Engenharia 360

Confira imagens do metrô de Doha, que impressionou os turistas da Copa do Mundo 2022

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 22/11/2022 | Atualizado em 25/11/2022 4 min

Confira imagens do metrô de Doha, que impressionou os turistas da Copa do Mundo 2022

por Simone Tagliani | 22/11/2022 | Atualizado em 25/11/2022
Engenharia 360

Você sabia? Sete dos oito estádios da Copa do Mundo são servidos pelo transporte sobre trilhos – apenas o Al Bayt, ao norte do país, não é atendido por linhas de metrô. E parece que torcedores e jornalistas estão simplesmente encantadíssimos com a tecnologia presente nas linhas do metrô de Doha, no Catar; inclusive, comparando com o requinte da primeira classe de aviões. É claro que, para completar a nossa edição especial de artigos em homenagem à competição, não poderíamos deixar de compartilhar informações disso no Engenharia 360! Veja a seguir!

A história da rede ferroviária do Catar

A rede ferroviária do Catar começou a ser desenhada em 2009. Na época, o compromisso com a sua construção foi afirmado pela autoridade de investimentos do Catar e a Deutsche Bahn, empresa de transporte alemã com sede em Berlim. Mas, em 2011, a companhia ferroviária estatal Qatar Railways Company se tornou a única proprietária do projeto, com a parceira alemã desenvolvendo a função de principal consultora e fonte para os especialistas da ferrovia.

metrô Doha | Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de Via Trolebus

Finalmente, em 2013, a construção do metrô de Doha oficialmente começou, indicando as obras pela estação Msheireb, localizada entre Msheireb Downtown Doha e Mushayrib. Na sequência, a Qatar Railways Company lançou a licitação para a construção dos demais trechos: linhas vermelha, verde e ouro, com um comprimento aproximado de 76 km e 37 estações. A perspectiva é de que tudo seja administrado e mantido pelas próximas duas décadas pelo proprietário junto do RKH Qitarat, um consórcio formado pelo Grupo Hamad, e pelos operadores de trânsito franceses Keolis e RATP Dev.

Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de Próxima Trip
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de Site Niemeyer
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN

O funcionamento do metrô na Copa do Mundo

Este sistema completo começou a ser operado em 2019, incluindo ferrovia de longa distância, para passageiros e frete, ligando o Catar ao demais países do Conselho de Cooperação do Golfo – Omã, Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Bahrein e Kuwait -, e o VLT de Lusail. Aliás, confira, no vídeo a seguir, o registro da operação do modelo especial de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) saindo da Estação de metrô Msheireb, em Doha.

O metrô de Doha é um dos mais rápidos metropolitanos com trens autônomos do mundo, capaz de atingir 100 km/h. Mas, durante esta Copa do Mundo, não é exatamente a velocidade das viagens que vem chamando a atenção de torcedores e jornalistas. Na verdade, é o luxo total das novas instalações, a arquitetura imponente das estações e a impecável estrutura interna, muito limpa, bem decorada e confortável. Chega-se a ter vagões com poltronas acolchoadas e com encosto de cabeça, piso amadeirado, teto com desenhos geométricos e vidros decorados nas portas.

Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de Autoesporte – Globo
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de CNN
Copa do Mundo Catar
Imagem reproduzida de ILoveQatar

Fonte: O Globo, Wikipédia.

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada em Arquitetura & Urbanismo e Letras; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais e Jornalismo Digital; estudante de Marketing; e proprietária da empresa Visual Ideias.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo