Engenharia 360

Quais as diferenças do concreto submerso?

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 30/09/2016 | Atualizado em 03/02/2023 3 min

Quais as diferenças do concreto submerso?

por Simone Tagliani | 30/09/2016 | Atualizado em 03/02/2023
Engenharia 360

Quem atua na área da engenharia sabe o quão importantes são as soluções para ambientes aquáticos. Em certos locais, o contato da estrutura com a água é tão direto que requer um cuidado técnico maior. Para garantir a viabilidade da construção, assim como a durabilidade em longo prazo, o material utilizado deve apresentar elevada resistência. Um exemplo é o concreto submerso, que mesmo sofrendo agressões e ataques químicos e físicos, principalmente em zonas com ciclos de molhagem e secagem, mantém perfeitamente as suas propriedades.

ponte com concreto submerso
(imagem de Pixabay)

Concretagem Submersa

A concretagem submersa é uma tarefa muito complexa, que requer um cuidado bem rigoroso. Em alguns processos, há o acompanhamento de mergulhadores, que ajudam a verificar cada etapa, garantindo que não haja qualquer vazamento. Uma possível contaminação da água pode gerar um grave impacto ambiental. E se existem alternativas de evitar quaisquer acidentes, facilitar o manuseio dos materiais e aumentar a visibilidade e segurança para os trabalhadores, vale a pena o investimento, mesmo que o custo seja mais elevado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

homem mergulhando
(imagem de Pixabay)

Para sustentar as estruturas construídas em terrenos instáveis, são realizadas estacas escavadas e tubulões. Normalmente se faz assim: os tubos são colocados sobre uma camada de brita e ferragens, onde é feita uma injeção de cimento entre os espaços vazios. Nesse primeiro contato da massa com o solo, a nata é “contaminada” pela água do mar. Isso é chamado na engenharia de ‘lavagem do concreto’. Portanto, apenas a segunda injeção do material é que serviria como base para a sustentação da estrutura.

Concreto Convencional x Concreto Submerso

Na utilização do concreto convencional, a contaminação do material com o solo e com a água faz com que ele perca parte das suas propriedades, que são necessárias para o seu bom desempenho. Já com a utilização de concretos especiais, como os usinados, o resultado é outro. O concreto submerso, no caso, pode ser aplicado direto tanto na água quanto em lama betolínica – que é um tipo de solo argiloso, geralmente impuro e com grãos muito finos. Nesse processo, coloca-se todo o produto diretamente nas fôrmas, de uma única vez.

concreto submerso
(imagem de Pixabay)

O segredo do melhor desempenho do concreto submerso em ambientes aquáticos é a sua composição. A dosagem dos materiais, agregados, aglomerantes e aditivos é planejada conforme o meio onde serão inseridos. O cimento é escolhido de acordo com o tipo de peça estrutural que será construída e o seu volume. Junto dele são adicionados superplastificantes, hiperplastificantes e antidispersantes.

Características do Concreto Submerso

Além da análise do solo submerso, que deve ser realizada através de sondagens, com o concreto escolhido se faz várias verificações. Isso dirá se ele é o mais adequado para o uso ao qual será destinado. São analisadas, por exemplo, sua trabalhabilidade e consistência, ainda durante o estado plástico. Esse ensaio é chamado de ‘abatimento do concreto’.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Percebe-se que, durante a realização dos testes, quando o concreto submerso apresenta um resultado satisfatório, a massa não se dispersa, mesmo entrando em contato com a água. Veja isso no vídeo abaixo:

Utilização do Concreto Submerso

A utilização do concreto submerso proporciona uma melhor execução de estruturas de diferentes tecnologias. Através de processos como paredes diafragmas, pré-packed e tremonha, podem-se construir barragens, canalização de leito de rios, estruturas de contenção, obras emergenciais contra enchentes, quebra-mares, pilares de pontes, muros de contenção de subsolo e muitas outras coisas.  Esse tipo de concreto também é usado em reparos subaquáticos, desde pontes até piscinas.

concreto submerso
(imagem de JMFH4778 em Wikimedia) – https://pt.wikipedia.org/wiki/Barragem_do_Cabril#/media/Ficheiro:BARRAGEM_DO_CABRIL_2.jpg

Veja Também: Um debate sobre como o sexismo acontece na área da construção civil [e o que pode mudar]


Fontes: Portal do ConcretoTéchne, Construa Negócios.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais, Jornalismo Digital e Marketing Digital; estudante de Gestão de Projetos; e proprietária da empresa Visual Ideias.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo