Engenharia 360

Conheça Emmy Noether – umas das matemáticas mais brilhantes do século XX

Engenharia 360
por Rafael Panteri
| 02/08/2022 2 min

Conheça Emmy Noether – umas das matemáticas mais brilhantes do século XX

por Rafael Panteri | 02/08/2022
Engenharia 360

Amalie Emmy Noether foi uma das matemáticas mais brilhantes da história. Seus estudos contribuíram para diversas áreas da ciência – um exemplo disso é a busca pelo Bóson de Higgs, possibilitado pelo Teorema de Noether.

Noether não recebeu, em vida, o reconhecimento que merecia. Foi há pouco tempo que seu nome realmente passou a ser lembrado na História da Ciências. Seus teoremas são comparados à Teoria da Relatividade Geral de Einstein e ao Teorema de Pitágoras pela importância científica.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Continue Lendo
Emmy Noether
Representação do Bóson de Higgs. Disponível em Revista Galileu

Conheça a história dessa matemática e suas principais contribuições:

O primeiro contato com a Matemática

Noether nasceu em 1882 na cidade de Erlangen, Alemanha. De família judia, seu interesse pelos estudos começou cedo. Em 1900, foi aprovada para dar aulas de inglês e francês. Estudou Matemática na Universidade de Erlangen, onde seu pai, Max Noether, lecionava.

Emmy Noether
Im Kollegienhaus der FAU finden vor allem Vorlesungen und Seminare der Philosophischen Fakultät statt. (Bild: FAU/Erich Malter)

Durante sua formação, e nos anos que se seguiram, a presença de mulheres nas universidades não era bem aceita. Assim, após se formar, Amalie trabalhou por sete anos sem receber salário, muitas vezes substituindo seu pai nas salas de aula.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mesmo com toda essa dificuldade, Noether se dedicou a publicar uma série de artigos utilizando os métodos matemáticos de David Hilbert. Nessa mesma época, sua contribuição na álgebra abstrata trouxe um certo destaque para Emmy.

mulheres na ciência
Foto de Emmy Noether

O Teorema de Noether

Os estudos de Emmy Noether começaram a ganhar destaque no meio acadêmico e, em 1915, Hilbert a convida para um grupo de estudos na Universidade de Göttingen, na Alemanha. Anos depois, a Matemática desenvolve o Teorema de Noether, estudos que permitem aproximar a matemática da Física, garantindo incontáveis avanços das duas áreas.

Sua trajetória em Göttingen se encerra em 1933, quando o avanço do nazismo força sua família a se mudar para os Estados Unidos. Lá, a Matemática começa a lecionar no Bryn Mawr College, uma faculdade para mulheres na Pensilvânia. Amalie Emmy Noether morreu em 1935. Contudo, suas contribuições vivem nas ciências até hoje!

Veja Também: Mulheres que mudaram a engenharia e a ciência: Emmy Noether


Fontes: MegaCurioso, Engenharia360

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários

Engenharia 360

Rafael Panteri

Estudante de Engenharia Elétrica no Instituto Mauá de Tecnologia. Parte da graduação em Shibaura Institute of Technology - Japão.

Assine nossa newsletter
e receba
uma curadoria exclusiva de conteúdos:

Continue lendo