Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia 360

Estudante de 15 anos é aprovado em curso de Engenharia Mecânica-Aeronáutica no ITA

Imagem padrão usuário
por Luciana Reis
| 25/01/2016 2 min

Estudante de 15 anos é aprovado em curso de Engenharia Mecânica-Aeronáutica no ITA

por Luciana Reis | 25/01/2016
Copiado!

Ser aprovado no ITA, através de um dos vestibulares mais concorridos e exigentes do país, já é algo que traz muita alegria ao estudante. E quando este tem apenas 15 anos de idade, a satisfação por ingressar no Instituto Tecnológico de Aeronáutica – localizado em São José dos Campos, estado de São Paulo – é ainda maior. Foi o que aconteceu com o potiguar Victor Raniery da Silva Holanda, aprovado no curso de Engenharia Mecânica-Aeronáutica.

prova-exame-blog-da-engenharia

Imagem: Notibrás



O resultado foi divulgado no último dia 30 de dezembro, e o estudante sempre chamou a atenção dos professores pela dedicação aos estudos, o que se intensificou nos últimos três anos. Para ser aprovado, Victor focou nos estudos e cursou o 1º e o 2º ano do Ensino Médio no Instituto Federal do Rio Grande do Norte. Para ingressar no IFRN, Victor conseguiu na Justiça o direito de pular o 9º ano (antiga 8ª série do Ensino Fundamental).
A decisão de prestar o vestibular para o ITA surgiu após a participação de Victor em uma feira de profissões realizada na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), quando o jovem se interessou pela Engenharia Mecânica. Seu pai, após pesquisas, indicou o ITA a Victor, e o curso de Engenharia Mecânica-Aeronáutica tornou-se o objetivo do estudante, principalmente depois de ter conhecido o projeto “carcará”, da universidade potiguar, em que os alunos constroem aviões e participam de competições.
estudante-aprovado-no-ita-blog-da-engenharia

Victor Raniery da Silva Holanda, de apenas 15 anos, é um dos aprovados no ITA> Imagem: Arquivo Pessoal/Divulgação


Para passar no vestibular, além das aulas de tarde, Victor estudava por conta própria durante as manhãs e, pouco antes da prova, também de noite e aos fins de semana. Tanto esforço tornou possível ao estudante acompanhar a evolução dos colegas, mais velhos. E para um preparo mais intensivo para as provas, Victor foi transferido para uma escola particular.
Para se ter uma ideia de como é concorrido, entre mais de 12 mil inscritos, 140 estudantes foram aprovados para iniciar os estudos no ITA. O curso de Engenharia Mecânica-Aeronáutica teve início em 1975, após a alteração da matriz curricular do curso que, até então, era de Engenharia Mecânica no instituto.
Referências: Tribuna do Norte, G1, ITA
 

Copiado!
Imagem padrão usuário

Luciana Reis

Artigo Anterior
Próximo Artigo

Comentários