Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Conheça ReGen Village, um projeto de comunidade auto-suficiente

por Jennifer Evaristo | 21/09/2016
Copiado!

Já pensou morar em um bairro onde sua casa tem um jardim, sua sala é ao lado de uma horta e o lixo gerado é reutilizável? E, passeando pela vizinhança encontrar tudo o que você come sendo cultivado em fazendas verticais orgânicas de alta tecnologia?
Essa ideia existe e se chama ReGen Village, um novo tipo de comunidade projetada para ser completamente auto-suficiente, crescendo e gerando a própria comida e energia.
regenvillage-blog-da-engenharia
O projeto apresentado na Bienal de Veneza pretende utilizar métodos mais avançados para o cultivo de alimentos – a ideia é que o bairro orgânico produza mais alimentos do que uma fazenda tradicional, só que com menos recursos, e para isso será utilizado um sistema de aquaponia, capaz de produzir 10 vezes mais produtos de terra com 90% menos de água.
“Prevemos produzir toneladas de alimentos orgânicos a cada ano, que podem continuar sendo continuamente produzidos em um sistema de jardinagem vertical”, diz o CEO do projeto, James Ehrlich.
O plano da nova comunidade é utilizar o poder da tecnologia moderna para reter as necessidades de uma maneira auto-suficiente. Para isso não só os alimentos serão produzidos de maneira própria, mas também a energia, utilizando uma mistura de energia geotérmica, solar, solar térmica, eólica e biomassa.
regen-blog-da-engenharia
Já para o lixo doméstico não compostável uma unidade de biogás irá transformá-lo em energia. Além disso, um sistema de armazenamento de água irá coletar água da chuva e de águas residuais e redistribuí-las aos jardins sazonais.
“Nós estamos olhando para algumas tecnologias muito interessantes para a biomassa de pequenas dimensões que podem consumir resíduos agrícolas e transformar isso em uma fonte de energia consistente de uma forma que possa alimentar comunidades no norte da Europa, mesmo no auge do inverno”, explica.
O primeiro bairro a receber essa estrutura será na periferia de Almere, em Amsterdam, Holanda. Dando certo, o projeto deve se estender para Suécia, Noruega, Dinamarca e Alemanha. “Inicialmente o foco é Norte da Europa. Em seguida, a empresa quer adaptar o sistema para climas áridos, como o Oriente Médio”, comenta Ehrlich.

O Problema

Estima-se que, em 2050, cerca de 10 bilhões de pessoas viverão na Terra, o que traz a necessidade urgente de habitação regenerativa e desenvolvimento comunitário. Água, fontes de alimentos saudáveis e escassa terra arável já estão na vanguarda de pressionar questões globais que devem ser abordadas.
village-blog-da-engenharia

A Oportunidade

Esse cenário gera uma enorme demanda por projetos de bairro integrados que incorporem um alto rendimento de produção de alimentos orgânicos e alimentem diversas necessidades nutricionais.

A Solução

Bairros off-grid com casas geradoras de energia renovável, gestão da água, alimentos e sistemas de resíduos – para prosperar famílias e gerar menores encargos sobre os governos locais e nacionais.
sustentavel-blog-da-engenharia
A proposta é interessante, mas será que veremos isso tudo se tornando realidade? Fica a reflexão.
Fonte: ReGen Village

Copiado!

Comentários