Engenharia 360

Faça a sua parte! Veja como economizar água dentro de casa

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 21/09/2021 | Atualizado em 16/01/2023 4 min

Água é vida; sem ela, nós não podemos garantir a sobrevivência das espécies na Terra. Veja como fazer a sua parte para poupar esse recurso dentro de casa!

Faça a sua parte! Veja como economizar água dentro de casa

por Simone Tagliani | 21/09/2021 | Atualizado em 16/01/2023

Água é vida; sem ela, nós não podemos garantir a sobrevivência das espécies na Terra. Veja como fazer a sua parte para poupar esse recurso dentro de casa!

Engenharia 360

O Brasil sofre, agora, com vários apagões de luz. Parte desse problema é a severa crise hídrica que estamos passando, a maior em 91 anos. Isso quer dizer que precisamos poupar água! Lembrando que água é vida – para as plantas, animais e para nós! Sem água, a produção de energia cai demais no país; e mais, a produção de alimentos fica impactada. Certamente, as consequências uma hora chegam ao nosso bolso. O que fazer? Cooperar! É poupando dentro de casa que o movimento positivo começa! O que acha? Leia o texto a seguir para saber mais!

economia de água
Imagem reproduzida de BRZ Empreendimentos

1.Reduza o consumo de água, começando pelas torneiras

A primeira medida para a redução do consumo de água dentro de casa poderia ser o controle de vazão das torneiras. Isso pode ser feito através de um redutor, um dispositivo que gera compensação de pressões de água em saídas de torneiras e chuveiros; ele impede a passagem de um fluxo maior do que o pré-estabelecido. Também existe o arejador, que mistura ar junto da água para diminuir o fluxo sem deixar de lado o volume. Isso significa economia!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Claro, nem precisamos dizer que a melhor estratégia mesmo não vem da engenharia, mas de dentro de cada um de nós: consciência! Tentando deixar as torneiras o mais tempo fechadas durante as tarefas, banhos menos demorados… esse esforço constante é que faz, realmente, a diferença. Só, atenção: não use força excessiva ao fechar registros para não danificar os seus mecanismos. E ao notar qualquer gotejamento é preciso, logo que possível, solicitar manutenção evitando assim, despesas excessivas e desnecessárias.

economia de água
Imagem reproduzida de Tapajos Engenharia

3.Dê muita atenção ao vaso sanitário

Vazamentos de água é um problema grave; e um dos locais onde há mais vazamentos dentro de casa – também onde é mais difícil de identificar – é no local das conexões para o vaso sanitário. Quase um terço da água da casa vai praticamente descarregar! Qualquer coisa errada acaba ficando bem evidente quando o consumo na conta parece descomunal.

Em termos de engenharia hidráulica, é preciso garantir que o vaso sanitário fique a 90º em relação ao pino acionador. Caso sua tampa fique muito inclinada, pode ficar danificada e gerar vazamentos e aumento no consumo. Outro ponto importante é o registro interno da válvula que, em boa regulagem, reduz o consumo em até 50%.

Atenção: na hora de escolher um modelo de vaso sanitário para casa, priorize o melhor! Preferencialmente, se puder, adquirir uma peça com duplo acionamento, cujo mecanismo é fracionado e divide a quantidade de litros de água que serão utilizados, gastando apenas o necessário.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

economia de água
Imagem reproduzida de Astra

4.Lave as coisas em grande quantidade e na ordem certa

Lavar objetos em máquina de lavar é uma boa ideia e, diferente do que parece, isso economiza mais do que gasta água; porém, gasta energia – e, como sabemos, gastar energia é gasto de água, no fim das contas. Por isso mesmo, quanto mais itens acumulamos para lavar de uma vez, explorando o máximo de potencial da máquina, melhor.

Além disso, seguir uma ordem de limpeza também poderia ajudar a economizar água. Por exemplo, se forem louças, primeiro os objetos menores, como pratos e talheres, e também mais limpos. Os mais engordurados para o final. Se a lavagem acontece dentro da pia, pode-se deixar as peças mais sujas no fundo, enquanto as de cima são lavadas, deixando a sua água ensaboada cair por cima. Outra medida é deixar as engorduradas de molho em água morna para que a gordura amoleça. Isso impede que a tarefa tenha que ser repetida, aumentando o consumo de água!

economia de água
Imagem reproduzida de Washing Dishes

Confira: Banheiro moderno – 10 dicas de como projetar! Confira!

5.Tente fazer o reuso da água, se possível

Outros afazeres domésticos também envolvem consumo de água. Só que esse líquido, nestes casos, não precisa ser portável – só não sujo, claro. Um exemplo é a lavagem de carros e pisos. Para isso, pode-se utilizar a água coletada da máquina de lavar roupas. Inclusive, com restos de amaciante e sabão, pode ajudar a colocar a casa de “molho”, preservando, assim, os recursos naturais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já a irrigação do jardim não pode ser feita com essa água com resíduos químicos. Contudo, ela pode ser feita com água coletada em calhas e armazenada em barris – as chamadas cisternas domésticas. Depois, é melhor fazer essa irrigação à noite para evitar o efeito da evaporação e fazer a água durar mais tempo nas plantas. Se conhece seu jardim vai poder julgar se esses cuidados são corretos – aliás, suculentas e cactos precisam de menos rega. Dica final: usar regadores ao invés de mangueiras é ideal, pois, nesse caso, gasta-se menos água.

economia de água
Imagem reproduzida de Condomínios Verdes

Veja Também: A conta está alta? Saiba como economizar energia elétrica dentro de casa!


Fontes: Revista Casa e Jardim.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais, Jornalismo Digital e Marketing Digital; estudante de Gestão de Projetos; e proprietária da empresa Visual Ideias.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo