Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Turbina eólica portátil gera energia em lugares remotos

por Redação 360 | 21/04/2021

A startup dinamarquesa KiteX traz uma turbina eólica portátil que pesa 10 quilos e leva mais ou menos 15 minutos para ser montada.

É verdade que as soluções para fontes de energia sustentáveis estão se tornando mais comuns a cada ano. É nessa esteira que chega a nova startup dinamarquesa KiteX traz uma turbina eólica portátil que pesa 10 quilos e leva mais ou menos 15 minutos para ser montada.

Sua estrutura é de hastes dobráveis de fibra de vidro. Ao mesmo tempo que podem ser carregadas no carro, desmontadas, as peças também formam um suporte ancorado ao chão, por meio de correias de tensão. Sendo assim, é possível suspender a turbina.

turbina aeólica
Imagem extraída de kitex.tech
turbina aeólica
Imagem extraída de TechStory

Batizada de Wind Catcher, a estrutura e a turbina são projetadas para gerar pouco ruído. Contudo, não são tão silenciosas quanto painéis solares. O fato é que esses dois meios podem funcionar bem juntos.

A turbina na versão 200W, por exemplo, funcionaria bem com painéis solares, pois é ideal para lugares onde há pouco vento. Também existe a versão de 600W. Esta já permite o uso de dispositivos eletrônicos em geral.

turbina aeólica
Imagem extraída de kitex.tech

Turbina pode ser solução para nômades digitais

Algumas das características da Turbina da KiteX são bem atraentes àqueles que querem uma vida nômade. E por isso, a Wind Catcher é leve, portátil e funciona dia e noite, a princípio em qualquer lugar onde haja as condições mínimas para sua instalação.

turbina aeólica
Imagem extraída de KiteX

Além disso, a turbina eólica funciona de maneira sustentável. Afinal, é uma fonte limpa de energia renovável. Outra vantagem é que ela é compatível com geradores de energia, como os das marcas Jackery, Goal Zero e Bluetti.

turbina aeólica
Imagem extraída de KiteX
turbina aeólica
Imagem extraída de kitex.tech

A importância dessas soluções emergentes é óbvia. Além disso, é certo que essa tendência continuará a abrir espaço. Um fato que mostra isso é a crescente população que está deixando as cidades.

Hoje, sabemos que o êxodo urbano, como é chamado, é uma tendência mundial. Portanto, é como um pano de fundo para uma iniciativa como a da KiteX, que desperta cada vez mais interesse em pessoas ao redor do mundo.

Então, o que achou desta nova tecnologia? Deixe as suas impressões nos comentários!


Fontes: ciclovivo; KiteX.

Comentários

Engenharia 360

Redação 360

Engenharia para todos.