Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Conheça 10 tecnologias bizarras já usadas pela Rússia em guerras

por Redação 360 | 11/05/2022 | Atualizado em 20/05/2022

Os primeiros meses de 2022 foram sombrios. Conhecemos outra vez um novo mundo; um mundo com ameaças de Terceira Guerra, em grande parte por consequência da invasão da Rússia no território da Ucrânia. Mas precisamos lembrar que esse não é o único episódio triste envolvendo o posso russo e ucraniano. Entre 1922 e 1991, essas nações e mais treze pertencentes à União das Repúblicas Socialistas Soviéticas participaram dos conflitos da Segunda Guerra Mundial (1932 – 1945) e Guerra Fria (1947 – 1991).

Em todas essas fases, a produção de armamentos se intensificou; e alguns sistemas desenvolvidos – hoje ou antes – parecem até saídos de filmes. Nestes anos todos, a antiga USS e agora a Rússia conseguiu emplacar vários projetos bem bizarros – muitos até bastante efetivos nos conflitos. Reproduzimos aqui, resumidamente, a lista montada pelo site TecMundo. Confira!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Exemplos de armas já usadas pela Rússia [enquanto integrante da USS]

1. Beijo da morte

Batom que escondia arma de fogo com um único projétil de 4,5 mm, próprio para ser levado pelas espiãs russas.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Weekend – Perfil

2. Recuo violento

Canhão 2B1 Oka, capaz de atirar projéteis de 420 milímetros e 750 quilos a uma distância de até 45 quilômetros, e que parou de ser utilizado, pois o recuo violento de apenas um disparo costumava quebrar o chassi do veículo.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Military Review
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Military Review

Veja Também: Será que guerras podem deixar algum legado positivo?

3. Morte em alta velocidade

Aeronave Sukhoi T-4, de estrutura de titânio e aço inoxidável, sistema de navegação inovador, e que chegava à velocidade superior à Mach-3.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de AVIÕES MILITARES
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de AVIÕES MILITARES

4. Dominador do espaço aéreo

A aeronave MiG-105, parte do projeto Spiral, era capaz de fazer voos em altitudes quase que inimagináveis.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Cavok
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Lux’s homepage

5. Grande Tufão

Conhecido como Typhoon ou Tufão, foi o maior submarino já construído na história, com 175 metros de comprimento e capaz de disparar até 192 mísseis, além de seis torpedos.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Revista Força Aérea

6. Sucesso absoluto

O avião VVA-14 foi a tecnologia mais avançada de arma antissubmarina da época da Guerra Fria, também funcionando como veículo anfíbio, fazendo decolagens verticais diretamente da água.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de AutoEvolution
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de CNN

Veja Também: Guerra na Ucrânia: Engenharia do Antonov-225 Mriya é destruída pelo ataque russo

7. Tanque pesadão

A T-35 era uma “estação de guerra móvel”, equipada com canhão e quatro outras estações de disparo, canhões menores e metralhadoras.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de DefesaNet

8. Ouriço aniquilador

A aeronave de design modificado, Tu-2Sh Fire Hedgehog, apresentava compartimento de bombas com um arsenal de 88 metralhadoras capazes de expelir 72,9 mil projéteis por minuto e que, olhando de fora, parecia mais um ouriço.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de airpages.ru
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de airpages.ru

Veja Também: Este exercício sobre guerras e aviões traz uma lição importante sobre matemática

9. Guarda-chuva búlgaro

Uma das armas mais letais da USS, grande preferida dos integrantes da KGB, parecia mesmo um guarda-chuva convencional, mas com uma ponta que disparava uma minúscula bala contendo veneno ricina.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Mega Curioso

10. Trenós nada convencionais

Os Aeronavis, com características de tanques e equipados com motores de avião – como o RF-8 e o NKL-26 -, eram utilizados para serem usados em terrenos nevados, para onde o inimigo poderia ser atraído e derrotado com mais facilidade.

engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de Forgotten Hope Secret Weapon – Fandom
engenharia de guerra rússia
Imagem reproduzida de TurboSquid

Qual a relevância de compartilhar todas essas informações? É entender como o conhecimento científico pode ser trabalhado para o bem ou para o mal, o que vai depender das nossas decisões. E que, apesar desses itens da nossa lista serem armas ou outros equipamentos bélicos, podemos admirar a criatividade do seu design e engenharia.

Então, qual desses projetos achou mais bizarro? Escreva sua opinião na aba de comentários!


Fontes: TecnoMundo.

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.