais área de atuação do Engenheiro de Produção são em:
– Controle de qualidade
– Engenharia do trabalho
– Desenvolvimento organizacional
– Planejamento e controle
– Produção mecânica
– Produção de materiais
– Produção química
– Produção elétrica
– Produção civil

+ Médias salariais

salarios_blog-da-engenharia

Salário inicial (média mensal): R$ 2 mil
Salário intermediário (média mensal): R$ 5 mil
Salário no auge da carreira (média mensal): R$ 12 mil

Copiado!

Comentários