Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia 360

O desafio da Mobilidade Urbana

Imagem padrão usuário
por Luciana Reis
| 08/10/2015 2 min

O desafio da Mobilidade Urbana

por Luciana Reis | 08/10/2015
Copiado!

Pare e pense: se em uma cidade TODOS tivessem carro, como se deslocariam? Não haveria espaço para locomoção. Engraçado que o que todo mundo quer é se locomover, mas todos pensam no mesmo meio de transporte: o carro. É essa mentalidade que precisa ser mudada no século XXI.  Não dá mais para conviver com uma rua intransitável, com tanta fumaça, com tanto barulho da buzina e e com altos roncos de motores.
transporte-publico-blogdaengenharia

Cada vez mais as pessoas vão se concentrar em cidades e, acompanhando esse fenômeno, vem o aumento de carros nas ruas. No Brasil, a maioria das cidades foram pensadas e planejadas para os carros, mas agora precisam ser repensadas.
Entre as principais soluções para o problema da mobilidade urbana seria o estímulo aos transportes coletivos públicos, através da melhoria de suas qualidades e eficiências e do desenvolvimento de um trânsito focado na circulação desses veículos.
convencao_reune_especialistas_em_mobilidade_urbana_no_rio_27112009-161528-1
Um problema que tira o sono de vários governantes é a busca constante pela mobilidade urbana. Em uma cidade com mais de 6 milhões de habitantes,- estimativa para a cidade do Rio – esse problema se torna ainda mais complexo. É uma tarefa muitíssimo complicada, porém não é impossível. Os BRTs são um grande exemplo de mobilidade urbana. Conforme os usuários do transporte individual verem que em transporte coletivo a viagem será bem mais rápida, mais usuários de ônibus teremos.
Nos últimos anos, o debate sobre mobilidade urbana tem se acirrado cada vez mais, mas ainda estamos longe do final dessa história. O Brasil corre atrás depois de anos privilegiando apenas o transporte individual em detrimento do coletivo. A grande jogada agora será aumentar a oferta de transporte público de qualidade de acordo com a demanda. Não só o número de ônibus e vagões de metrô, mas também outras opções: ônibus, metrô, trem, bicicleta…
E você? Como se locomove por aí?
 

Copiado!

Comentários