Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

CANAIS ESPECIAIS


Saiba quais serão as engenharias em alta em 2021

por Clara Ribeiro | 21/12/2020

Apesar da pandemia, muitas áreas da engenharia têm ganhado notoriedade.

Para termos ideia de quais engenharias estarão em alta em 2021, é importante lembrar que essa área é inseparável da noção de desenvolvimento de uma sociedade, sobretudo no que diz respeito a novas tecnologias e soluções de problemas. 

Afinal, o termo “engenharia” se define pela aplicação de conhecimentos a fim de construir, inventar ou aprimorar estruturas, máquinas e processos. Dito isso, é notável a importância da Engenharia para países como o Brasil, ainda mais em tempos de crises e mudanças como os que temos vivido nos últimos anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em média, formam-se 40 mil engenheiros por ano no país, considerando os mais de 20 tipos de graduação na área elencadas pelo MEC. Sem dúvida, as necessidades do tempo mudam a demanda desses ramos diversos.

Reunimos aqui, então, três deles que certamente estarão em alta no próximo ano, e inclusive depois disso.  

Engenharia Civil 

A graduação em Engenharia Civil é uma das mais procuradas e que mais tem formado profissionais no Brasil. Desde 2019, o ramo tem atingido um crescimento expressivo, que também atravessou o ano da pandemia mundial de coronavírus.  

Exemplo disso é o aumento de empresas desse setor que entraram com ações na Bolsa de Valores Brasileira (B3). Uma das razões para essa alta é o momento de juros baixos, que atrai o mercado de construção imobiliária.  

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sendo um dos ramos primordiais da Engenharia, hoje é também um dos mais desenvolvidos. A evolução dos sistemas de automação, por exemplo, permite que construções sejam feitas com a mais perfeita exatidão de seus cálculos, diminuindo as chances de falhas humanas. 

Além disso, não há como as tendências da construção civil fugirem de soluções sustentáveis. Isso significa, certamente, a substituição do concreto, que emite CO2, por materiais recicláveis, e também o uso de energias renováveis.

engenheiro ilustrando engenharias em alta 2021
Foto: Freepik

Engenharia Ambiental 

Falando em sustentabilidade, não podemos deixar de mencionar a Engenharia Ambiental. De fato, o ramo tem recebido cada vez mais atenção, compreensível pelas perspectivas assustadoras para o futuro próximo. 

A formação em Engenharia Ambiental tem seu surgimento muito ligado à 1ª Conferência Mundial sobre Meio Ambiente, realizada em 1972, em Estocolmo (Suécia). 

Até hoje, a demanda por profissionais da área só cresceu no mundo todo. Afinal, o esgotamento de recursos naturais, a readaptação das leis para novas condições climáticas e a poluição urbana e industrial são problemas que vão precisar de profissionais em ação nos próximos anos. 

engenheira ambiental 2021
Foto: Freepik

Engenharia Logística 

O objetivo da Logística é de otimizar processos, sejam logísticos, tecnológicos, comerciais ou de infraestrutura. Dessa forma, a Logística por si só conta com a inovação em seu cerne. 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Por isso, o ramo se volta muito para os métodos com que se realizam trabalhos e processos. A otimização é buscada em todos os níveis organizacionais (tático, estratégico e operacional). 

Não por acaso, a pandemia também trouxe a inovação à tona, e por isso a Logística tem ocupado importante papel.

A explosão mundial do e-commerce durante o ano é um do exemplo da alta demanda recebida em 2020. Enfim, a tendência é que essa demanda continue alta ou mesmo cresça no ano que vem. 

Leia também: 5 áreas da engenharia que talvez você não conheça.

E então, o que acha dessas apostas para 2021? Em sua opinião, qual outra área da engenharia será bastante cotada? Deixe sua resposta nos comentários!

Comentários

Engenharia 360

Clara Ribeiro

Jornalista especializada em arquitetura e engenharia. Ávida consumidora de informação; viciada em produzir conteúdo; amante das letras, das artes e da ciência.