Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Celulares: quais as novas tecnologias e o que pode mudar nos próximos anos?

por Redação 360 | 26/11/2021

Os celulares são nossos bons aliados nas tarefas diárias. Então, vamos entender qual a transformação que a tecnologia desses aparelhos passa neste momento!

Os celulares, desde que chegaram às nossas vidas, nos conquistaram. Hoje, nós dependemos demais deles e isso só deve aumentar nos próximos anos e décadas. Países como a China já estão “anos-luz” à frente do Brasil, onde as pessoas usam esses aparelhos o tempo todo, para fazer a gestão de suas atividades diárias, pagar contas, transporte público e mais, praticamente zerando a necessidade do uso de cartões de identidade, cartões de banco e dinheiro em cédulas de papel ou moeda. E, além disso, os celulares agora nos ligam ao mundo, com conexão à internet, câmeras poderosas e mais. Então, o que devemos aguardar para os próximos anos? Veja no texto a seguir!

Os lançamentos de celulares de 2021

Nokia

Vamos começar falando da marca Nokia, que relançou o seu clássico telefone 6310, em comemoração ao vigésimo aniversário da invenção – que foi lançado em 2001. O modelo havia sido atualizado em 2002, como 6310i; porém, foi extinto em 2005. Mas agora a fabricante apresenta uma versão com uma estrutura mais resistente, com câmera traseira, rádio FM e MP3 player.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

tecnologia
Imagem reproduzida de Gamenatics

Apple

Claro que esta novidade anima, mas talvez não tanto quanto à chegada do iPhone 13, da Apple. Aparentemente, o aparelho parece como as versões anteriores. Contudo, agora, ele será vendido no tipo convencional, mini, pro e pro max. Para começar, o aparelho tem uma tela muito sofisticada, transmitindo imagens mais fluidas. Sua taxa de adaptação é alta, de 10 Hz a 120 Hz. E seu gasto de bateria é reduzido. Já o tamanho do painel não mudou: 6,1 polegadas para o modelo pro e 6,4 polegadas no pro max.

A Apple estaria desenvolvendo uma cobertura de vidro ainda mais fina e resistente para equipar as telas de iPhones e iPads no futuro – inclusive, a Samsung e a LG estariam se movendo com a produção. A patente registrada também indica que esse suporte lateral pode ser feito de um vidro diferente do painel principal, para dar melhor sustentação e durabilidade. E o iPhone 13 deve juntar Face ID e Touch ID na própria tela. O telefone contaria com módulos de câmeras maiores na parte traseira, supostamente para acomodar novos sensores ultrawide com melhor desempenho. Já na frente, o iPhone de nova geração traria a primeira mudança no notch desde o iPhone X, lançado em 2017.

tecnologia
Imagem reproduzida de Tecnoblog

As tecnologias inusitadas por vir

Aparelho oval

A Kickstarter está lançando o seu mais novo celular esquisitão, em formato oval ou de elipse, o Cyrcle Phone 2.0. De fato, é um aparelho bem incomum! Na verdade, é a segunda geração de outro aparelho apresentado pela empresa em 2020. A diferença agora é a presença do Android 10 no lugar do Android 9; a memória RAM, que saltou de 2 GB para 3 GB; e o armazenamento, que subiu de 16 GB para 32 GB.

tecnologia
Imagem reproduzida de GizChina.it

Tela dobrável

Já começamos a ver no mercado neste ano a proposta de celulares com tela dobrável. Mas iPhone dobrável mesmo só para 2023. Esta revolução é impulsionada pela chegada da internet 5G para vários países, incluindo o Brasil. E especialistas de mercado afirmam que o próximo grande ciclo de renovação deve ocorrer mesmo em 2023, o que levará um grande número de consumidores a trocar de aparelho – por isso a estratégia da Apple.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

tecnologia
Imagem reproduzida de MacMagazine

Tela maleável

A marca Royole apresentou, recentemente, um aparelho cuja tela pode ser esticada sem quebrar. O display maleável possui painel microLED e pode ser útil para a aplicação em wearables e outras categorias de dispositivos. O painel revelado para demonstração mede 2,7 polegadas e tem resolução de 96 x 60 pixels. Ele permite expansão de até 130% do seu tamanho original e torção de 40° e tira proveito das características gerais da tecnologia micro LED para oferecer nível alto de transparência. Mas, por hora, não se sabe quando isso chegará ao mercado. Só um protótipo foi produzido ainda, com 2,7 polegadas e 96 x 60 pixels de resolução de 96 x 60 pixels.

tecnologia
Imagem reproduzida de Tecnoblog

Menor aparelho

O menor celular entre os celulares é… o Zanco Tiny T1, com apenas 13 gramas, tela de menos de uma polegada. Um vídeo mostrando este aparelho viralisou meses atrás nas redes sociais. Só que o produto já existe desde 2017. Então, por que vale citá-lo neste post? Bem, é a perspectiva de até onde o avanço das tecnologias pode nos lavar. O T1, por exemplo, tem um painel de 0,49 polegada, que permite enviar SMS e acessar discador para chamadas, agenda e configurações, entre outras funções básicas – só não há câmera, ainda. Não é demais?

tecnologia
Imagem reproduzida de Terra

E se pudéssemos juntar todas essas ideias em um único aparelho um dia? Celulares pequenos e até extensíveis, com telas mais resistentes e finas, dobráveis, maleáveis e mais! Use a sua imaginação e escreva na aba de comentários como acredita que serão os celulares do futuro!

Veja Também: O que é telefonia VoIP e como ela funciona? | 360 Explica


Fontes: R7, G1, TechTudo, TechTudo 2, Tudo Celular, TechTudo 3, Exame, TechTudo 4, Tecnoblog, Yahoo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.