Engenharia 360

China construirá o prédio mais alto do mundo

Engenharia 360
por Larissa Fereguetti
| 28/05/2013 | Atualizado em 15/07/2022 2 min

China construirá o prédio mais alto do mundo

por Larissa Fereguetti | 28/05/2013 | Atualizado em 15/07/2022
Engenharia 360
Qual é o limite para a engenharia quando se trata de prédios? Pelo visto, esse limite ainda não existe. Um exemplo disso é a empresa chinesa Broad Sustainable Construction (BSB), que anunciou o início da construção do maior edifício do mundo, cujo nome será Sky City.
prédio arranha-céus

O Sky City será construído em um campo aberto na cidade de Changsha, na China, e terá aproximadamente 838 metros de altura, ou seja, 10 metros a mais que o atual arranha-céu mais alto do mundo, o Burj Khalifa, de Dubai.

O projeto prevê abrigar 30 mil pessoas, contando com 202 andares que incluem escritórios, um hotel, uma escola, um hospital, 92 elevadores, rampas e 17 heliportos. Tal construção seria um exemplo de solução para o problema de urbanização na China.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

sky-city

Resta saber se o edifício será realmente construído. A BSB já construiu um prédio de 15 andares em um mês e queria construir o Sky City em 90 dias. Porém, as autoridades locais vão atrasar o projeto devido aos problemas relacionados à segurança e ao impacto ambiental. Agora a empresa afirma que a construção levará sete meses.

A grandiosidade do projeto e o tempo previsto inicialmente pela empresa mostram que a engenharia está, cada vez mais, desafiando os limites impostos por ela mesma. E você, acha que a engenharia atingirá seu limite algum dia?

Veja Também: Confira os números impressionantes do edifício mais largo do mundo


Fonte: Quartz.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Engenharia 360

Larissa Fereguetti

Engenheira, com mestrado e doutorado. Fascinada por tecnologia, curiosidades sem sentido e cultura (in)útil. Viciada em livros, filmes, séries e chocolate. Acredita que o conhecimento é precioso e que o bom humor é uma ferramenta indispensável para a sobrevivência.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo