Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Lilium Jet: seu táxi aéreo e elétrico está chegando

por Kamila Jessie | 21/05/2019
Copiado!

O promessa do carro voador está sendo cumprida. A startup alemã de táxi aéreo Lilium anunciou o primeiro teste de sua aeronave de cinco lugares totalmente elétrica. Foi o mais recente de uma série de testes bem-sucedidos para a nascente indústria de voos elétricos, que pretende ter “carros voadores” sobrevoando as cidades na próxima década.

lilium jet
Imagem: the verge.com

Testes com o Lilium Jet

Em um vídeo fornecido pela empresa Lilium, o carro voador pode ser visto decolando verticalmente como um helicóptero, pairando brevemente e aterrissando. Pode não parecer muito, mas é um grande passo para a companhia, que espera lançar um serviço de táxi aéreo totalmente operacional em várias cidades até 2025. É muito futurista!

Comparado com as outras aeronaves elétricas, o Lilium Jet certamente se destaca: ele tem uma cabine oval empoleirada no trem de pouso com um par de asas paralelas. As asas são equipadas com um total de 36 motores elétricos a jato que se inclinam para a decolagem vertical e depois mudam para a frente para o voo horizontal. Não há cauda, ​​leme, hélices ou caixa de câmbio. Quando estiver completo, o Lilium Jet terá uma velocidade máxima de 300km/h, segundo a empresa.

lillium jet
Imagem: the verge.com

Desafios da construção de carros voadores elétricos

Dentre as dificuldades de engenharia, cabe citar a relação potência-peso: essa é uma grande consideração para o voo elétrico e também um dos seus maiores inibidores. A densidade de energia, ou seja, a quantidade de energia armazenada em um determinado sistema, é a principal métrica, e as baterias de hoje não contêm energia suficiente para tirar a maioria dos aviões do solo. O combustível de aeronaves rende cerca de 43 vezes mais do que uma bateria que é pesada. Mas a proposta é de um táxi aéreo elétrico.

lilium jet
Imagem: the verge.com

Ainda não há informações detalhadas sobre a capacidade de peso do jato Lilium, mas a promessa é que esse carro voador será capaz de transportar cinco passageiros e um piloto, além de bagagem. Ao contrário de alguns de seus concorrentes, a Lilium planeja manter um piloto humano a bordo de sua aeronave. Isso permitirá um processo de certificação de táxi aéreo de forma mais fácil, conforme especulam.

lilium jet
Imagem: theverge.com

Importante mencionar que a Lilium não é a única empresa com projetos de táxis voadores. Existem muitos programas nesse sentido, mas em geral eles usam rotores, em vez do design de jato. De uma forma ou de outra, vamos esperar essa novidade aterrissar (trocadilho intencional).

Referência: The Verge.

Copiado!
Engenharia 360

Kamila Jessie

Engenheira ambiental e sanitarista, MSc. e atualmente doutoranda em Engenharia Hidráulica e Saneamento pela Universidade de São Paulo. http://orcid.org/0000-0002-6881-4217

Comentários