Engenharia 360

O Poder das Águas: a exploração da Energia Marinha como fonte de eletricidade limpa

Engenharia 360
por Beatriz Zanut Barros
| 29/10/2019 | Atualizado em 03/04/2023 3 min
Imagem de Freepik

O Poder das Águas: a exploração da Energia Marinha como fonte de eletricidade limpa

por Beatriz Zanut Barros | 29/10/2019 | Atualizado em 03/04/2023
Imagem de Freepik
Engenharia 360

Energia Marinha foi um assunto extremamente promissor há cerca de 10 anos atrás. Período em que se acreditava mais sobre este tipo de geração de energia. Porém, este método provou ser muito caro, e por isto não muito utilizado.

Veja Também: Cientistas descobrem fonte inesgotável de água potável no mundo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Existem dois tipos de energia através do oceano, são elas:

Energia Maremotriz

Energia Maremotriz é um tipo de energia marinha em que a turbina gera energia através da oscilação do nível das marés. O primeiro projeto deste tipo de implantação foi feito nos anos 60, na França. E hoje, a planta de geração com maior capacidade instalada se encontra na China, e é capaz de produzir até 254MW.

O Poder das Águas: a exploração da Energia Marinha como fonte de eletricidade limpa
Energia Marinha no Brasil (Fonte: USP)

Como nós sabemos qual é a variação da maré no local em que será instalado a planta de geração, podemos considerar isto uma vantagem. Uma vez que o projeto poderá ser dimensionado para aquele local, reduzindo os custos de instalação, e aumentando a capacidade de instalação.

Quando comparamos com outras Energias Renováveis, poder prever a geração de energia de uma planta é extremamente motivador! Afinal, não conseguimos prever exatamente os dias em que a energia eólica não conseguirá suprir a demanda, assim como não conseguimos fazer esta dimensão para energia solar.

Energia Marinha
Funcionamento da Energia Maremotriz (Fonte: NatGeo)

Já um fator contra a instalação deste tipo de energia é o fato de que energia através das marés podem trazer impactos ambientais negativos assim como as hidrelétricas. Também outro fator que justifica este tipo de Energia Marinha não ser muito utilizada é o fator preço. As construções possuem um valor alto de investimento e de manutenção, tornando o investimento inviável para as empresas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Energia Ondomotriz

Energia Ondomotriz é a energia gerada através da força das ondas. Este tipo de Energia Marinha ainda é pouco utilizado devido ao alto custo, e aos impactos ambientais que podem gerar. Também semelhantes à uma hidrelétrica.

Assim como a Energia Maremotriz, a Energia Ondomotriz é muito previsível, e é uma das maiores vantagens, quando comparamos com outras fontes renováveis de energia. Afinal, poderemos ter uma noção melhor ao fazer uma análise por demanda de energia.

Energia Marinha
Funcionamento da energia ondomotriz (Fonte: Clean Energy Ideas)

Porém, a energia ondomotriz é extremamente dependente dos golpes de onda, da velocidade das ondas, e da densidade. Todos estes fatores requerem um fluxo constante para gerar uma quantidade significante de energia. Alguns pesquisadores avaliam algumas áreas e o comportamento das ondas. De acordo com estes estudos, e isto pode se tornar imprevisível para algumas regiões; Este fator não influencia no funcionamento do sistema, uma vez que é um estudo realizado antes de instalar a usina. Por este motivo, algumas áreas com potencial acabam sendo descartadas para este tipo de geração.

Veja Também: Brasil inaugura a primeira usina solar flutuante

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO


Fontes: UOL.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Beatriz Zanut Barros

Engenheira de Energia; formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie; com Mestrado em Energia Renovável pela Universitat Politècnica de Catalunya, em Barcelona; profissional no setor de armazenamento de energia com vasta experiência em expansão de sistemas de transmissão e análise de mercado de energia em países latino-americanos.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo