Engenharia 360

Conheça a Ponte Öresund: Uma obra de engenharia que une dois países

Engenharia 360
por Redação 360
| 14/07/2023 | Atualizado em 25/01/2024 5 min
Imagem reproduzida de Jornal do Caminhoneiro

Conheça a Ponte Öresund: Uma obra de engenharia que une dois países

por Redação 360 | 14/07/2023 | Atualizado em 25/01/2024
Imagem reproduzida de Jornal do Caminhoneiro
Engenharia 360

A Ponte Öresund é uma obra de engenharia impressionante que conecta Dinamarca e Suécia. Com quase 8 quilômetros de extensão, é a ponte ferroviária e linha rodoviária combinada mais longa da Europa, terminando em um túnel subaquático. No total, a ponte/túnel Öresund se estende por 12 quilômetros, conectando a Dinamarca e a Suécia.

Esse belo exemplar moderno foi inaugurado em julho de 2000. Hoje, a ponte, considerada como a mais longa da Europa, possui um cabo de dados em sua infraestrutura, servindo como um hub de conexão para a Internet na Europa. E olha que interessante, sua construção exigiu até a criação de uma ilha artificial chamada Peberholm e o uso de tecnologia inovadora. Ou seja, a Ponte Öresund é um marco icônico da Engenharia Moderna. Saiba mais sobre ela no texto a seguir, do Engenharia 360!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Nick-D em Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Ponte_do_%C3%98resund#/media/Ficheiro:
%C3%98resund_Bridge_from_the_air_in_September_2015.jpg

Qual é o objetivo principal da Ponte Öresund?

O objetivo principal da Ponte Öresund é conectar os dois países, proporcionando uma rota direta para o tráfego rodoviário e ferroviário entre os territórios. Resumindo, a ponte foi construída para facilitar o transporte e promover a integração econômica e social da região.

A construção da Ponte Öresund custou 4,5 bilhões de dólares na época. Inicialmente, foi financiada por meio de financiamento e empréstimos do governo. Atualmente, os pedágios pagos pelos motoristas que atravessam a ponte estão sendo utilizados para recuperar o investimento. Espera-se que o sistema de pedágio cubra completamente os custos da ponte até 2030.

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton

Quais são as especificações de engenharia da Ponte Öresund?

A Ponte Öresund é uma obra de engenharia impressionante, ícone bem-sucedido da História da Engenharia devido às suas características e conquistas notáveis. Ela representa um dos oito projetos de ponte para túnel em todo o mundo e serve como um centro de trânsito importante para viagens em toda a Europa.

Design

A construção da Ponte Öresund foi influenciada pelos erros cometidos em outros projetos de construção. A equipe de engenheiros aprendeu com esses erros e procurou evitá-los. Eles buscaram um design final ideal, levando em consideração as lições aprendidas e as restrições do projeto.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Claro que a transição da ponte para o túnel foi necessária devido a restrições do próprio design. Os engenheiros precisavam permitir a passagem do tráfego marítimo pelo canal, mas também garantir que a altura da ponte não obstruísse o aeroporto de Copenhague nas proximidades. E, no fim, a transição para o túnel evitou possíveis colisões de aviões com as torres de suporte da ponte, garantindo a segurança das viagens internacionais.

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de celere-ce

Segurança e durabilidade

A segurança e durabilidade da Ponte Öresund foram elementos-chave durante o processo de construção. O design suspenso por cabo foi adotado para transferir o peso através de vários cabos de volta às torres principais, garantindo estabilidade para o tráfego ferroviário. As torres de suporte foram projetadas de forma independente, de modo que a colisão de um avião em uma torre não comprometesse toda a estrutura. Dessa forma, a Ponte Öresund conseguiu transportar com segurança carros, vagões e cabos internacionais da Internet.

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Hajotthu em Wikipédia - https://commons.wikimedia.org/wiki/File:%C3%96resundbr%C3%BCcke_nach_Malm%C3%B6.JPG
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton

Veja Também:

Conheça o maior túnel submerso de "LEGO" em construção no mundo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Estrutura

Para a construção da Ponte Öresund, foram utilizados milhões de toneladas de segmentos de túneis fechados com o auxílio de navios subaquáticos. As torres principais da ponte foram montadas usando plataformas especiais.

Na construção da ponte e do túnel, foram utilizados diversos materiais. Foram empregados 280 mil m³ de concreto estrutural, 82 mil toneladas de aço estrutural e 60 mil toneladas de aço corrugado para protensão. A maioria dos elementos foi pré-fabricada na Suécia, exceto os tabuleiros.

No caso do túnel submarino, foram produzidos 20 elementos pré-fabricados de concreto. Cada peça tinha grandes dimensões, com 75 metros de comprimento, 38 metros de largura e 8,5 metros de altura. Cada elemento pesava aproximadamente 55 mil toneladas.

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Jornal do Caminhoneiro
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Jornal do Caminhoneiro

Já para a construção da ilha artificial Peberholm, utilizou-se material dragado do fundo do mar. Lembrando que a ilha foi construída com o objetivo de servir como ponto de transição e ponto focal do sistema de transporte público. O túnel foi, então, pré-construído na ilha e, em seguida, colocado no lugar e preenchido com a ajuda de navios especialmente projetados.

Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Jornal do Caminhoneiro
Ponte Öresund, a estrutura de ponte impossível
Imagem reproduzida de Tékhton

A saber, atualmente, a Ponte Öresund é uma rota de trânsito movimentada, com aproximadamente 25 milhões de pessoas atravessando-a anualmente entre a Dinamarca e a Suécia.

Veja Também:


Fontes: Engenharia É, Cimento Itambé, Tékhton, celere-ce.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo