Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

3 diferenças entre um mestrado na Espanha e um mestrado no Brasil

por Beatriz Zanut Barros | 21/10/2019
Copiado!

Já voltei as aulas por aqui, e o que mais me chamou a atenção foi sobre as diferenças entre um curso de mestrado no Brasil e um na Espanha. Veja quais são 3 delas:

Diversidade Cultural

Por estar em outro país, eu já sabia sobre a existência da diversidade cultural. Porém, não poderia imaginar que o curso de mestrado me permitiria conhecer mais sobre tantas culturas.

O meu curso é totalmente ensinado em inglês, e isto facilita pessoas de todo o mundo a se interessarem pelo mestrado focando no ensino.

Assim como o meu caso, que vim para a Espanha por não existir um mestrado em Energia Renovável no Brasil. Na minha sala tem pessoas de países como Índia, Venezuela, Alemanha e Turquia.

Agora sabe qual foi a minha maior surpresa? Ter na minha sala pessoas de países como China, Japão, EUA e Canadá. Eu tinha um pensamento nada aberto sobre países desenvolvidos; em que as pessoas não precisariam procurar por ensino em outro país.

Eu fiquei extremamente feliz por esta mistura, afinal vou ter a possibilidade de conhecer sobre novas culturas através de diferentes pessoas.

Preparação profissional

Eu tenho a impressão de que um curso de mestrado no Brasil é extremamente voltado para a carreira acadêmica. Isto acaba afastando as pessoas em continuar se especializando na sua própria área.

Na Espanha e em alguns países da União Europeia como a Alemanha não existe o período de dois anos para estágio, como temos no Brasil. Por isto, os cursos de mestrado são voltados para especializar o aluno e fazer uma introdução dele ao mercado de trabalho.

Para isto, teremos o primeiro semestre de ensino integral. Porque segundo a coordenadora do curso somos somente engenheiros, sem especialização em nada. E durante o primeiro semestre terão sessões com um orientador de carreira para nos ajudar neste momento tão decisivo.

Logo após este período de especialização intensiva, será liberado para o aluno fazer estágio e se envolver com projetos extracurriculares.

Teste drive das matérias

Esta foi a parte que eu achei a melhor de todas. No mestrado temos diversas matérias opcionais. E durante a primeira semana de aula podemos assistir aulas em todas que nos interessam.

Somente depois de assistir as aulas, ver qual curso vai se encaixar as nossas expectativas profissionais que fazemos matrícula e definimos a grade daquele semestre.

Confesso estar gostando tanto, e sobre tudo no meu curso! Que eu estou indecisa desde já com relação a quais matérias estudar!

Leia também:

Como optei por um curso de mestrado na Espanha

Curso de especialização da Europa pode ser mais barato que MBA no Brasil

Copiado!
Engenharia 360

Beatriz Zanut Barros

Engenheira de Energia formada em 2018 pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Mestranda em Energia Renovável pela Universitat Politècnica de Catalunya em Barcelona. Acredito que o conhecimento é tudo que possuímos, e sou apaixonada pelas novas tecnologias que além de melhorar a qualidade de vida da população, não prejudicam o meio ambiente.

Comentários