Engenharia 360

O que é e como calcular a bitola de fiação elétrica?

Engenharia 360
por Redação 360
| 26/01/2024 4 min
Imagem de fabrikasimf em Freepik

O que é e como calcular a bitola de fiação elétrica?

por Redação 360 | 26/01/2024
Imagem de fabrikasimf em Freepik
Engenharia 360

Você certamente já esteve em uma loja de materiais de construção. Então, pode ter olhado para todos aqueles fios e cabos e pensado por que eles têm espessuras, seções transversais ou grossuras diferentes. Isso é o que chamamos de bitola de fiação elétrica, uma característica importante para garantir a eficiência e segurança de instalações elétricas. Sua escolha deve ser baseada de acordo com a corrente elétrica ou o tipo de uso para qual o material será destinado.

bitola de fiação elétrica
Imagem reproduzida de Blog Loja Stander

Existem diferentes espessuras, grossuras ou bitolas de fiação para atender a diversas demandas elétricas. Continue lendo este texto do Engenharia 360 para saber mais!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que é um condutor elétrico?

O condutor elétrico é um material geralmente feito de cobre ou alumínio, muito utilizado pela engenharia elétrica. Sua função é permitir, dentro de um sistema elétrico, a passagem de corrente. Aliás, isso só é possível graças à sua baixa resistência elétrica.

Estruturalmente falando, os condutores funcionam da seguinte forma: os elétrons livres têm uma ligação fraca com o núcleo atômico, permitindo assim, que eles se espalhem e se movam desordenadamente. Quando uma diferença de potencial (tensão elétrica) é aplicada, o movimento dos elétrons é impulsionado e ordenado, gerando uma corrente elétrica que se move ao longo do condutor.

Quanto maior a bitola, maior será a área do condutor, o que significa que o fio ou cabo poderá suportar uma corrente elétrica maior sem superaquecer. E essa bitola será expressa nos cálculos de engenharia em milímetros quadrados (mm²).

Veja Também:

Como Trocar uma Tomada Elétrica de Casa com Segurança?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Qual a diferença entre fios e cabos elétricos?

Se você for agora em uma loja de materiais de construção, ouvirá dos vendedores que existem diferentes tipos de fios e cabos elétricos, incluindo os sólidos, flexíveis e rígidos. A explicação mais simples é que, na verdade, os cabos são conjuntos de fios isolados, reunidos por uma capa de material isolante. Já os fios elétricos são formados cada por um único condutor isolado.

Ambos os materiais, fios e cabos elétricos, podem ter diferentes tensões máximas permitidas, revestimentos e bitolas, de modo a garantir maior eficiência e segurança do sistema em uso.

Dentre os fios mais utilizados em uma obra de engenharia estão os fios para tomada, com características específicas para a aplicação elétrica. Vale destacar que escolher o modelo certo é crucial para o projeto. Nesse caso, deve-se considerar a potência dos equipamentos que serão ligados nas tomadas. Inclusive, essa potência pode ser conferida nas embalagens dos próprios equipamentos ou nos manuais dos fabricantes. Então, é só escolher a bitola certa para suportar a corrente que passará pelo circuito. Certo?

bitola de fiação elétrica
Imagem de pvproductions em Freepik

Veja Também: O que são e como funcionam os diferentes tipos de transformadores?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quais as cores utilizadas para fiação elétrica?

No Brasil, a fiação elétrica segue um padrão de cores. O objetivo é fazer com que as pessoas identifiquem mais facilmente suas funções na instalação e realizem uma correta conexão. De acordo com a norma, são exemplos de cores para respectivas funções:

  • Fase: vermelho, preto ou marrom.
  • Neutro: azul-claro.
  • Terra: verde ou verde e amarelo.

Além dessas cores, também é possível utilizar as cores:

  • Branco: para condutores neutros ou fase, em casos especiais
  • Vermelho e preto: para condutores de fase, em casos especiais
  • Laranja: para condutores de fase, em casos especiais
  • Amarelo: para condutores de fase, em casos especiais
bitola de fiação elétrica
Imagem reproduzida de Blog Loja Stander

Qual a espessura indicada para fio de tomada residencial?

Como dissemos no tópico anterior, a espessura dos fios para tomadas é determinada pela potência dos equipamentos que nelas serão conectados. Considera-se sempre, portanto, corrente elétrica e tipo de uso!

A tabela a seguir mostra exemplos de bitolas recomendadas para diferentes cargas elétricas:

Carga elétrica Bitola
Iluminação 1,5 mm²
Tomadas de uso geral 2,5 mm²
Chuveiro elétrico 4 mm²
Ar-condicionado 6 mm²
Fogão elétrico 10 mm²
Forno elétrico 16 mm²
bitola de fiação elétrica
Imagem reproduzida de Pinterest

Observação: No Brasil, é a NBR-5410 que estipula critérios para o dimensionamento de condutor elétrico, como seções mínimas dos condutores para cada circuito da instalação.

Como calcular a bitola de fiação elétrica passo a passo?

Antes de tudo, saiba que para calcular a bitola de um fio é preciso considerar a distância do Quadro Elétrico ou QDC até onde será ligada a carga, como a tomada. Além disso, considerar a temperatura e a corrente que passará pelo condutor.

A fórmula para um cálculo simplificado para encontrar a bitola certa de fiação elétrica é a seguinte:

Onde:

  • I é a corrente elétrica em ampères (A)
  • P é a potência em watts (W)
  • U é a tensão em volts (V)

Por exemplo, um chuveiro elétrico de 7500 watts, ligado em uma rede elétrica de 220 volts, terá uma corrente de:

  • I = 7500 W / 220 V
  • I = 34,38 A
  • Assim, para um chuveiro elétrico de 7500 watts, é preciso usar um fio ou cabo com bitola de pelo menos 6 mm².

Veja Também:


Fontes: Mundo Elétrica, Leroy Merlin, Blog ObraMax.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo